UFC

Tim Elliott x Tagir Ulanbekov como aconteceu – Resultado, destaques e reação

Tim Elliott

Neste sábado (05), na T-Mobile Arena em Las Vegas, ocorreu o UFC 272, evento que contou com o duelo entre Tim Elliott x Tagir Ulanbekov, no card preliminar. Um combate interessante pelo peso-mosca, contemplando dois bons lutadores que buscam subir na categoria. Por isso, confira todos os detalhes dessa peleja, que resultou na vitória de Tim Elliott por decisão unânime. 

1º Round: Vantagem do norte-americano

Primeiramente, a luta começou com Tim Eliott partindo para cima e dominando o centro do octógono, caminhando para frente e desferindo bons chutes. O americano tentava colocar pressão e chamava Ulanbekov para o combate, que em contrapartida aplicou bons jabs de canhota nos movimentos iniciais.

Passado o primeiro minuto de luta, Elliott foi para as pernas do russo e aplicou uma boa queda. Ulanbekov logo se desvencilhou, mas acabou sofrendo uma joelhada de impacto enquanto se levantava. 

A luta permaneceu com superioridade do norte-americano, que seguia com um maior volume de golpes. Em um intervalo de 30 segundos, Tim Elliott conseguiu aplicar mais duas quedas, e teve por alguns segundos o controle no solo.

O round entrou na reta final, e nos últimos instantes, o americano conseguiu conectar um fortíssimo golpe com a mão esquerda, derrubando Ulanbekov. Depois, ainda conseguiu mais uma queda, a quarta na luta, antes de ir para o clinch com o russo. Nesse instante, soou a buzina indicando o fim do assalto.

Dessa forma, consideramos um round claríssimo para Elliott. Na nossa contagem, 10-9 para o atleta estadunidense

2º Round: Elliott segue em vantagem

O segundo round iniciou morno, mas com o norte-americano caminhando para frente mais uma vez. Ulanbekov, passado o primeiro minuto do round, agarrou as pernas de Elliott e colocou no chão, mas permitiu que o adversário fizesse a transição e se levantasse rapidamente. 

Sem tantas ações contundentes, o combate se desenrolou com o jogo agarrado predominando, já que os dois atletas queriam uma queda para pontuar no solo. No entanto, o americano levava uma pequena vantagem, pois buscava mais o confronto e tinha mais golpes desferidos.

Como Ulanbekov não conseguiu impor o seu jogo, Elliott se aproveitou disso dominar o clinch e aplicar mais sequências à longa distância. Na contagem oficial do UFC, o anfitrião foi um pouco mais efetivo nos golpes, e levou vantagem nas principais estatísticas.

Dessa forma, consideramos que Tim Elliott foi melhor neste assalto e venceu por 10-9. Na nossa contagem, 20-18 para o norte-americano. 

3º Round: Ulanbekov tenta recuperar o prejuízo

Assim, o terceiro round começou bem parecido com os anteriores. No entanto, dessa vez Tim Elliott foi um pouco mais cauteloso, pois tinha a vantagem na contagem e não queria se expor contra um adversário talentoso. Ambos os lutadores passaram a trocar golpes no centro do octógono, mas sem tanta contundência. 

Já na metade do assalto, Ulanbekov passou a ter bons momentos, e tocou com mais clareza o rosto do adversário. Logo em seguida, o russo grampeou o rival na grade, se mantendo em vantagem no clinch e utilizando uma estratégia um pouco mais pragmática.

Na reta final de combate, o atleta do Daguestão conseguiu montar nas costas de Tim Elliott, colocar a luta no chão e pegar o pescoço em busca da finalização. Porém, a posição não era favorável, e Ulanbekov acabou tendo sua tentativa frustrada. Nos segundos finais, o lutador russo se manteve dominante, golpeando e sendo contundente, mas não o suficiente para conseguir uma vitória por via rápida.

Dessa forma, consideramos que Tagir Ulanbekov venceu o round por 10-9. Em nossa contagem, Tim Elliott venceu a luta por 29-28. E, assim, na decisão dos juízes, Tim Elliott venceu Tagir Ulanbekov por decisão unânime (29-28, 29-28 e 29-28). 

Tim Elliott x Tagir Ulanbekov – E agora?

De bate pronto, o experiente Tim Elliott vence mais uma luta na carreira, e se recupera da última derrota sofrida no UFC. Com uma performance inteligente, o atleta norte-americano fez o necessário para derrotar Tagir Ulanbekov, e conseguiu um importante triunfo para progredir na organização.

Agora, o 13º colocado do ranking do peso-mosca dará um passo a frente, e provavelmente irá se aproximar do top 10 da divisão. Mesmo com 35 anos de idade, Tim mostrou que ainda pode ser competitivo no Ultimate, e quer mais uma chance para enfrentar os principais atletas da categoria. 

Por outro lado, Ulanbekov perde a segunda luta de sua carreira, mostrando muito pouco perto do que poderia diante de um adversário que vinha em baixa. Além do mais, o russo ocupa a 15ª posição do ranking, e perdeu a oportunidade de dar um salto adiante. Agora, Tagir terá que se recuperar no próximo combate, visando se manter entre os tops da categoria.

Foto Destaque: Reprodução | ESPN

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top