NBA: Festival de duplos-duplo dos Bulls em vitória impressionante contra os Cavs

Marcelo Cartaxo | 29/02/2024 - 01:13

O Chicago Bulls derrotou o Cleveland Cavaliers por 132 x 123 em duas prorrogações no United Center, em Chicago. Sem Alex Caruso, o time parecia não ter um poder tão alto de rotação, mas ficou evidente no decorrer do jogo que aqueles envolvidos sabiam o que estavam sabendo, especialmente os titulares.

DeRozan, Vucevic, Drummond e White comandaram os Bulls na terceira vitória consecutiva nos últimos quatro jogos. Chegando de um vexame histórico contra o Detroit Pistons, os Bulls jogavam em casa pela segunda noite consecutiva, sendo a zebra contra os Cavaliers.

Como aconteceu a vitória dos Bulls?

Nikola Vucevic cometeu sua quinta falta e perdeu os minutos finais da prorrogação, o que poderia ter custado a vitória ao Chicago Bulls, mas não foi o que aconteceu.

Na prorrogação, Vucevic fez sua quinta e última falta permitida, e DeMar DeRozan apareceu na reta final do primeiro tempo adicional para colocar os Bulls de volta no jogo.

DeRozan sofreu uma falta enquanto tentava arremessar na linha dos três pontos, o que resultou em três lances livres para o jogador. Com todos convertidos, o jogo ficou empatado em 115 x 115.

Indo para o segundo tempo da prorrogação, DeRozan entrou em quadra novamente, mas dessa vez foi para colocar os Bulls em vantagem absoluta e encaminhar a vitória.

A confirmação do resultado, no entanto, veio após Andre Drummond conseguir uma enterrada “fácil” para colocar os Bulls em mais de duas posses de bola de vantagem.

Drummond teve uma das melhores noites do ano no jogo contra Cleveland. Foram 26 rebotes, igualando sua melhor marca na temporada e um dos jogos com mais rebotes capitalizados por um único jogador na temporada 2023-24 da NBA.

Além disso, Drummond entrou para a história do Chicago Bulls anotando 15 pontos e capitalizando 26 rebotes, ultrapassando Dennis Rodman como o jogador com mais partidas de 15-25 vestindo a camisa do time.

Cavs tinha o controle do jogo até a reta final

Os Cavaliers, por sua vez, estavam no controle da partida pela maior parte do jogo, mas quando os Bulls começaram a diminuir a diferença o poder de finalização dos jogadores dos Cavs parecia sumir a cada posse. Algumas bolas de três pontos importantes de Max Strus, Donovan Mitchell e Darius Garland foram convertidas, mas na reta final os mesmos jogadores não conseguiram converter arremessos que mais uma vez mudariam o rumo do jogo.

A derrota dos Cavaliers na prorrogação significa um encerramento na sequência de 11 vitórias em overtime dos Cavaliers desde a formação do trio Darius Garland, Donovan Mitchell e Evan Mobley.

Quatro jogadores dos Bulls anotam duplo-duplo na vitória contra os Cavaliers

Em uma noite nada normal em Chicago, os Bulls conseguiram levar o confronto contra os Cavaliers para duas prorrogações, forçando tanto o primeiro overtime quanto o segundo.

Com os jogadores do time da casa fazendo seu trabalho e contribuindo em quadra, quatro nomes tiveram duplo duplos na noite:

  • DeMar DeRozan: 35 pontos e 11 rebotes;
  • Andre Drummond: 17 pontos e 26 rebotes;
  • Nikola Vucevic: 24 pontos e 13 rebotes;
  • Coby White: 14 pontos e 12 assistências.

O desempenho de todos dentro de quadra foram para além dos números. DeRozan apareceu bloqueando bandeja de Donovan Mitchell embaixo do aro, Drummond teve uma grande noite controlando a segunda bola vinda da tabela com 18 rebotes defensivos e nove ofensivos, Coby White matou bolas de três pontos quando o time precisou e Vucevic forçou a prorrogação que deu a chance aos Bulls de vencerem o confronto.

Agora, após uma intensa partida contra os Cavaliers, os Bulls tem um leve alívio no calendário de jogos, voltando a entrar em quadra apenas no sábado (2). Enquanto isso, os Cavaliers viajam e enfrentam os Pistons em Detroit na quinta-feira (29).

Escrito por Marcelo Cartaxo
Marcelo Cartaxo é um estudante de jornalismo na Universidade Veiga de Almeida, cujo interesse e paixão pelo jornalismo esportivo o levaram a acumular experiências em várias plataformas renomadas. Sua trajetória inclui colaborações notáveis em veículos como Premier League Brasil, Minha Torcida, Esportelandia, Futebol na Veia e ShaftScore.