NBA play-in: OKC despacha Pelicans e avança para enfentar Wolves

André Avelar | 13/04/2023 - 01:24

O Oklahoma City Thunder venceu o New Orleans Pelicans (123 a 118) na noite da última quarta-feira (12), no Smoothie King Center, e ficou com a última vaga para a segunda rodada do play-in da NBA. Josh Giddey foi o destaque da partida, com 31 pontos, dez assistências e nove rebotes. Pelo lado dos donos da casa, Brandon Ingram (30) teve a maior pontuação.

A equipe de OKC enfrentará o Minnesota Timberwolves, que perdeu para o Los Angeles Lakers. Quem vencer o duelo ficará com a seed 8 e pegará o Denver Nuggets, que terminou a fase regular na primeira colocação, já pelos playoffs da temporada 2022-2023. Os Pelicans estão eliminados.

Playoffs do Oeste da NBA

(1) Denver Nuggets x Oklahoma City Thunder ou Minnesota Timberwolves (8)

(4) Phoenix Suns x Los Angeles Clippers (5)

(3) Sacramento Kings x Golden State Warriors (6)

(2) Memphis Grizzlies x Los Angeles Lakers (7)

LEIA MAIS:

+ Bulls eliminam Raptors com ajuda de filha de DeRozan

++ Jogadores da NBA brigam e se ofendem até no Twitter: ‘Ganhou o quê?’

Mesmo na Louisiana, o OKC não se intimidou em arremessar bolas de três pontos. De trás do arco e com a pontaria afiada de Josh Giddey e Luguentz Dort, a equipe construiu uma boa vantagem no placar — Shai Gildeous-Alexander engrenou só depois do intervalo. O time que feria só era machucado no jogo de garrafão com Jonas Valanciunas. 

Os Pelicans demoraram a entender que essa poderia ser a sua melhor arma — quando não do garrafão, da linha de três pontos, como fez na parte final da partida. A preocupação com o pivô fez também com que o adversário desse mais espaço para Brandon Ingram anotar as suas cestas. Mais experiente e há mais tempo atuando junto então, os donos da casa encostaram no placar. O último quarto começou com uma desvantagem de nove pontos.

Como um autêntico último quarto de uma partida decisiva, teve confusão. Josh Richardson e Josh Giddey se encontraram no meio da quadra e os ânimos se exaltaram. Apesar da pouca idade do segundo time mais novo da NBA, com média de 23 anos, os jogadores souberam se comportar. Quem levou a falta técnica foi Richardson, e os Pelicans ficaram no prejuízo. 

A 2s8 segundos do fim, quando estava com quatro pontos de desvantagem, Ingram conseguiu uma cesta incrível de três pontos para os Pelicans. Mais do que isso, pediu a falta, que a arbitragem não marcou. Na saída de bola, o OKC confirmou a vitória na linha de lance-livre para a decepção da torcida nas arquibancadas.