UFC: nova vitória pelo cinturão faz Edwards ignorar quarta luta com Usman

Igor Ribeiro | 21/03/2023 - 12:53

Campeão dos meio-médios (até 77 kg), Leon Edwards contou com o apoio da torcida e mostrou evolução para bater Kamaru Usman na decisão majoritária dos juízes, em luta válida pelo UFC 286. No último sábado (18/03), o inglês impôs seu ritmo na trocação, impediu as quedas do nigeriano e saiu com os braços erguidos em sua primeira defesa de título. 

A nova vitória sobre Usman gerou um impacto para Edwards. Questionado sobre a possibilidade de uma quarta luta contra o rival, o campeão afirma ser a hora certa de seguir em frente em busca de novos desafios na categoria dos meio-médios. Ele quer sua segunda defesa de título contra novos adversários.  

— Provavelmente, não (lutaremos de novo). Já são três lutas e quero seguir em frente na minha carreira. Vou procurar fazer mais lutas diferentes. Desejo tudo de bom em tudo que ele decida fazer. Nunca houve briga entre Kamaru e eu –, afirmou.  

LEIA MAIS: 

+ Covington x McGregor: americano chama para briga e espera ‘maior luta do UFC’

++ ‘Poatan sofre com meu estilo de luta’, diz potencial rival

Possíveis alvos de Leon Edwards

A próxima defesa de título para Edwards deve ser Colby Covington. O norte-americano foi escalado como lutador reserva para o embate no UFC 286 e estava pronto para atuar, caso tivesse algum problema com um dos protagonistas. Ele também recebeu a confirmação do “chefão” Dana White, que já declarou interesse em promover a luta. Jorge Masvidal, Gilbert Durinho, Belal Muhammad e Shavkat Rakhmonov são outras possibilidades.  

Indiscutível nos meio-médios, Leon Edwards emplacou sua 11ª vitória seguida e é um dos grandes lutadores da atualidade. O inglês soma um retrospecto de 21 triunfos, três reveses e uma luta sem resultado. Ele já bateu nomes como Nate Diaz, Rafael dos Anjos, Donald Cerrone e Vicente Luque, além de Kamaru Usman em duas oportunidades.  

Escrito por Igor Ribeiro
Igor Ribeiro é especialista em lutas e MMA e começou a carreira na área como redator e repórter do site Super Lutas, até se tornar coordenador. Foi reporter do Quinto Quarto até julho de 2023.