PFL Lutas e MMA

PFL 9 2022 – Melhores momentos e resultados

PFL 9 2022 – melhores momentos e resultados

Na tarde deste sábado (20), a PFL 9 Playoff, aconteceu no Parque Olímpico, Rainha Elizabeth, na Inglaterra. Os representantes brasileiros foram Larissa Pacheco e João Paulo Fagundes. Confira os melhores momentos do evento.

Playoffs

Zebenzui Ruiz x Raphael Uchegbu

A princípio, os dois lutadores buscaram a trocação e arriscaram alguns golpes em pé que passaram no vazio. Contudo, Ruiz quedou seu adversário e seguiu buscando fazer pressão por cima com socos ou buscando a finalização.

Aos três minutos, o espanhol conseguiu mochilar Raphael e começou a desferir golpes por cima castigando bastante seu oponente. Ainda assim, Raphael conseguiu reverter o jogo e quedar Zebenzui que levantou na sequência. Antes do término do round, Ruiz quedou seu adversário e encerrou o 1º assalto com a vantagem.

O 2º round começou com os dois lutadores se movimentando e tentando achar brechas em pé. Raphael foi quase finalizado por Ruiz em uma tentativa de estrangulamento aos 3′ e 30”. Uchegbu conseguiu se livrar e pressionar seu adversário na grade e tentando fazer a queda que só aconteceu aos dois minutos. O espanhol conseguiu reverter a posição e permanecer por cima e seguiu pressionando até o fim do round.

No 3º assalto, Raphael aplicou uma joelhada voadora impressionando seu adversário. Na sequência, tentou quedar Ruiz. O espanhol usou seu jogo de chão e foi para as costas de Uchegbu. Os dois lutadores seguiram trocando de posição buscando a queda.

Raphael aplicou uma blitz em Ruiz que sentiu os golpes. Entretanto, o inglês aproveitou a brecha para buscar a queda. O inglês buscou controlar a luta no chão o round todo até conseguir ir para as costas de seu oponente, mas Ruiz levantou e ficou em pé. Mas foi controlado por Raphael novamente que seguiu controlando a luta até o término do round. Por fim, Zebenzui Ruiz venceu por decisão unanime.

Omar Hussein x Alex Chizov

No início do 1º assalto, os lutadores buscaram a trocação franca e trocaram golpes relevantes. Porém, Alex Chizov sempre caminhou para frente e aplicou golpes significativos até a metade do 1º round. Aos dois minutos e meio, Chizov aplicou uma sequência de jab e direto que balançou Omar o levando ao chão. Nesse período, Alex controlou por cima, mas a luta voltou ficar de pé.

Alex seguiu dominando as ações em pé, tanto que aplicou um knockdown restando 50 segundos para acabar o round. No fim, Omar Hussein quedou e quase finalizou Alex Chizov.

No início do 2º round, Omar Hussein começou a luta quedando seu oponente. Aos poucos o lutador foi progredindo no chão até mochilar e aplicar o mata-leão. No entanto, Alex mostrou muita técnica e conseguiu ficar por cima, desferindo golpes duros contra o oponente. As ações foram progredindo até chegar as costas para tentar o mata-leão perfeito, que culminou com os três tapas de Hussein.

Stuart Austin x Sofiane Boukichou

No início do round, os dois lutadores buscaram o combate em pé. Austin conseguiu uma queda e começou a dominar o combate por cima. Stuart controlou o embate até os 24 segundos, quando Boukichou ficou por cima e desferiu golpes contundentes contra o oponente, quase finalizando a luta.

Sofiane buscou golpes mais contundentes no início do 2º assalto. Austin tentou dominar a luta no chão, mas Sofiane voltou a ficar de pé. Austin seguiu tentando a luta agarrada o tempo todo e seguiu assim até o fim do assalto.

Por fim, no terceiro round Sofiane iniciou o combate com trocação franca. Porém, seguiu sem plano e buscou as pernas do lutador e acabou conseguindo quedar na metade do round. Sua pressão seguiu no chão até o fim do embate. Stuart Austin venceu o embate por decisão dividida.

João Paulo Fagundes é superado

João Paulo Fagundes começou o round sendo mais contundente que Simoen e aplicando mais golpes até a metade do 1º round. Porém, Simoen buscou pressionar o brasileiro na grade. Os ataques do inglês, no entanto, não foram contundentes.

