NFL

NFL Combine 2019: tudo o que você precisa saber sobre o evento

NFL Scouting Combine 2019

Neste final de semana, todo mundo estará curtindo o Carnaval no Brasil. Seja em bloquinhos enchendo a cara de cachaça ou então na casa vendo Netflix e enchendo a cara de sorvete, cada um apreciará a folia da sua maneira. Mas, no mundo da National Football League, o que teremos é o NFL Combine 2019.

Mas o que é isso? Sim, nós do Quinto Quarto sabemos que nem todo mundo acompanha o futebol americano há tanto tempo e digamos que o Combine é um evento muito específico da offseason da liga.

Então, neste artigo, vamos responder às perguntas: o que é o Combine, onde é, como funciona, como posso ver, quais são os eventos e o que aconteceu de marcante na história do Combine…

Bem, sem mais enrolação, vamos ao nosso mini-guia. Afinal, é para isso que você assina o QQ (ok, você não paga nada, mas sua atenção é muito valiosa para nós).

O que é o NFL Combine?

O NFL Scouting Combine (que nome pomposo, não é mesmo?) é o primeiro grande evento da offseason da National Football League, antes da free agency e do NFL Draft. Nele, a próxima geração de talentos do futebol americano mostra seus talentos físicos e técnicos a todos os times da NFL.

No NFL Combine 2019, os grandes executivos, técnicos e responsáveis pelos departamentos pessoais das franquias estarão reunidos para ver os testes físicos e mentais dos jovens jogadores que estão vindo do futebol americano universitário.

Em resumo, é uma espécie de ensaio geral onde os jovens atletas se expões em uma vitrine repleta de ‘tomadores de decisão’ ao redor da NFL.

Onde é?

Tradicionalmente, há mais de 30 anos (desde 1987), o Combine é realizado na cidade de Indianápolis, em Indiana. Assim sendo, o NFL Combine 2019 está sendo realizado no Lucas Oil Stadium, casa do Indianapolis Colts.

Quando?

O NFL Combine 2019 começou, na verdade, na última terça-feira, dia 26 de fevereiro, mas os primeiros dias são mais voltados para testes intelectuais (o temido Wonderlic test) e entrevistas com os times. Os testes mesmo começam nesta sexta-feira (1) e vão até segunda (4).

Como funciona?

No NFL Combine 2019, são realizadas avaliações clínicas, físicas, técnicas e mentais de mais de 300 prospectos que esperam ser selecionados no Draft NFL 2019.

Ele é a principal vitrine para jovens que esperam mudar de vida ao se tornarem jogadores de futebol americano profissional da NFL. Ou seja, é um dos principais palcos de exibição antes do Draft NFL 2019.

Como posso ver o NFL Combine 2019?

Nos Estados Unidos, a ‘NFL Network’ transmite os dias de testes e quem assina o NFL Game Pass, por exemplo, tem a chance de acompanhar toda a cobertura. Mas, para sorte dos fãs de NFL no Brasil, neste ano teremos uma novidade.

A ‘ESPN’ vai transmitir neste sábado (2), a partir das 15h (de Brasília), os testes das skills positions mais importantes. Sim, será a vez de os quarterbacks, wide receivers e tight ends mostrarem suas habilidades aos executivos, treinadores e scouts dos 32 times.

Renan do Couto, grande narrador da ‘ESPN’ e nosso amigo do Quinto Quarto, dá a dica…

Para acompanhar a cobertura completa, veja notícias específicas em nosso site e o melhor do desempenho dos prospectos no Instagram oficial do QQ.

Quais são os testes?

Vários testes físicos e intelectuais são realizados no NFL Combine 2019. São eles que dão uma ideia aos executivos da liga se tal prospecto vai subir ou descer na lista pré-Draft NFL 2019.

Os principais testes realizados durante o NFL Combine 2019 são (manteremos os nomes em inglês, porque alguns ficam muito ruins ao serem traduzidos, e daremos uma breve explicação):

– 40-yard dash: um dos testes mais aguardados do Combine, o tiro de 40 jardas é um show de velocidade e explosão;

– Bench Press: repetições de levantamento de peso com 102kg;

– Vertical Jump: teste para medir o impulso vertical e a envergadura de um atleta;

– Broad Jump: teste de salto em distância para medir a impulsão horizontal;

– 20-yard shuttle: teste realizado para avaliar rapidez e habilidade de mudança de direção;

– 3 cone drill: teste com três cones realizado para avaliar agilidade, rapidez e fluidez de movimentos;

– Testes em campo específicos por posição: cada posição tem o seu, com QBs fazendo passes, WR e TEs fazendo recepções, etc.

– Medições físicas: para medir altura, peso e aspectos específicos como o tamanho da mão de um QB, por exemplo.

O desempenho dos jovens nestes testes indicará bastante sobre suas condições para o Draft NFL 2019.

Para mais detalhes, visite a página especial do NFL Combine 2019.

Cronograma dos testes em campo no NFL Combine 2019

Sexta – 1º de março – Running backs, Offensive Linemen, Special Teamers e Kickers;

Sábado – 2 de março – Quarterbacks, Wide Receivers e Tight Ends;

Domingo – 3 de março – Defensive Linemen e Linebackers;

Segunda – 4 de março – Defensive Backs;

O que aconteceu de marcante na história do Combine?

O NFL Scouting Combine já teve grandes momentos em sua história e é até injusto selecionar alguns poucos. Mas, como não queremos nos estender demais, separamos quatro testes que saltam ao olhos (positivamente ou negativamente) de 2000 para cá.

Vamos lá!

– A ‘habilidade’ de Tom Brady correndo:

Antes de ser selecionado pelo New England Patriots na longínqua sexta rodada do draft de 2000, com a escolha número 199, o agora vencedor de seis Super Bowls deu uma mostra do quão (pouco) ágil é correndo.

– A grande habilidade (agora sim) de Chris Johnson correndo:

Esse sim foi um monstro no tiro de 40 jardas. O ex-running back do Tennessee Titans, Kansas City Chiefs e Arizona Cardinals cravou 4.24s na corrida, antes de ser selecionado na primeira rodada do draft de 2008, e essa marca foi recorde do Combine por um bom tempo (até ser quebrada pelo wide receiver John Ross, atualmente no Cincinnati Bengals).

– O teste de Antonio Brown:

O wide receiver do Pittsburgh Steelers (pelo menos até ser trocado nesta offseason) teve alguns bons highlights em sua apresentação no Combine, em 2010, mas foi selecionado apenas na sexta rodada do NFL Draft. Mas, Tom Brady que o diga, isso não importa.

– O teste de Patrick Peterson (afinal, temos que ter um jogador de defesa por motivos de inclusão):

O cornerback Patrick Peterson, do Arizona Cardinals, também teve uma grande participação no Combine e o desempenho o ajudou a ser selecionado com a quinta escolha geral do Draft de 2011, sendo o primeiro selecionado em sua posição naquele ano.

Não tem de kicker? De punter? E os long snappers? (Você não está falando sério, né?)

Pois bem, agora você, fã da bola oval, está totalmente preparado para acompanhar o NFL Combine 2019. E tenha sempre na cabeça: o melhor conteúdo sobre a NFL no Brasil você só encontra aqui no Quinto Quarto!

Os próximos capítulos depois deste final de semana são a free agency (no meio de março) e o Draft NFL 2019 (25 a 27 de abril).

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top