NFL: Bills estão prestes a fazer movimentação que pode mudar o rumo do time

Marcelo Cartaxo | 30/01/2024 - 23:22

O Buffalo Bills de Josh Allen tem sofrido em confrontos diretos contra o Kansas City Chiefs, de Patrick Mahomes. E como ajustes acontecem nas equipes da NFL a todo momento afim de melhorar a franquia para a temporada seguinte, os Bills estão prestes a reestruturar o contrato de Stefon Diggs, o principal wide receiver do time.

De acordo com o jornalista Peter King, da NBC Sports, o Buffalo Bills está preparando uma grande reestruturação no contrato de Stefon Diggs. O jornalista também disse que Diggs não ficará feliz com o que está por vir.

O jogador chegou em Buffalo através de uma troca feita entre o time do estado de Nova Iorque e o Minnesota Vikings. Os Bills receberam Diggs, e em troca os Vikings ganharam capital de draft para o recrutamento de 2020, o que utilizaram para selecionar Justin Jefferson, um dos principais recebedores da NFL hoje e a grande estrela de Minnesota.

Os Bills herdaram o restante do contrato de Diggs com os Vikings até 2022. Em seguida, renovaram com o wide receiver por US$ 96 milhões (R$ 475.3 milhões) em quatro anos. Com contrato válido até 2028, Stefon Diggs tem a média salarial para os próximos anos na casa dos US$18 milhões (R$ 89,3 milhões), uma quantia que come um boa parte do teto salarial.

Normalmente, essas movimentações envolvendo contratos e a revisão de valores previamente acordados acontece para que o time em questão tenha mais espaço no teto salarial, o que viabiliza a contratação de mais jogadores de destaque.

Stefon Diggs tem demonstrado insatisfação com os Bills

Além de seu irmão, Trevon Diggs, ir às redes sociais e falar publicamente para Stefon deixar o Buffalo Bills, o wide receiver não tem se mostrado contente com o momento da equipe. Na temporada atual, Diggs esteve longe de sua melhor forma, anotando apenas oito touchdowns em temporada regular. Em comparação com as outras duas campanhas regulares, em que Diggs passou dos dois dígitos em touchdowns, Stefon teve um rendimento abaixo do esperado.

O stress de ser o wide receiver principal de uma equipe que mostra ser contestadora do título na AFC já subiu à cabeça de Diggs, o que fez com que descontasse sua raiva gritando com o quarterback do time Josh Allen após uma campanha em campo que Allen não passou a bola para o recebedor no jogo contra o Cincinanti Bengals no divisional round dos playoffs de 2022.

Bills podem ir atrás de running back devastador

A free agency na off-season da temporada 2023-24 pode ser uma das mais disputadas dos últimos anos. Com jogadores como Tee Higgins, Brian Burns, Justin Mandabuike e Anthony Winfield Jr, dentre outros aparecendo como os melhores agentes livres para 2024, um nome que pode surgir nos Bills é Derrick Henry. O running back ex-Tennessee Titans está livre no mercado, e promete ser um dos jogadores de ataque mais cobiçados da liga.

Contudo, os Bills reestruturando o contato de um wide receiver de destaque, outro grande jogador na posição de Stefon Diggs pode pintar na equipe: Mike Evans. O recebedor que passou das 1.000 jardas recebidas nas últimas oito temporadas está livre no mercado, e caso Buffalo queira aumentar as opções para Josh Allen conectar passes, e consequentemente aumentar a probabilidade de serem campeões, Evans é um nome a ser fortemente considerado.

Escrito por Marcelo Cartaxo
Marcelo Cartaxo é um estudante de jornalismo na Universidade Veiga de Almeida, cujo interesse e paixão pelo jornalismo esportivo o levaram a acumular experiências em várias plataformas renomadas. Sua trajetória inclui colaborações notáveis em veículos como Premier League Brasil, Minha Torcida, Esportelandia, Futebol na Veia e ShaftScore.