MLS Copa do Mundo

Weston McKennie garante que Seleção Americana vai se tornar gigante

Weston McKennie garante que Seleção Americana vai se tornar gigante

Weston McKennie garante que Seleção Americana vai se tornar gigante. De fato, o meio-campista da Juventus foi uma das estrelas da seleção dos Estados Unidos nesta Copa do Mundo 2022.

Detalhe que o jovem astro chegou para a Copa ainda se recuperando de uma lesão alguns dias antes da Copa do Mundo. Cabe lembrar que os Estados Unidos serão um dos países sedes na Copa do Mundo 2026 com México e Canadá. Confira detalhes.

Weston McKennie garante que Seleção Americana vai se tornar gigante

Em resumo, a Seleção Americana foi a primeira a dar adeus nesta fase de oitavas de final após derrota contra Seleção Holandesa por 3 x 1. Realmente os estadunidenses não jogaram seu melhor futebol. Na verdade, os holandeses não deixaram os comandados de Gregg Berhalter jogarem. Apesar da apresentação abaixo daquilo que o próprio grupo mostrou ter capacidade, uma das estrelas desta potente geração, Weston McKennie, demonstrou confiança no projeto norte-americano de futebol.

A saber, o camisa 8 da Seleção Americana deu um aviso ao mundo de que os Estados Unidos serão gigante em breve. A eliminação não atrapalhou este foco a princípio. Já projetando outro ciclo para 2026, os Estados Unidos se prepara, junto de México e Canadá, para receber a Copa do Mundo 2026.

Cabe lembrar que o jovem de 24 anos jogou essa Copa quase que no sacrifício, pois sofreu uma lesão na coxa em um jogo pela Juventus em 29 de outubro. Ainda assim, conseguiu fazer boas atuações, principalmente considerando seu estado físico.

Weston McKennie confiante no projeto de ser campeão

Em resumo, o meio-campista da Juventus, Weston McKennie, foi uma das estrelas estadunidenses neste Mundial, apesar de se recuperar de uma lesão dias antes da Copa do Mundo. Após a partida o jovem mostrou que o projeto vai muito além desta Copa. Pode se dizer que 2022 era um simulado, a Copa do Mundo em 2026, sediada nos Estados Unidos, México e Canadá é que será uma prova. Em todo caso, os criadores do basquete não parecem focar apenas nisso.

A ideia que parece ter se instaurado nos americanos é de realmente alcançar metas. Assim como aconteceu no futebol feminino, onde tem os Estados Unidos como único tetracampeão mundial. A saber, o segundo com mais títulos é a bicampeã Alemanha.

A Seleção Americana é a atual campeã da CONCACAF Nations League e mostra ao mundo, ainda mais depois dessa Copa, um futuro brilhante pela frente com um grupo jovem.

Por fim, jogadores deste grupo, incluindo Weston McKennie, falaram com a impressa após a partida contra a Holanda. O meio-campista da Juventus foi um dos porta-vozes neste alerta mundial.

“Este torneio realmente restaurou muita crença, restaurou muito respeito ao futebol americano e ao futebol em nosso país. Acho que mostramos que podemos ser gigantes eventualmente. Podemos não estar lá ainda, mas acho que estamos definitivamente no caminho certo.” finalizou McKennie.

 

Foto destaque: Divulgação/Getty Images

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top