Poatan x Adesanya: fique por dentro de todos os resultados do UFC 287

Igor Ribeiro | 09/04/2023 - 02:30

Realizado em Miami, nos Estados Unidos, o UFC 287 foi cercado de emoções para os fãs de MMA. Na luta principal da noite, Israel Adesanya se vingou e nocauteou Alex Poatan para reconquistar o cinturão dos pesos-médios (até 83,9 kg). Ao todo, foram 12 lutas no show.

Na luta co-principal, Gilbert Durinho brilhou ao vencer Jorge Masvidal. No card preliminar, Luana Pinheiro bateu Michelle Waterson-Gomez, enquanto Jaqueline Amorim foi superada por Sam Hughes. Mas, para você que não assistiu, confira todos os resultados do UFC 287.

CARD PRINCIPAL – UFC 287

Alex Poatan x Israel Adesanya – Luta pelo cinturão

Adesanya x Poatan UFC 287. Foto: Reprodução/Twitter @ufc
Adesanya x Poatan UFC 287. Foto: Reprodução/Twitter @ufc

Um dia da caça, outro do caçador. Seis meses após ser nocauteado por Alex PoatanIsrael Adesanya se vingou do brasileiro e recuperou o cinturão dos pesos-médios (até 83,9 kg).

Na luta principal da noite, Adesanya fazia luta equilibrada contra Poatan e conseguiu dar um troco com um nocaute no segundo round. O nigeriano, além de reconquistar o título, também venceu o arquirrival pela primeira vez em quatro encontros – dois no kickboxing e dois no MMA.

Gilbert Durinho x Jorge Masvidal

Gilbert Durinho x Jorge Masvidal UFC 287. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc
Gilbert Durinho x Jorge Masvidal UFC 287. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc

Pela luta co-principal do UFC 287, os meio-médios (até 83,9 kg) Gilbert Durinho e Jorge Masvidal subiram no octógono com o objetivo de se aproximarem de nova chance pelo cinturão da categoria. E quem levou a melhor foi o brasileiro na decisão unânime dos juízes.

Com o resultado, Durinho emplaca a segunda vitória seguida e volta a sonhar com o título que pertence a Leon Edwards. O brasileiro é o quinto colocado e somou seu 22º resultado positivo na carreira. Ele também tem outros cinco negativos.

Rob Font x Adrian Yanez

Rob Font x Adrian Yanez. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc
Rob Font x Adrian Yanez. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc

Em duelo pela divisão dos pesos-galos (até 61,2 kg), Rob Font superou Adrian Yanez por nocaute no primeiro round e freou a ascensão de seu rival dentro da organização. Com o resultado, ele chega em sua 20ª vitória na carreira, além de outras seis derrotas.

Yanes sente o sabor amargo do quarto revés. Antes, ele vinha com nove triunfos – sendo 16º de sua trajetória no MMA.

Santiago Ponzinibbio x Kevin Holland

Kevin Holland x Santiago Ponzinibbio. Foto: Reprodução/Instagram/@ufc
Kevin Holland x Santiago Ponzinibbio. Foto: Reprodução/Instagram/@ufc

‘Argentino Gente Boa’, Santiago Ponzinibbio acabou nocauteado no octógono do Ultimate. O lutador sentiu com o poder de golpes e foi nocauteado pelo norte-americano no terceiro round. A luta aconteceu nos meio-médios (até 77 kg).

Holland se recuperou de derrotas para Khamzat Chimaev e Stephen Thompson, além de ter desafiado Jorge Masvidal. Ele soma 24 triunfos e nove reveses. Ponzinibbio, por outro lado, tem 29 resultados positivos e sete negativos.

Raul Rosas Jr. x Christian Rodriguez

Raul Rosas Jr. x Christian Rodriguez. Foto: Reprodução/Instagram/@UFCespanol
Raul Rosas Jr. x Christian Rodriguez. Foto: Reprodução/Instagram/@UFCespanol

Lutador mais novo da história do UFC, Raul Rosas Jr. perdeu a invencibilidade no MMA. Grande promessa mexicana, o atleta acabou derrotado por Christian Rodriguez por decisão unânime dos juízes. O confronto foi válido pela divisão dos meio-médios (até 77 kg).

Rosas Jr. tem um cartel de sete vitórias e uma derrota. Já Christian Rodriguez atualiza seu retrospecto de oito resultados positivos e um negativo.

