NFL: Ravens perdem para Chiefs e diretor deixa a equipe

Marcelo Cartaxo | 29/01/2024 - 21:43

O Baltimore Ravens foi do time com a melhor campanha da NFL para eliminado na final de conferência em menos de um mês. Agora, como se não bastasse a frustração de não conseguir a classificação para o Super Bowl, os problemas dos Ravens se expandem para além dos gramados.

O diretor do Baltimore Ravens, John Hortiz, fez sua última partida como um dos “chefões” na franquia e agora será o general manager do Los Angeles Chargers, time que será treinado por Jim Harbaugh, irmão do atual técnico dos Ravens John Harbaugh.

De acordo com Tom Pelissero, da NFL Network, os últimos detalhes estão sendo acertados entre Hortiz e os Chargers.

John Hortiz se juntou à equipe como assistente de pessoal em 1998, tornou-se olheiro em 2001 e foi promovido a diretor de recrutamento universitário em 2009. Ele ocupou o cargo por uma década antes de se tornar diretor de pessoal de jogadores em 2019.

Ao todo, foram 25 anos trabalhando no Baltimore Ravens. Agora, se torna uma das principais peças para o futuro do Los Angeles Chargers. Os Ravens tiveram um grande sucesso com Hortiz na organização. O tempo do ex-diretor em Baltimore inclui duas vitórias em Super Bowl, cinco participações na final da AFC, sete títulos de divisão e 15 aparições em playoffs.

O sucesso de Hortiz com os Ravens é o que os Chargers esperam replicar

John em seu tempo como recrutador foi responsável por levar alguns dos jogadores mais memoráveis da história dos Ravens para a NFL. Dentre eles, os principais nomes são: Joe Flacco e Lamar Jackson.

Flacco foi draftado pelo Baltimore Ravens na 18ª posição do recrutamento de 2008. Quatro anos depois levou seu time ao título e ficou imortalizado pelos fãs com um desempenhos de maior destaque em playoffs em anos “recentes”. O Super Bowl vencido contra o San Francisco 49ers, de Jim Harbaugh, foi o último título que a franquia conquistou até aqui.

O trabalho mais recente de John Hortiz ainda como diretor de recrutamento foi o draft de Lamar Jackson em 2018. Os Ravens buscavam um quarterback para se tornar o principal jogador da franquia após o rendimento de Flacco ir caindo no decorrer dos anos. Hoje, Lamar está prestes a vencer seu segundo prêmio de MVP e aparece como um dos jogadores mais talentosos da NFL.

Entre outros jogadores que Hortiz foi responsável por levar à Baltimore estão o safety Hall da Fama Ed Reed, Terrell Sugs (eleito o melhor jogador de defesa da temporada 2011) e o offensive lineman All-Pro Marshal Yanda.

Los Angeles tem um quarterback jovem e talentoso em seu elenco, Justin Herbert, mas as últimas temporadas do time não tem sido das melhores. Com Herbert entregando o que se espera de um jogador com seu talento, os Chargers terão que montar seu entorno para tentar potencializar suas características principais e assim terem uma chance de brigar em uma AFC cada vez mais disputada.

Escrito por Marcelo Cartaxo
Marcelo Cartaxo é um estudante de jornalismo na Universidade Veiga de Almeida, cujo interesse e paixão pelo jornalismo esportivo o levaram a acumular experiências em várias plataformas renomadas. Sua trajetória inclui colaborações notáveis em veículos como Premier League Brasil, Minha Torcida, Esportelandia, Futebol na Veia e ShaftScore.