UFC 289: Amanda Nunes vence mexicana por decisão unânime e anuncia aposentadoria

Samir Mello | 11/06/2023 - 02:11

Amanda Nunes voltou a mostrar porque é considerada a melhor lutadora de todos os tempos do MMA. No UFC 289, realizado em Vancouver, Canadá, já na madrugada de sábado para domingo (11/6), a Leoa entregou uma performance madura, paciente e dominante, sem chances para Irene Aldana.

Apesar de a adversária mexicana ter resistido à variação de golpes de Amanda, em nenhum momento a adversária representou risco à manutenção do cinturão dos pesos-galos (até 61,2kg) por decisão unânime.

Empatando o recorde de Anderson Silva de defesas de títulos, a Leoa anunciou a aposentadoria aos 35 anos logo após o combate, encerrando uma era.

A luta

Durante os dois primeiros rounds, Irene Aldana optou por manter a guarda alta e não se arriscar. No entanto, a Leoa aproveitou para machucar a mexicana com chutes baixos e pisões.

A partir do terceiro round, Aldana passou a arriscar mais, avançando contra Amanda e tentando chutes altos. A Leoa aproveitou para derrubar a mexicana e levar a luta para o solo. Apesar de ter conseguido se desvencilhar, Irene foi derrubada novamente, com tentativa de finalização por Nunes.

No quarto round, Amanda conseguiu encaixar novos golpes, entre jabs e joelhadas, visivelmente machucando e cansando Aldana, que resistia bravamente.

No quinto round, Amanda novamente puniu a mexicana na luta no solo, apelando para socos na costela na mexicana e buscando a finalização.

Veja os resultados do card completo do UFC 289:

Card Principal

Peso-galo: Amanda Nunes venceu Irene Aldana por decisão unânime
Peso-leve: Charles Oliveira venceu Beneil Dariush por nocaute
Peso meio-médio: Mike Malott venceu Adam Fugitt por finalização
Peso-pena: Dan Ige venceu Nate Landwehr por decisão unânime
Peso-médio: Marc-Andre Barriault venceu Eryk Anders por decisão unânime

Card Preliminar

Peso-médio: Nassourdine Imanov x Chris Curtis terminou sem resultado devido a um choque acidental de cabeças
Peso-mosca: Jasmine Jasudavicius venceu Miranda Maverick por decisão unânime
Peso-galo: Aiemann Zahabi venceu Aoriqileng por nocaute
Peso-pena: Kyle Nelson venceu Blake Bilder por decisão unânime
Peso-mosca: Stephen Erceg venceu David Dvorak por decisão unânime
Peso-palha: Diana Belbita venceu Maria Oliveira por decisão unânime

Escrito por Samir Mello
Samir Mello trabalhou como repórter no Correio Braziliense antes de se tornar editor de esportes no portal Metrópoles. Atuou como subcoordenador e coordenador do Quinto Quarto até julho de 2023.