NBA: Harden emociona ao presentear fã que foi vítima de tiroteio

Paola Zanon | 08/05/2023 - 08:29

Depois de deixar os torcedores do Philadelphia 76ers satisfeitos ao anotar 42 pontos na vitória sobre o Boston Celitcs no Jogo 4, James Harden também impressionou fora da quadra ao presentear um fã especial: John Hao.

Logo após o fim do confronto, o armador atendeu um garoto cadeirante e autografou o tênis que usou na partida para presenteá-lo. O mascote da franquia, o cachorro Franklin, também interagiu com o torcedor.

John Hao, de 20 anos, foi vítima de um tiroteio na Universidade de Michigan, em fevereiro deste ano, e perdeu os movimentos da cintura para baixo.

Três pessoas foram mortas na tragédia, e o garoto, que é aluno da instituição, foi uma das cinco pessoas feridas que sobreviveram, após passar um tempo internado no hospital.

Uma particularidade de Hao é que ele é um grande fã de James Harden, que ficou sabendo da história e decidiu fazer alguma coisa por ele.

LEIA TAMBÉM:

+ NBA: Bronny é tudo isso? O que esperar do filho de LeBron

++ NBA: Booker Durant combinam para 72 pontos e freiam show de Jokic

O Barba enviou alguns pares de tênis ao garoto, incluindo um usado por ele durante um jogo, além de pagar parte das despesas hospitalares. Enquanto John estava internado, Harden fez uma chamada de vídeo e o encorajou a lutar pela própria vida.

— Seja forte, você vai ficar bem, eu prometo. Eu estou com você. Sei que está difícil agora, mas você tem que continuar forte e continuar lutando. Tenho alguns presentes, espero te fazer sorrir um pouco. Me avise se precisar de alguma coisa—, disse ele.

James deixou com a família de Hao seu número pessoal, para que pudessem contatá-lo a qualquer momento, e também convidou-o para assistir um jogo dos Sixers quando estivesse bem.

John teve um bom avanço e foi liberado para viajar até a Filadélfia, onde aconteceu o Jogo 4 das semifinais da Conferência Leste da NBA entre 76ers e Celtics.

Além do lugar privilegiado e do tênis autografado, John Hao viu seu ídolo anotar 42 pontos, oito rebotes e nove assistências, e ainda acertar a cesta que decidiu a partida em uma prorrogação disputada, empatando a série em 2 a 2.

— Tive um convidado especial hoje no ginásio. Ele me passou boas vibrações e ganhar esse jogo foi para ele. Ele é forte, está se recuperando muito bem. E sinto que é meu trabalho apenas dar a ele aquela luz, aquele sorriso que ele merece e precisa—, declarou o jogador, durante entrevista coletiva após o jogo.

Depois de tomar banho, se trocar e atender a imprensa, Harden voltou a falar com o torcedor e o chamou de “amuleto da sorte”, convocando-o para a plateia do Jogo 6, garantido graças à vitória por 116 a 115 na tarde de domingo (7).

— Eu não sei o que você tem na agenda, mas precisa voltar aqui—, brincou ele.

Escrito por Paola Zanon
Paola Zanon é jornalista formada pela Cásper Líbero, repórter e redatora com passagens pelo Notícias da TV, R7 e UOL Esporte. A carreira no jornalismo esportivo começou com a cobertura dos Jogos Pan-Americanos de 2019 pelo R7 até chegar ao Quinto Quarto em fevereiro de 2023. São-paulina de coração e apaixonada por basquete, futebol e viagens.