NBA: técnico dos Celtics se defende após ‘deixar’ a equipe perder

Paola Zanon | 18/05/2023 - 09:30

Joe Mazzulla, técnico do Boston Celtics, se defendeu das críticas que recebeu por não ter pausado quando o Miami Heat virou o placar no 3º quarto, que foi decisivo para o resultado do jogo de playoffs da NBA.

Ao fim da partida, o placar do Jogo 1, que aconteceu e, Boston, foi de 123 a 116 para o Heat, que abriu 1 a 0 de vantagem na série, válida pelas finais da Conferência Leste.

— Eu usei dois tempos no 1° quarto, se vocês não se lembram. Se eu não tivesse usado dois, poderia ter usado um pra parar a corrida [do Miami] no 3° quarto—, explicou o treinador, que naquele momento, ainda tinha quatro tempos técnicos à sua disposição.

Quando faltavam 10 minutos para o fim do 3º período, os Celtics lideravam o placar por 12 pontos. Em menos de quatro minutos, o Heat fez uma corrida de 20 pontos e passou à frente, enquanto o Boston não esboçou uma reação ao anotar apenas sete pontos.

O jogo só foi paralisado pelo técnico quando faltavam seis minutos para o fim do quarto e com o Miami na frente por um ponto.

— Acho que depende de quem consegue manter a equipe mais competitiva, física e detalhada por mais tempo. Ficamos muito confortáveis às vezes e precisamos ser melhores nisso—, admitiu Mazzulla.

O Jogo 2 entre Miami Heat e Boston Celtics acontecerá nesta sexta-feira (19), a partir das 21h30, mais uma vez no TD Garden.

Escrito por Paola Zanon
Paola Zanon é jornalista formada pela Cásper Líbero, repórter e redatora com passagens pelo Notícias da TV, R7 e UOL Esporte. A carreira no jornalismo esportivo começou com a cobertura dos Jogos Pan-Americanos de 2019 pelo R7 até chegar ao Quinto Quarto em fevereiro de 2023. São-paulina de coração e apaixonada por basquete, futebol e viagens.