Presidente do Bellator cita possibilidade de fechar com Ngannou

Igor Ribeiro | 10/03/2023 - 12:11

Ex-campeão peso-pesado (até 120,2kg), Francis Ngannou chocou o mundo ao anunciar que estava de saída do UFC após término de contrato atual. O franco-camaronês criticou publicamente os valores recebidos, não chegou a um acordo com o presidente Dana White pela renovação e está ‘livre no mercado’ desde janeiro. A situação, porém, parece perto de mudar. 

Em entrevista ao ‘MMA Junkie’, o mandatário do Bellator, Scott Coker, não esconde empolgação por uma possível contratação de Ngannou. Questionado sobre o assunto, o chefe da organização declarou estar negociando possíveis termos que liberem o franco-camaronês para seu objetivo de competir no boxe. Ele ainda classificou com 50% as chances de fechar um acordo com o lutador. 

–Eu sempre disse que seria perfeito porque ele (Francis Ngannou) poderia competir no boxe ou no MMA, mas não acho que haja algo próximo a um acordo sendo apresentado de um lado para o outro. Vamos ver. Tudo pode acontecer. Para mim, tem que ser igual para todos, e é assim que me sinto. A gente tem uma bolsa bem robusta todo ano. Poderemos espalhar para outros atletas e contratar novos lutadores, além de continuar montando divisões, né? Então, para mim, eu diria que é 50/50 neste momento–, disse.

Futuro de Ngannou: Bellator ou boxe?

O foco de Ngannou, atualmente, é competir no boxe. E opções não faltam. Deontay Wilder e Anthony Joshua, grandes nomes da modalidade, já declararam estar disponíveis para um eventual confronto. Tyson Fury também já levantou a possibilidade de encará-lo.  

Apontado como um dos lutadores mais temidos da atualidade por seu poder de nocaute, Francis Ngannou derrotou adversários expressivos no UFC, como Alistair Overeem, Júnior Cigano, Stipe Miocic e Ciryl Gane. Forte e potente, o franco-camaronês soma um retrospecto de 17 triunfos e três reveses em sua trajetória no MMA profissional. Ele ainda não fez sua estreia no boxe.