COLUNAS

Top 10 melhores pivôs da NBA de todos os tempos

Top 10 melhores pivôs da NBA de todos os tempos

Antes de mais nada, confira o Top 10 melhores pivôs da NBA de todos os tempos. Em primeiro lugar, os pivôs tiveram seu papel de protagonista da NBA em diversos e diferentes períodos e temporadas. A função é considerada um componente necessário para uma equipe de sucesso. Grandes pivôs têm sido a base para a maioria das dinastias da NBA e da NCAA. De fato, até a década de 1940, mesmo pivôs dominantes como Moose Krause não eram extraordinariamente altos.

Então, o George Mikan de 2,08 cm e Bob Kurland de 2,13 cm foram pioneiros como pivôs bem altos, quebrando a percepção difundida de que jogadores altos não podiam desenvolver agilidade e coordenação para jogar bem basquete. Dessa forma, inaugurando o papel do grande homem dominante. Por mais que Bob não tenha jogado profissionalmente, Mikan sim e ainda revolucionou o basquete com seu jogo. Portanto, confira os maiores pivôs da NBA de todos os tempos.

Top 10 melhores pivôs da NBA de todos os tempos

10º Bill Walton

Em suma, William Theodore Walton III, o popular Bill Walton, foi selecionado como a 1ª escolha geral no draft da NBA de 1974 e levou o Portland Trail Blazers a um campeonato da NBA em 1977, ganhando o prêmio de MVP das finais da NBA nessa temporada. No ano seguinte, foi MVP da NBA (1978), All-NBA First Team e All-Star NBA.

Bem como, ganhou outro título da NBA com o Boston Celtics em 1986. Assim, foi indicado para o Naismith Memorial Basketball Hall of Fame em 1993. Dessa forma, fazia perfeitamente a função de pivô, sendo líder de rebotes e tocos da NBA no ano de 1977, do qual foi campeão. Teve uma carreira encurtada pelas lesões, mas seu talento é notório na 10ª posição. Sem lesões, era equiparado a Kareem Abdul-Jabbar.

George Mikan

Antes de mais nada, George Mikan, apelidado de “Mr. Basketball”, é visto como um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos. Bem como um dos pioneiros do basquete profissional. Por certo, redefiniu o jogo com seu prolífico rebote, bloqueio e seu talento para chutar com seu ambidestro chute de gancho, resultado do homônimo movimento Mikan Drill.

Mikan teve uma carreira de jogador de sucesso, ganhando sete campeonatos da NBL (2x), BAA/NBA (5x). Ainda mais, um troféu de MVP do NBA All-Star Game, três vezes cestinha da NBA (1949-1951) e uma vez MVP e cestinha da NBL (1948).

Assim, Mikan era tão dominante que levou a várias mudanças nas regras da NBA: entre elas, a introdução da regra de não ser permitido o bloqueio de um arremesso quando a bola já se encontra numa trajetória descendente, o alargamento da pista de falta – conhecida como “Regra Mikan” – e a criação do relógio de chute.

Patrick Ewing

De antemão, Patrick Ewing teve o New York Knicks como seu principal time. Assim como outros astros da NBA, teve dois apelidos: Big Pat e Hoya Destroya. Sua camisa nº 33 foi aposentada pelo time de Nova York. Por certo, foi 11 vezes para o primeiro time do NBA All-Star.

A saber, Big Pat é frequentemente considerado um dos maiores pivôs da história da NBA. Apesar de não conseguir levar seu time ao título, chegando a duas finais com o Knicks em 1994 e 1999, Ewing foi um dos pivôs mais dominantes da história da NBA, com média de quase 10 rebotes por jogo em sua carreira.

David Robinson

Antecipadamente, David Robinson jogou a carreira toda no San Antonio Spurs, na NBA, de 1989 a 2003, e atualmente é proprietário minoritário dos Spurs. Apelidado de “O Almirante“, foi 10 vezes NBA All-Star, MVP da NBA de 1995duas vezes campeão da NBA (1999 e 2003), duas vezes campeão olímpico (1992, 1996).

Bem como foi o Jogador Defensivo do Ano em 1992 cestinha da NBA em 1994. Como pivô, foi líder de rebotes da liga em 1991 e líder de bloqueios em 1992, além de Calouro do Ano de 1990. Nesse ínterim, David Robinson é amplamente considerado um dos maiores pivôs da história do basquete universitário e da NBA.

6º Moses Malone

Moses Eugene Malone foi um dos pivôs mais dominantes de seus tempo. Dessa forma, foi MVP da NBA três vezes, NBA All-Star 12 vezes e esteve na seleção de times All-NBA oito vezes. Em suma, liderou o Philadelphia 76ers a um campeonato da NBA em 1983, vencendo a liga e sendo o MVP das finais.

Malone foi um jogador incansável e físico que liderou a NBA em rebotes seis vezes, incluindo um recorde de cinco temporadas consecutivas (1981-1985). Apelidado de “Chairman of the Boards” por sua habilidade nos rebotes, terminou sua carreira como o líder de todos os tempos em rebotes ofensivos, depois de liderar a ABA e a NBA na categoria por nove vezes.

Combinando suas estatísticas do ABA e da NBA, Malone ocupa o 9º lugar em pontos na carreira (29.580) e o 3º em rebotes totais (17.834). Por fim, foi nomeado para a equipe de todos os tempos da ABA e para a equipe de todos os tempos do 50º aniversário da NBA.

Confira aqui o Top 5 melhores pivôs da NBA de todos os tempos!

Foto destaque: Divulgação / Quinto Quarto

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top