No final do round, os lutadores foram para trocação franca com Simoen Powell quedando o brasileiro, que sofreu com seus golpes no chão.

Na sequência, no 2º round, Fagundes foi derrubado por Simoen, mas o arbitro reiniciou a luta em pé. No retorno, os dois lutadores foram para trocação e Simoen desferiu bons chutes na base de João Paulo que sentiu bastante. No primeiro momento, o brasileiro conseguiu se reerguer. Por fim, no terceiro chute o arbitro encerrou o round por nocaute técnico.

Larissa Pacheco nocauteia e está na final

No início do combate, Larissa Pacheco andou para frente e buscou sempre estar controlando a luta. Aos 3′ e 40”, Pacheco deu uma Blitz em Olena e quase liquidou a fatura. Com passar dos minutos, a brasileira seguiu andando para frente e deu uma sequência de golpes que desmontou Olena.

PFL 9 2022: e agora?

A final ainda não tem data para acontecer, mas poderemos ter dois brasileiros para levarem o cinturão. Além de Scheffel, a lutadora Larissa Pacheco também pode cravar sua vaga, já que tem sua luta de semifinal, na semana próxima semana.

Playoffs

Dakota Ditcheva x Hassna Jaber

O combate entre as lutadoras começou bastante agitado. Hassna Jaber buscou uma sequência de golpes significativos. Em contrapartida, Dakota pressionou a oponente na grade e deu uma blitz. Na sequência, a inglesa seguiu agredindo a adversária na linha de cintura e liquidando o round por nocaute técnico.

Ryoji Kudo x Bubba Jenkins

A princípio, Jenkins começou o round dando uma linda queda e assustando Ryoji. Após os golpes, o lutador derrubou o oponente outra vez. Bubba seguiu agredindo e buscando a finalização até conseguir aplicar uma mata-leão e finalizar a luta com maestria.

Ali Taleb x Darius Mafi

Antes de mais nada, o primeiro minuto foi de bastante estudo, até os dois lutadores buscarem a luta na grade. Contudo, Ali Taleb quedou Darius Mafi e acertou uma bela finalização encerrando o embate de maneira espetacular.

Tayo Odunjo x Magnus Iversen

Iversen começou o round mais ativo, aplicando chutes frontais e jabs. Porém, aos quatro minutos, Magnus conseguiu quedar Tayo perto da grade e seguiu progredindo dentro da guarda de Odunjo. Faltando um minuto para fim do round, quando atleta levantou. Nesse sentido, os lutadores foram para trocação franca nos segundos finais do assalto, onde Iversen acertou um belo cruzado finalizando a luta de forma eletrizante.

Loqui Sotherland x Abraham Bably

Primordialmente, o embate seguiu equilibrado até os quatro minutos quando Abraham Bably pressionou seu adversário na grade. Nesse sentindo, Bably passou a guarda e mochilou Loqui que fugiu mas ficou pressionado na grade e mantendo a luta boa parte do round no chão.

Na volta do 2º round, a luta seguiu morna, mas os dois lutadores tentar desferir golpes significativos para acabar com embate. Ainda mais, quedou Loqui e manteve a luta no chão por algum tempo. A luta voltou a ficar em pé com domínio de Abraham até o fim do assalto.

Por fim, a primeira metade do round foi com Abraham administrando a vantagem. Contudo, aos dois minutos, Bably pressionou Sotherland na grade, desferiu golpes violentos no oponente e controlou na grade até o fim do assalto e garantindo a vitória por decisão unanime.

Marcin Held x Myles Price

Na primeira parte do round, Marcin Held foi mais contundente e demostrou estar mais ativo na luta. Assim sendo, Held tentou quedar Myles e o pressionou na grade até os 50 segundos, quando o lutador voltou a ficar de pé. Mas, Marcin voltou a colocar a luta para grade até o fim do assalto.

No 2º round, Myles tentou ser mais agressivo buscando a trocação. Porém, Marcin, logo colocou o lutador para baixo e dominou as ações na meia guarda. Na sequência, Held fez várias movimentações buscando o estrangulamento. No entanto, só foi conseguir a finalização aos 2′ e 25”.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top