UFC Lutas e MMA

Michael Bisping acredita que McGregor ainda lutará pelo título

Michael Bisping acredita que McGregor ainda lutará pelo título

Michael Bisping acredita que McGregor ainda lutará pelo título. De fato, a última vitória de Conor no UFC aconteceu em 2020. De lá para cá teve duas derrotas, dentre essas derrotas a última o tirou dos octógonos por um bom tempo. A princípio, agora em fase final de recuperação, já especulam caminhos para McGregor. Bisping disse que o irlandês talvez só precise de uma luta para disputar o cinturão novamente. Confira detalhes.

Michael Bisping acredita que McGregor ainda lutará pelo título

“Conor tem todo o dinheiro do mundo, mas ele quer isso (o título), então você tem que respeitar isso nele. E voltando contra Michael Chandler, se ele fizer o trabalho, bem, não seria loucura pensar em uma luta pelo título a seguir. Realmente não seria. Chandler ainda é um dos melhores cães. Se ele o derrotar, se ele acertar, se ele conseguir um nocaute, meu Deus – ele está em uma luta pelo título a seguir.” – disse Bisping em seu canal no YouTube.

O ex-campeão dos médios no UFC, Michael Bisping, falou sobre The Notorious. Michael acha que Conor McGregor só precisa de uma vitória para voltar à disputa pelo título.

Fato é que McGregor não compete desde que quebrou a perna em uma derrota por nocaute técnico para Dustin Poirier em julho de 2021. Conor ensaiou um retorno para 2023, porém não será elegível enquanto não retornar ao circuito de testes de drogas da Agência Antidopagem dos EUA. Ademais, precisa completar seis meses no processo de testes.

Enfim, além de falar que o astro irlandês ainda pode ser uma ameaça com seu arsenal e poder na mão esquerda, Bisping reconheceu as conquistas de McGregor.

“Ele ainda é um lutador muito, muito bom. Você não chega aos níveis que ele alcançou – e Ok, talvez um pouco para baixo recentemente – mas você não chega lá a menos que tenha algo especial para começar. Então a luta com Chandler e McGregor faz todo o sentido do mundo.” – finalizou Bisping.

O olheiro McGregor

Ainda em recuperação, Conor McGregor mostrou que está de olho em todos, mesmo não podendo competir. Recentemente, o ex-bicampeão do UFC, apesar de ter errado o nome, parabenizou o jovem Raul Rosas Jr. depois que o próprio se tornou o lutador mais jovem do UFC a vencer em sua estreia na noite do último sábado (10).

A saber, Raul venceu Jay Perrin com um mata-leão no UFC 282 com apenas 18 anos e 63 dias. O recorde anterior era de Dan Lauzon, que tinha 18 anos e 198 dias na época em luta pelo UFC 64.

“Eu me sinto incrível. Eu realmente não estava esperando por isso. Este é um dos muitos que virão. Agradeço a Deus por ter saído são e salvo e estou pronto para voltar lá no próximo sábado ou no Brasil, quando for preciso. Estou pronto para voltar o mais rápido possível. Estou vivendo como [em] um filme agora.” – disse Raul Rosas Jr.

 

Foto destaque: Divulgação/MMA Fighting

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top