NBA NBA resultados Denver Nuggets Los Angeles Lakers

NBA: Nuggets vencem Lakers em jogo de arbitragem confusa e abrem 2 a 0

Nikola Jokic. Lakers x Nuggets
Foto: Reprodução/Twitter/@nuggets

O Denver Nuggets fez novamente valer o seu mando de quadra. A equipe liderada por Nikola Jokic (23 pontos) e Jamal Murray (37) venceu o Los Angeles Lakers na madrugada desta sexta-feira (19), na Ball Arena, por 108 a 103 e abriu 2 a 0 na final da Conferência Oeste da NBA. A arbitragem confusa, por pouco, não tirou o bilho do Jogo 2, brigado até o último minuto.

Se Murray foi o cestinha da partida e Jokic conseguiu outro triplo-duplo, LeBron James e Austin Reaves dividiram a liderança de pontos pelo lado visitantes (21).

Depois de dois jogos no Colorado, as duas próximas partidas serão na Califórnia, na Crypto Arena. A primeira delas acontece no sábado e a outra na segunda, ambas às 21h30. O vencedor do duelo pegará quem avançar de Boston Celtics e Miami Heat, que fazem o Jogo 2 nesta sexta — o Heat lidera mesmo com a desvantagem do mando de quadra.

LEIA MAIS:

+ Árbitro irrita torcedores com reação inusitada no Heat x Celtics

++ Vovatos ensaiam briga antes mesmo do Draft da NBA

Darvin Ham promoveu uma alteração em relação ao último jogo. Diante da dificuldade com Jokic no garrafão, o técnico sacou Dennis Schroder e promoveu a entrada de Jarred Vanderbilt. O ala-pivô até que foi bem, só não melhor que Rui Hachimura (21 pontos no total), que já havia medido forças com o duas vezes MVP, foi o diferencial da primeira metade de partida.

Apesar da liderança no placar, as coisas não estavam lá muito nos trilhos para a franquia roxa e dourada. Anthony Davis teve invalidada uma cesta legal e, para piorar, LeBron James errou uma enterrada quando estava absolutamente sozinho. O camisa 6 partiu para o contra-ataque e, sem marcação, deixou a bola escapar quando iria para uma reverse dunk.

Quatro vezes campeão da NBA, quatro vezes MVP Finals e da temporada, 19 vezes All-Star… LeBron, de 38 anos, não se abalou com a situação. O King continuou o seu melhor jogo, como se não se importasse com o que tinha acabado de acontecer. O fim do primeiro tempo terminou com vantagem dos visitantes por cinco pontos. Os times foram trocando cestas, com o Lakers em vantagem. Reaves engatou nos últimos 24 minutos e pareceu dar esperança aos seus torcedores em uma outra ótima partida de basquete.

Mas o último quarto começou só depois de uma demora ao estilo Brasileirão da arbitragem. Após muito analisar um toco de Davis em cima de Jokic, o trio de juízes entendeu que foi interferência de Davis. A partir daí, a dificuldade estava em definir o tempo no placar: 0s5 por jogar. Ainda teve mais. Os décimos finais seriam iniciados do meio da quadra, quando na verdade foi fundo bola. O técnico Michael Malone percebeu e evitou o erro. Foi só mais um capítulo de uma arbitragem confusa, com critérios diferentes para diferentes lados.

Desde o primeiro quarto sem liderar, os Nuggets passaram mais confiança para a torcida nas bolas de três. Murray enfileirou bolas de três pontos e assim conseguiu com que o time virasse o placar e ainda abrisse alguma diferença. Também nesse período, Jokic chegou a mais um triplo-duplo, o terceiro nestes playoffs. Os Lakers fizeram uma corrida de 7 a 0, encostaram nos minutos finais, mas desperdiçaram a bola em momentos decisivos, principalmente, com Davis.

Popular

To Top