Golden State Warriors

Steve Kerr se tornou o 5º técnico a registrar 400 vitórias mais rápido na carreira

Steve Kerr se tornou o 5º técnico a registrar 400 vitórias mais rápido na carreira

Antes de tudo, com uma vitória por 111 x 107 na sexta-feira (17) sobre o Boston Celtics, o técnico do Golden State WarriorsSteve Kerr, passou a ser o 5º técnico a atingir a marca de 400 vitórias na NBA de forma mais rápida. A saber, o técnico vem batendo recodes no comando dos Warriors.

Em suma, Kerr registrou sua 400ª vitória como técnico na carreira, tornando-se o terceiro técnico da história do Warriors a alcançar a marca. Assim, tornou-se o 5º mais rápido da história da NBA a atingir tal feito.

Steve Kerr fala sobre marca nos Warriors e na carreira

Foram necessárias 576 tentativas de Kerr para vencer 400 jogos, uma porcentagem de vitórias de 69,4% em temporadas regulares. Decerto, não leva em conta o sucesso pós-temporada que produziu quatro participações consecutivas em finais e três títulos da NBA. Sobre tal marca, em entrevista coletiva, o técnico libanês pregou humildade:

“Significa que tenho muita sorte em treinar um monte de caras talentosos. Desde o meu primeiro jogo como treinador na NBA até agora, não tive nada além de times talentosos. Isso é apenas boa sorte. Então, adoro treinar esses caras, adoro fazer parte de tudo isso com eles e tenho muita sorte”.

Apenas dois treinadores do Warriors ganharam mais jogos: Alvin Attles (557; 1970-83) e Don Nelson (422; 1988-95), e apenas quatro treinadores na história da NBA alcançaram 400 vitórias mais rápido: Pat Riley (540), Phil Jackson (557), KC Jones (564) e Billy Cunningham (572).

Logo atrás de Kerr, agora, está seu amigo de longa data e mentor Gregg Popovich, que precisava de seus primeiros 611 jogos pelo San Antonio Spurs para registrar 400 vitórias. Antes de se tornar o treinador do Warriors em 2014, ele quase se juntou a outro amigo de longa data e mentor, Phil Jackson, no New York Knicks.

No entanto, Kerr rejeitou Nova York para assumir o comando de um esquadrão do Golden State que já tinha um núcleo de Curry, Draymond Green e Klay Thompson. Em uma entrevista recente com Jon Stewart, Kerr disse que o motivo era óbvio.

“Conversei com meus amigos treinadores e todos disseram a mesma coisa: ‘Seu talento é tudo no coaching' e é verdade. Lembro-me de dizer: ‘Bem, Phil Jackson é meu cara'. E um dos meus amigos disse: ‘Qual trabalho você acha que Phil aceitaria?' Eu estava tipo, ‘Ooh, cara.' Isso meio que me pegou. Pense nisso: Phil Jackson pega o emprego dos Bulls quando ele tem Michael Jordan, Scottie Pippen e sua carreira decola. Pat Riley aceita o trabalho do Lakers quando tem Magic Johnson e Kareem Abdul-Jabbar. Todos nós dependemos do talento como treinadores, e os Warriors já eram bons”.

Então, os Warriors venceram 50 jogos na temporada antes de sua chegada, mas Kerr ajudou a elevar o núcleo existente à maior dinastia do basquete do século 21. Na primeira temporada de Steve, Curry ganhou seu primeiro de dois troféus de MVP e os Warriors venceram seu primeiro campeonato da NBA em 40 anos. 

Ademais, chegaram às finais nas três temporadas seguintes e ganharam mais dois títulos. Com um início de 24-5 nesta temporada, eles parecem ser um forte candidato para adicionar um quarto campeonato ao currículo de Kerr.

Foto destaque: Reprodução / NBC

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top