UFC: homem é preso após tiro em casa de Jorge Masvidal nos EUA

Igor Ribeiro | 05/05/2023 - 12:00

Jorge Masvidal está envolvido em mais uma polêmica. O norte-americano, que anunciou aposentadoria em abril deste ano ao perder para Gilbert Durinho no UFC 287, teve que prestar depoimento à polícia após tiroteio em sua casa, localizada em Miami, nos Estados Unidos.  

O Departamento de Polícia de Miami declarou que os policiais responderam um chamado em residência que teria Masvidal como proprietário. Ao chegar no local, ela se deparou com um homem baleado — que acabou socorrido por equipe médica e passa bem. 

VEJA TAMBÉM 

+ UFC: Cejudo se empolga e ousa em provocação com chute em Sterling

++ UFC 288: oito brasileiros entram em ação em card deste sábado (6)

Jorge prestou depoimento à polícia e afirma que não esteve presente durante o incidente. Ele alega não ter qualquer envolvimento no ocorrido.  

Briga em casa de Masvidal quase acaba em tragédia 

Uma discussão que quase ocasionou em tragédia. De acordo com relatos policiais, a vítima teria se desentendido com um outro homem, que sacou sua arma e atirou. Masvidal também confirmou que as duas pessoas se conheciam, mas não deu detalhes sobre o tipo de relação dos envolvidos.  

Empresário e dono da organização Gamebread Boxing, o norte-americano está na Flórida — com distância de cerca de 385 km do local, para promover um evento de boxe sem luvas, realizado nesta sexta-feira (5). O veterano ex-UFC Roy Nelson é protagonista do card e encara Dillon Clackler.  

Escrito por Igor Ribeiro
Igor Ribeiro é especialista em lutas e MMA e começou a carreira na área como redator e repórter do site Super Lutas, até se tornar coordenador. Foi reporter do Quinto Quarto até julho de 2023.