UFC Lutas e MMA

Promessa do UFC provoca Poatan e afirma que Whittaker o venceria

Promessa do UFC provoca Poatan e afirma que Whittaker o venceria

Promessa do UFC provoca Poatan e afirma que Whittaker o venceria. A saber, após grande vitória por paralisação sobre Darren Till, o sul-africano Dricus du Plessis que tem 18 vitórias e duas derrotas no MMA, além de estar invicto com quatro vitórias pelo UFC, não acha que demorará muito para lutar pelo título dos médios no UFC. No entanto, Dricus não acredita que será contra o brasileiro Alex Poatan Pereira. Confira detalhes.

Promessa do UFC provoca Poatan e afirma que Whittaker o venceria

“Provavelmente Izzy (Israel Adesanya) ou Robert Whittaker (serão os possíveis campeões quando ele lutar pelo título), são os dois que eu vejo. Acho Alex Poatan um lutador incrível, mas acredito que Whittaker consegue vencê-lo, acredito muito nisso. Alex é um cara grande, eu o vi novamente no último sábado. Ele é grande para a categoria, mas eu acho que o estilo dele, ele soca que nem um caminhão e chuta forte e tem uma trocação muito boa… Só acredito que quando se trata de artes marciais mistas como um todo, acho que Robert Whittaker tem as credenciais necessárias para vencer Alex Poatan…”, comentou Dricus Du Plessis.

Em resumo, Dricus Du Plessis, conhecido também como Stillknocks, mostrou confiança em seu planejamento para ter uma chance de disputar o título no próximo ano. O que chamou a atenção foi com quem seria essa luta. Para Stillknocks, quando chegar sua vez de disputar o cinturão dos médios, será contra Whittaker ou Adesanya. De fato, Du Plessis não acredita que será contra o atual campeão Alex Pereira.

“Eu ficaria surpreso se não lutasse pelo título [no próximo ano]. Eu ficaria surpreso. Eu disse que este ano estaria entre os 10 primeiros antes do final do ano, e isso está acontecendo. Sinceramente, acredito que estarei entre os três primeiros nas minhas próximas duas lutas.” – disse Du Plessis.

Du Plessis elogia, mas não vê vida longa no reinado brasileiro de Poatan

“Entre Whittaker e Adesanya, vejo que Israel tem uma movimentação muito boa, então fica difícil derrubá-lo. Por outro lado, vejo Poatan como um lutador muito mais estagnado, que não se movimenta muito. Ele fica em um ponto com os pés ‘plantados’ e bate forte. Acho que é uma coisa que Whittaker vai conseguir aproveitar e, com isso, conseguir derrubá-lo. E a gente viu que quando ele (Poatan) está no chão e é colocado de costas, ou ele está por baixo, não é tão bom assim. Acho que Robert Whittaker o derruba e, com isso, consegue o nocaute técnico ou finalização.” – destacou Du Plessis.

Enfim, primeiro se espera que aconteça uma revanche entre Alex Pereira e Israel Adesanya neste próximo ano de 2023. Fato é que Du Plessis ainda tem pelo menos mais duas ou três lutas para solidificar suas chances de disputar o cinturão dos médios. Contudo, Du Plessis é mais um a não confiar na longevidade de Poatan no trono dos médios.

 

Foto destaque: divulgação/UFC

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top