Lutas e MMA

Sean O’Malley x Kris Moutinho como aconteceu – resultado, destaques e reação

Na luta que abriu o card principal do UFC 264 neste sábado (10) não houve surpresas. Entre o jovem talento Sean “Sugar” O'Malley e o estreante de última hora Kris Moutinho, deu o que era o mais provável: um passeio de O'Malley. Faltando 30 segundos para o término da última etapa, Herb Dean encerrou o combate para preservar a integridade física de Moutinho. O lutador de ascendência portuguesa, apesar de ter mostrado muito coração, até esse ponto do combate já tinha levado uma imensa quantidade de golpes na cabeça. Já Sean, que não deu muita chance para zebras, dominou amplamente a luta e mostrou que merece estar entre o Top-15 dos galos.

Contudo, para entender melhor essa história, é preciso levar em conta o contexto que envolveu esse embate. Inicialmente, a luta seria entre Sean O'Malley e Louis Smolka, que há uma semana do evento se machucou. Nesse sentido, diversos lutadores experientes como Tim Elliot, Ray Borg e Ricky Simón foram especulados para substituir o havaiano. No entanto, o UFC selecionou o até então desconhecido Kris Moutinho de 28 anos, que vinha de vitória no evento CFFC 96 – Cage Fury, realizado em maio. A polêmica escolha deu ao americano uma árdua missão de tentar desbancar um dos lutadores mais promissores do UFC. E não faltou garra e valentia a Moutinho nessa noite, mas só isso não foi o suficiente.

Confira agora como foi o combate  Sean O'Malley x Kris Moutinho em detalhes:

1º round: Moutinho toma a iniciativa

Logo que o árbitro iniciou o combate, Moutinho partiu para cima de O'Malley, tomando conta do centro do octógono. À primeira vista, a atitude do lutador poderia ser lida como pura iniciativa, mas, ao longo da luta, essa estratégia teve pouco efeito. O estreante passou a desferir golpes aleatórios enquanto O'Malley girava em torno do octógono, evitando a grande maioria das investidas de seu adversário. Nesse meio tempo, “Sugar” começou a ver as brechas na defesa de Moutinho e acertar muitos golpes limpos, encontrando a distância correta. A essa altura, O'Malley percebeu que o contragolpe era o mapa da mina diante de um oponente bastante afobado. Desta forma, o americano foi contabilizando pontos e dando poucas chances a Kris Moutinho nesse meio-tempo.

Faltando poucos segundos para o fim do primeiro assalto, Sean apertou o passo e encaixou golpes duros em Moutinho. O estreante, que sentiu as pancadas, caiu e deu chance de O'Malley terminar com a luta precocemente. “Sugar” chegou a encaixar o mata-leão, mas não houve tempo para finalizar.

2º round: Começa o monólogo de O'Malley

A princípio, a segunda etapa começou bastante parecida com a  primeira. Moutinho seguia andando para frente enquanto O'Malley se evadia dos golpes e encaixava contra-ataques limpos. A diferença é que, ao passo que os socos entravam nesse round, mais fácil ficava para Sean, que conectava mais e mais vezes no rosto de Moutinho. Apesar disso, o estreante não desistia do combate, mostrando uma incrível resiliência.

Alheio a isso, Sean já começava a dar show. Com uma bela movimentação em torno do octógono com esquivas, pêndulos e demonstrações de muita agilidade tanto atacando quanto defendendo, o lutador se mostrava bastante superior. Em dois momentos da segunda etapa, Kris Moutinho, em clara desvantagem, tentou levar a luta para o clinch na grade, porém, não obteve sucesso e continuou a sofrer com os golpes retos do seu adversário. Nos momentos finais, O'Malley baixou a guarda, provocando Moutinho que, por sua vez, não pode fazer muita coisa acerca disso. Fim do segundo assalto.

3º round: Vitória fácil sob decisão polêmica

Na volta para a última etapa, era bem visível a avaria no rosto de Kris Moutinho. O lutador, que bravamente ainda resistia, já havia apanhado bastante com grande parte dos golpes de Sean acertando diretamente na cabeça. E sua mudança de postura no início do round não melhorou muito a situação da luta, pois ele continuava a sofrer bastante com os golpes retos. Aos 1:48, O'Malley acelera um pouco o ritmo e consegue encaixar duros golpes em Moutinho, que já passava a cambalear. Em seguida, faltando 30 segundos para o fim, após uma brutal sequência de socos, o árbitro Herb Dean decide encerrar a luta, evitando que O'Malley finalizasse o combate. O fato gerou bastante revolta por parte de Kris Moutinho e da torcida em Las Vegas, que vaiou bastante no momento da interrupção e no anúncio da vitória de “Sugar”.

Sean O'Malley x Kris Moutinho – E agora?

A moral de Sean O'Malley no evento continua em alta. O lutador, que chegou a sua décima quarta vitória, provavelmente pegará um Top-15 em seu próximo combate. Já Kris Moutinho, apesar do revés, mostrou muita garra e provavelmente ganhará mais uma chance no UFC.

Foto: Reprodução / Getty Imagens

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

To Top