NBA: 76ers vencem Knicks em jogo sonolento e encerra sequência negativa

Márcio Júnior | 10/03/2024 - 22:47

New York Knicks e Philadelphia 76ers se enfrentaram neste domingo (10), na NBA, no Madison Square Garden, mas o jogo decepcionou. Diante dos mais de 19 mil pagantes, o quarto e o sétimo colocados da Conferência Leste fizeram um jogo sonolento, que terminou com vitória dos 76ers por 79 a 73.

O duelo, um dos piores da temporada 2023/24 da NBA, ficou marcado pelo baixo aproveitamento das duas equipes, especialmente no primeiro tempo do jogo. Juntas, as duas equipes somaram pouco mais de 30% nos arremessos de quadra nos dois primeiros períodos.

Mesmo com a derrota, o armador dos Kicks, Jalen Brunson, foi o cestinha do jogo com 19 pontos e sete rebotes. Pelo lados dos 76ers, Kelly Oubre Jr, foi o que mais somou pontos, com 19, além de 10 assistências. Apesar do jogo fraco, a vitória pôs um fim à sequência negativa da franquia da Filadélfia depois de amargar uma sequência de três derrotas.

Jogo ruim de Knicks e 76ers faz aro ‘sofrer' na NBA

12 minutos de doer os olhos. Foi o que vimos no primeiro quarto de New York Knicks e Philadelphia 76ers. Entre os muitos erros – e põe muitos nisso -, as duas equipes castigaram o aro no Madison Square Garden, o templo máximo do basquete estadunidense. Somadas, as franquias de Nova Iorque e Filadélfia fizeram apenas 30 pontos no primeiro período, acertaram apenas 13 das 42 tentativas de arremesso.

E essa parecia ser o que veríamos durante todo o jogo, e o segundo quarto não foi muito diferente do primeiro. As duas equipes até somaram mais pontos, mas o aproveitamento nos arremessos continuou ruim, com uma ligeira vantagem para os 76ers, que somaram 22 pontos. Os Knicks, por outro lado, fizeram apenas 16 e viras os rivais abrirem seis pontos no intervalo.

A conversa dos técnico das duas equipes no intervalo parece ter sido quente, porque ajudou a amenizar o problema das mãos gelados dos jogadores. Pelo lado dos Knicks, Jalen Brunson somou de pontos em 5 minutos depois do intervalo mais do que fez em todo o primeiro tempo: 8 pontos. Do meio pro fim do quarto, no entanto, o drama voltou, e o armador anotou apenas mais dois, fechando o quarto com 10.

Pelo lado dos 76ers não foi muito diferente, só inverteu a ordem. Depois de um começo de terceiro período complicado, com os Knicks tomando as rédeas do jogo, os visitantes acordaram e recuperaram a liderança para não mais largar.

E assim como foi o terceiro quarto, o último período do jogo seguiu a mesma escrita: os Knicks tomando a iniciativa, mas perdendo fôlego com a recuperação dos 76ers. Se bem que a essa altura do jogo nenhuma das duas equipes parecia ter algum fôlego ou ânimo para o jogo.

Os últimos 12 minutos do jogo foram bem parecidos com os 12 primeiros: sonolento, cheio de erros e decepcionante. Principalmente pelo lado dos Knicks. Na reta final do jogo, o time acertou apenas 25% do que tentou, impossibilitando qualquer reação.

Escrito por Márcio Júnior
Márcio Júnior é baiano formado pela Faculdade Regional da Bahia. Cobriu de carnaval a Copa do Mundo na TVE Bahia, onde venceu o prêmio de reportagem do mês. Apaixonado por futebol, NBA, NFL e games de história. Torcedor do Bahia e Los Angeles Lakers. Passei pela ALBA, Rádio Educadora, Superesportes e Trivela. No Quinto Quarto desde julho de 2023.