MLS

Pioneiro no futebol americano morre aos 61 anos

Pioneiro no futebol americano morre aos 61 anos

Mike Leach, pioneiro que ajudou a revolucionar o futebol americano, morreu após complicações de um problema cardíaco, na última terça-feira (13). O ex-treinador estava com 61 anos e foi vítima de problemas cardíacos.

Leach, que estava em sua terceira temporada como técnico do Mississippi State, adoeceu no último domingo (11), em sua casa, em Starkville, Mississippi. O treinador recebeu cuidados em um hospital local, antes de ser levado por um avião para o Centro Médico da Universidade do Mississippi, em Jackson, cerca de 120 milhas de longitude.

“Mike era um marido, pai e avô generoso e atencioso”, disse sua família em comunicado. “Ele pôde participar da doação de órgãos na UMMC como um ato final de caridade. Somos apoiados e encorajados pelo amor e pelas orações da família, amigos, da Mississippi State University, da equipe do hospital e dos torcedores de futebol de todo o mundo. Obrigado por compartilhar a alegria da vida de nosso amado marido e pai”, finalizou.

Mike lutava contra uma pneumonia desde o final da temporada. O treinador passava por tosses incontroláveis, às vezes até durante as coletivas de imprensa, contudo, de acordo com pessoas próximas, o técnico parecia estar melhorando gradualmente.

“O técnico Mike Leach lançou uma tremenda sombra não apenas sobre a Mississippi State University, mas sobre todo o cenário do futebol universitário. Seu inovador ataque “Air Raid” mudou o jogo”, disse o presidente da MSU, Mark E Keenum, em um comunicado. “O intelecto aguçado e a franqueza absoluta de Mike fizeram dele uma das verdadeiras lendas do treinador do país. Sua morte traz grande tristeza para nossa universidade, para a Southeastern Conference e para todos que amavam o futebol universitário. Sentirei falta da profunda curiosidade de Mike, sua honestidade e sua abordagem aberta para buscar a excelência em todas as coisas.”

Leach ficou conhecido pela sua genialidade no futebol universitário. Além do profissionalismo, ele escreveu um livro sobre o líder nativo americano Geronimo, bem como tinha uma paixão por piratas e deu uma aula sobre guerra insurgente — e coletivas de imprensa improvisadas. Uma figura!

Em sua carreira, foram 21 temporadas como treinador principal na Texas Tech, Washington State e Mississippi State. Um legado que ficará para a história da modalidade e do esporte!

Foto destaque: Divulgação / Vasha Hunt / AP

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top