NBA: Lakers perdem para possível destino de D’Angelo Russell

Marcelo Cartaxo | 30/01/2024 - 23:52

O Los Angeles Lakers foi derrotado pelo Atlanta Hawks por 138 x 122 fora de casa na rodada de terça-feira (30).

Os Hawks comandaram as ações em quadra desde o primeiro quarto, e em uma noite apática de LeBron James na linha de lance livre, convertendo apenas quatro dos nove lances cobrados, o time da casa levou a melhor.

A derrota dos Lakers é a quarta nos últimos cinco jogos. A última vez que a equipe venceu foi contra o Golden State Warriors há algumas rodadas. Desde então, foi superador por Rockets e agora pelos Hawks.

No outro lado, o time comandado por Quinn Snyder teve Trae Young e Dejounte Murray – que logo mais pode surgir nos Lakers – combinando para mais de 45 pontos. Todos os titulares dos Hawks anotaram pelo menos 10 pontos, mas um dos destaques da partida começou o jogo sentado no banco de reservas.

Bogdan Bogdanovic entrou em quadra para comandar a segunda unidade em pontos na noite (18), ajudando os Hawks a assegurarem uma vitória importante na busca do time pela zona de classificação ao torneio de play-in. Atualmente, estão em 11º lugar na conferência leste e uma campanha de 20 vitórias e 27 derrotas.

Mesmo cansado, LeBron mostrou serviço

Sem Anthony Davis, cabia apenas a LeBron James comandar juventude dos Lakers em quadra, algo que aparenta ficar mais difícil a cada rodada que passa na NBA. No jogo contra o Atlanta Hawks, LeBron não teve uma partida ruim em lances livres, como também nas bolas para três pontos e arremessos de quadra. O astro não acertou metade do que tentou, e na reta final do jogo em uma rara demonstração de cansaço ficou em silêncio.

Ainda assim, durante a partida o camisa 23 dos Los Angeles Lakers mostrou a vitalidade física que possui aos 39 anos. Hoje, LeBron é o jogador mais velho em atividade na liga, chegando a ser mais novo do que alguns técnicos na NBA. Felizmente, isso não impede o jogador de fazer suas jogadas impressionantes.

Hawks tem prazo para negociar DeJounte com os Lakers

Os times da NBA adorariam se a janela de transferência, trocas, ficasse aberta por toda a temporada, mas não é isso que acontece. Ao fim do dia 8 de fevereiro, qualquer equipe na liga estará proibida de fazer trocas, ao passo que o trade deadline encerra quaisquer atividades envolvendo negociações por jogadores, capital de draft ou até mesmo compensação em dinheiro.

Caso a campanha de todos os times da NBA fossem encerradas hoje, e o início dos playoffs estivesse há uma semana de distância, os Lakers estariam classificados para o torneio de play-in, tendo que entrar em quadra pelo menos mais uma vez para tentar a classificação aos playoffs.

Escrito por Marcelo Cartaxo
Marcelo Cartaxo é um estudante de jornalismo na Universidade Veiga de Almeida, cujo interesse e paixão pelo jornalismo esportivo o levaram a acumular experiências em várias plataformas renomadas. Sua trajetória inclui colaborações notáveis em veículos como Premier League Brasil, Minha Torcida, Esportelandia, Futebol na Veia e ShaftScore.