NBA

Penny Hardaway se daria bem na NBA atual?

penny hardaway orlando magic

Penny Hardaway é uma sugestão de Paulo Palhares, nosso seguidor no Instagram. Você quer dar pitacos na nossa série de posts com astros do passado teletransportados para 2020? Então siga a gente nas redes sociais, especialmente o já citado Instagram. Vamos postar lá todos os dias quem são os escolhidos e também abrir para sugestões.

Muito bem, aqui estamos, Penny Hardaway é o cara da vez. Novamente: o resultado final destes textos sobre esta série sempre vai ser “sim, ele se daria bem na NBA atual, mas…”, seguido de alguma adaptação que teria que ser feita. Mas é difícil imaginar algo que seja impossível de lidar para atletas de ponta e geniais como os que estamos abordando. Prometo que antes do fim de semana tratarei de um jogador idolatrado que teria que fazer algumas concessões mais pesadas.

Não é o caso do maior armador da história do Orlando Magic.  Em sua segunda temporada na liga o cara teve 25,5 pontos, 4,8 rebotes, 8 assistências e 50% nos arremessos de quadra NAS FINAIS DA NBA. Perdeu? Perdeu. Foi varrido? Sim. Você está rindo agora? Quero ver qual é sua solução para marcar Hakeem Olajuwon no auge.

Por que Penny Hardaway se daria bem na NBA atual?

O grande lance quando ele chegou na NBA era vê-lo como o sucessor artístico de Magic Johnson. Armador, altura superior à maioria dos jogadores da posição (2,01 m), visão excelente e capacidade de pontuação logo de cara. Magic ainda tinha um resquício da ideia que armadores precisam passar e os outros que pontuem – ele chegou ter temporadas seguidas com apenas 11 arremessos por jogo – antes de assumir a bronca da pontuação com Kareem Abdul-Jabbar quase pedindo aposentadoria pelo INSS de tão velho que era.

Penny não tinha esse problema. Ele é um dos responsáveis por uma mudança de perfil dos armadores, saindo do molde John Stockton. Se você tem capacidade de pontuar, você pontua. E em uma era onde a bola de 3 ainda era um acessório, ele já arremessava “bastante” para a época. Em 1995/96, seu melhor ano estatístico, ele teve 3,5 tentativas por jogo. Pegando os armadores All-Star daquele ano, só Jason Kidd teve mais e porque ele saiu de sua média de 3, alguma coisa dos anos anteriores e próximos anos.

  • Jason Kidd: 4,9
  • Gary Payton: 2,8
  • John Stockton: 2,7
  • Terrell Brandon: 3,1

Bom, desnecessário falar que em 2020 ele arremessaria 10 bolas por jogo.

Mas o grande lance de Penny Hardaway na NBA atual seria a possibilidade de criar um ataque onde ele faria absolutamente tudo: navegar pelo pick n’roll, criar seu próprio arremesso, aproveitar mismatches a todo momento e em penetrações, ou partir para a cesta ou achar um companheiro livre na linha de 3 pontos.

Exemplo de jogada que hoje ele teria a todo momento? Só clicar no play.

Só que também temos que falar das lesões. Com 25 anos ele caiu na maca e não se levantou mais, perdendo a explosão e rodando pela liga até um fim de carreira melancólico.

Em 2020, sua condição seria tratada melhor, com o avanço da medicina esportiva, descanso e estrutura das equipes. Mas, apesar de a NBA atual não ter mais torres gêmeas ferrando com o espaçamento e alguns grossos distribuindo porrada, o jogo é muito mais mais rápido. E isso exige não só condicionamento, mas também lidar com o perigo de quedas horrorosas que destroem tornozelos, joelhos e pernas. Pergunte como isso dói para Gordon Hayward e Paul George.

Eu vou deixar a comparação com James Harden para depois, apesar de gostar da habilidade de ser um playmaker e pontuador e ser uma ameaça ofensiva de diversas formas que ambos tem em comum. Vou deixar Luka Doncic para depois também.

“Quem é Penny Hardaway em 2020?” é um bom desafio. Chamar Penny de Devin Booker melhorado é algo justo, já que Booker até tem visão e é um bom pontuador, mas não acho que faz tanto jus. Por isso vou de Ben Simmons com arremesso. O tamanho, a visão de jogo, a capacidade perto da cesta, a explosão, a defesa que gera roubos, tudo isso faz a comparação ser justa. Só falta Simmons querer arremessar.

Comments
To Top