UFC: Amanda Lemos promete ‘fogo no octógono’ contra campeã

Matheus Costa | 25/05/2023 - 06:30

Depois de escalar no ranking dos palhas femininos, Amanda Lemos foi condecorada com a oportunidade de disputar o cinturão. A brasileira foi a escalada para ser a próxima desafiante contra a campeã Weili Zhang no UFC 292, que será realizado em 19 de agosto.

Com sete vitórias em suas últimas oito lutas, a lutadora brasileira da categoria até 52 kg construiu um ótimo momento e agora é recompensada com sua maior luta até então no UFC. Em entrevista ao podcast “Trocação Franca”, Amanda Lemos analisou o desafio e elogiou a campeã Weili Zhang, mas deixou claro que sairá do octógono com o cinturão.

— Weili é muito explosiva. Ela gosta de finalizar as lutas como eu, então vamos colocar fogo no octógono. Eu vou até lá para vencer. Temos uma estratégia muito boa e eu tenho certeza que eu vou sair do octógono com o cinturão.

VEJA TAMBÉM

UFC: campeão sugere novo cenário para rivalidade entre Poatan e Adesanya

++ MMA x boxe: UFC quer luta perigosa para Tyson Fury contra Jon Jones

+++ PM que atirou em Leandro Lo recebe salário e pede fim do sigilo do caso

Amanda Lemos analisou o desafio que é enfrentar a chinesa, que vive ótimo momento e já construiu seu cartel com vitória sobre nomes importantes na divisão, como Rose Namajunas, Joanna Jedrzejczyk e Jessica Andrade. O respeito da brasileira por Weili é grande, mas não é maior do que sua vontade de conquistar o cinturão do peso palha.

— A Weili é muito perigoso, então você precisa ficar em alerta com todos os seus movimentos. Ela ser tão explosiva acaba sendo uma coisa boa que estamos estudando nos treinos. Vai ser uma luta muito dura. Eu vou dar o meu melhor lá dentro. Ela quer o cinturão dela, eu quero o cinturão para mim, então definitivamente não vamos deixar nas mãos dos juízes.

Amanda Lemos detalhou seu progresso durante os treinos e revelou que seu foco é afiar suas armas em todas as áreas para se tornar uma lutadora completa, algo que ela já mostrou no octógono. A experiente atleta de 36 anos também revelou que está treinando com um novo mestre de jiu-jítsu e já está aprendendo novos truques no chão.

— Eu estou afiando as minhas armas em todas as áreas. Eu sinto que eu estou evoluindo em todos os treinos. Eu tenho um novo treinador de jiu-jítsu e ele é muito bom. Estou aprendendo novos truques e eu mal posso esperar por colocá-los em prática. Eu não posso te dizer como a luta vai acabar, mas não vai para a decisão. Vai ser um nocaute ou finalização, porque é isso que eu vou buscar no dia 19 de agosto.

Escrito por Matheus Costa
Matheus Costa é jornalista, repórter e redator com passagens por MMA Brasil, LANCE!, O Dia, Yahoo! e outros. Sua carreira no jornalismo iniciou na cobertura do MMA, depois se expandindo para a cobertura do futebol e dos bastidores de televisão esportiva brasileira. Já cobriu in loco eventos de MMA, futebol, basquete e jiu-jítsu.