CARD PRELIMINAR

Kelvin Gastelum x Chris Curtis

Kelvin Gastelum x Chris Curtis. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc
Kelvin Gastelum x Chris Curtis. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc

Kelvin Gastelum protagonizou confronto agressivo e movimentado contra Chris Curtis, a quem venceu na decisão unânime dos juízes após três rounds de constante troca de domínio no cage.

Gastelum volta a vencer e conquistou sua segunda vitória nas últimas sete lutas. Já Curtis, por outro lado, ostenta um retrospecto de 30 resultados positivos e dez negativos.

Michelle Waterson-Gomez x Luana Pinheiro

Luana Pinheiro x Michelle Waterson-Gomez. Foto: Reprodução/Instagram/@ufcespanol
Luana Pinheiro x Michelle Waterson-Gomez. Foto: Reprodução/Instagram/@ufcespanol

Deu Luana Pinheiro no octógono do UFC. A brasileira, que buscava escalada nos pesos-palhas femininos (até 52,1 kg), sentiu período em inatividade, mas bateu Michelle Waterson-Gomez em luta equilibrada na decisão dividida dos juízes.

Luana, com o resultado, chegou na terceira vitória seguida – sendo a nona da carreira. Ela tem um cartel de 11 resultados positivos e um negativo. Já a veterana Michelle Waterson-Gomez soma um retrospecto de 18 triunfos e 11 negativos.

Gerald Meerschaert x Joe Pyfer

Joe Pyfer x Gerald Meerschaert. Foto: Reprodução/Twitter/@ufcbrasil
Joe Pyfer x Gerald Meerschaert. Foto: Reprodução/Twitter/@ufcbrasil

Joe Pyfer confirmou o favoritismo e saiu com os braços erguidos diante de Gerald Meerschaert. Em duelo válido pela divisão dos pesos-médios (até 83,9 kg), o norte-americano levou vantagem na trocação e teve trabalho rápido para nocautear no primeiro round.

Ignacio Bahamondes x Trey Ogden

Ignacio Bahamondes x Trey Ogden. Foto: Reprodução/Instagram/@ufcespanol
Ignacio Bahamondes x Trey Ogden. Foto: Reprodução/Instagram/@ufcespanol

A luta entre Ignacio Bahamondes e Trey Ogden foi uma das mais mornas do card preliminar. O chileno, no entanto, impôs o ritmo do confronto com chutes e socos na trocação. Ele saiu vitorioso na decisão unânime dos juízes, em duelo válido pelo peso-casado e combinado pelos atletas de 72,6 kg.

Bahamondes chegou à terceira vitória seguida e atualiza seu retrospecto para 14 triunfos e quatro reveses. Odgen, por outro lado, tem duas derrotas em três apresentações, com 16 resultados positivos e seis negativos.

Steve Garcia x Shayilan Nuerdanbieke

Steve Garcia x Shayilan Nuerdanbieke. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc
Steve Garcia x Shayilan Nuerdanbieke. Foto: Reprodução/Twitter/@ufc

Reviravolta no embate entre Steve Garcia e Shayilan Nuerdanbieke. Após começar mal e sentir um golpe do chinês, o norte-americano conseguiu se recuperar e nocauteou o adversário por nocaute na linha da cintura no segundo round. O duelo foi válido pela divisão dos pesos-penas (até 65,7 kg).

Com isso, Garcia chegou em sua segunda vitória seguida. Profissional desde 2013, o lutador soma 14 resultados positivos e cinco negativos. Nuerdanbieke, por sua vez, sentiu o sabor amargo do 11º revés na carreira, enquanto também tem outros 39 triunfos.

Sam Hughes x Jaqueline Amorim

Sam Hughes vence Jaqueline Amorim por pontos. Foto: Reprodução/Instagram/@ufcbrasil
Sam Hughes vence Jaqueline Amorim por pontos. Foto: Reprodução/Instagram/@ufcbrasil

Não deu para Jaqueline Amorim. A brasileira, que fez sua estreia na categoria dos pesos-palhas femininos (até 52,1 kg), sentiu o gás e foi derrotada por Sam Hughes na decisão unânime dos juízes pela primeira luta da noite. Ela perde a invencibilidade de seis lutas na carreira.

Amorim, que nunca havia passado do segundo round, perdeu por pontos pela primeira vez. A manauara conta com um cartel de seis resultados positivos e um negativo. Já Sam Hughes atualiza seu retrospecto para oito vitórias e cinco derrotas.