NBA: Harden brilha na prorrogação, e 76ers empatam série em decisão do VAR

Paola Zanon | 07/05/2023 - 19:23

Philadelphia 76ers brilhou no Jogo 4 com James Harden e Joel Embiid e venceu o Boston Celtics de forma emocionante por 116 a 115, na prorrogação, na tarde deste domingo (7) pelos playoffs da NBA.

O jogo aconteceu no Wells Fargo Center, na Filadélfia; os donos da casa empataram a série de semifinais da Conferência Leste em 2 a 2 e forçaram a necessidade de um Jogo 6.

Com 42 pontos, oito rebotes e nove assistências, Harden chegou perto da atuação que teve no Jogo 1 e colocou os Sixers de volta na briga pela vaga nas finais de conferência.

O armador ainda fez uma ótima parceria com Embiid, que anotou 34 pontos —boa parte deles com as assistências do Barba, além de 13 rebotes.

1º quarto: Joel Embiid x Jaylen Brown

Os Sixers saíram na frente com James Harden, que começou o jogo de forma bem mais agressiva do que nos dois últimos confrontos da série.

Houve também um claro embate entre Jaylen Brown e Joel Embiid, os dois maiores pontuadores da primeira etapa, com 12 pontos cada. As faíscas começaram logo nos primeiros minutos com duas faltas do celta em cima do MVP —que ocasionaram quatro pontos do 76ers.

O 1º quarto terminou com os donos da casa em vantagem por 27 a 19, e Jayson Tatum zerado.

2º quarto: 76ers comandam o jogo

A segunda etapa continuou favorável para os donos da casa, principalmente com os erros de Tatum, que conseguiu marcar seus dois primeiros pontos e assim permaneceu até a ida para o intervalo.

A vantagem chegou a ser de 16 pontos, o que deixou o técnico Joe Mazzulla irritado, especialmente depois que Malcolm Brogdon perdeu um arremesso quando estava livre. Isso fez com que ele pedisse dois tempos técnicos.

Do outro lado, Doc Rivers estava bastante satisfeito com a atuação de seu elenco, especialmente com a performance de Harden, que chegou aos 21 pontos. O placar antes do intervalo era de 59 a 50.

3º quarto: Boston reage

O Philadelphia saiu de uma situação completamente confortável e sentiu a pressão adversária em casa, principalmente com Harden no banco.

Tyrese Maxey perdeu um arremesso por querer apressar a jogada diante da vantagem cada vez menor e levou um toco de Robert Williams, o que obrigou Doc a pedir um tempo técnico para reestruturar a equipe.

Além disso, Tatum conseguiu reagir com a equipe e anotou 13 pontos. Ainda assim, os 76ers seguiram liderando o placar por 92 a 83.

4º quarto: Sixers passam sufoco

Harden saiu do banco e reassumiu o controle do jogo quando a vantagem caiu para apenas seis pontos, mas na sequência, a equipe acabou cedendo o empate. Isso fez com que Doc Rivers pedisse outro tempo técnico.

A reestruturação não foi suficiente, e os Celtics acabaram virando o placar bem na reta final. Os últimos minutos foram bastante disputados, e uma bola do Barba levou o jogo para a prorrogação com o empate em 107 a 107.

Prorrogação

O jogo continuou com a mesma intensidade do último quarto, com o empate predominando na maior parte do tempo e o máximo de dois pontos de vantagem para as duas equipes, que revezaram a liderança no placar até o último minuto.

O duelo foi decidido por James Harden, que acertou uma bola de três pontos na última posse do Philadelphia.

Em seguida, Marcus Smart quase mudou o destino da série ao também acertar uma bola de três, mas o VAR revisou o lance e concluiu que a bola ainda estava nas mãos dele quando o cronômetro zerou, o que deu a vitória sofrida aos Sixers.

Escrito por Paola Zanon
Paola Zanon é jornalista formada pela Cásper Líbero, repórter e redatora com passagens pelo Notícias da TV, R7 e UOL Esporte. A carreira no jornalismo esportivo começou com a cobertura dos Jogos Pan-Americanos de 2019 pelo R7 até chegar ao Quinto Quarto em fevereiro de 2023. São-paulina de coração e apaixonada por basquete, futebol e viagens.