NFL: Diretor ‘se esquiva’ de pergunta sobre futuro de Dak Prescott

André Merice | 28/02/2024 - 13:29

O vice-presidente executivo do Dallas Cowboys, Stephen Jones, tem o interesse em manter Dak Prescott na franquia a longo prazo, apesar das incertezas em torno de uma possível renovação.

Em entrevista durante o ‘NFL Scouting Combine’, Stephen não forneceu muitos detalhes sobre a negociação com Prescott, mas reiterou o compromisso em fazer as coisas de forma discreta.

– Não iremos expor esse tipo de coisa em nossa negociação. Quero dizer, isso é obviamente algo à medida que avançamos, espero que continuemos a fazer progressos e a comunicar. Lamento dizer a vocês, mas não vamos dar relatórios sobre como as coisas estão indo – explicou o diretor executivo.

Prescott, que teve uma temporada excepcional, liderando a NFL em várias estatísticas de quarterback, está entrando em seu último ano de seu contrato, o que coloca pressão sobre os Cowboys para garantir sua permanência por mais alguns anos. Jones destacou a importância de Dak para a franquia, enfatizando que ele é um ‘Cowboy’ e que a prioridade é mantê-lo no elenco.

– Nossa coisa toda com Dak é que ele é um Cowboy. Isso é tudo que temos em mente. [Nós] certamente não entramos nesse tipo de pensamento – completou Stephen Jones.

Dilema para os Cowboys na NFL

Além de Prescott, o Dallas Cowboys também tem o desafio de manter outras estrelas, como o wide receiver CeeDee Lamb e o linebacker Micah Parsons. Jones admitiu que a questão salaria é um empecilho, mas destacou o compromisso da franquia em tentar fazer acordos com os três jogadores.

– Estamos, obviamente, entre Dak e entre Micah e CeeDee, o teto salarial é real para nós com esses três caras. [Estamos] em uma situação em que queremos fazer acordos com os três. fazer tudo o que quiser com o teto salarial? Acho que nenhuma equipe faz. Mas certamente poderemos sair e trabalhar e realizar as coisas que achamos que precisamos fazer ser bem-sucedido – comentou Jones.

Com a necessidade de equilibrar o teto salarial e manter a competitividade, o diretor executivo, por fim, reconheceu os desafios financeiros, especialmente considerando a crescente lista de quarterbacks que estão ganhando salários elevados na liga.

– Quando você começa a ter muitos jogadores que está tentando pagar no topo do mercado, é um desafio, mas o limite subiu tremendamente. Estamos tentando se encaixar lá. E, para mim, é uma questão de jogadores…. Certamente essa posição de zagueiro não é exclusiva de nós – finalizou Stephen.

LEIA MAIS:

++ NFL: Chiefs vivem dilema e terão que ‘liberar’ astro defensivo do time
++ Gerente geral dos Giants fala sobre Saquon Barkley na NFL: ‘É um cara que…

Escrito por André Merice
No Quinto Quarto desde janeiro de 2021, André Merice cursa o 7º período de jornalismo na Universidade de Ribeirão Preto. Apesar de ser torcedor do São Paulo Futebol Clube, André se encontrou na área dos esportes americanos e hoje se tornou torcedor LeBron James e um admirador de Stephen Curry, o "Víbora".