MMA: Patrício Pitbull tenta mudança drástica para fazer história no Bellator

Igor Ribeiro | 27/03/2023 - 14:30

Dono do cinturão dos pesos-penas (até 65,7kg.) e antigo campeão dos pesos-leves (até 70,3 kg), Patrício Pitbull é o maior nome da história do Bellator e segue em busca de novos capítulos. A organização surpreendeu e anunciou que o brasileiro vai tentar uma mudança drástica por outro título na carreira. 

Patrício foi confirmado como adversário de Sérgio Pettis para disputar o cinturão dos pesos-galos (até 61,2 kg) no Bellator 297, que acontece em 16 de junho, em Chicago, nos Estados Unidos. Caso consiga a vitória, o potiguar será o primeiro lutador a vestir três ouros na história da organização. 

Veterano no MMA, Pitbull começou sua trajetória em 2004 e se destacou no Bellator por vitórias sobre nomes como AJ McKee e Michael Chandler. O brasileiro, que vem de triunfo sobre o compatriota Kleber Koike, tem 35 anos e ostenta um retrospecto de 35 triunfos e cinco reveses na carreira.  

Ex-UFC, Sergio Pettis está invicto desde que chegou ao Bellator, em 2020, com quatro vitórias. Irmão de Anthony – que foi campeão do Ultimate, o mexicano destronou Alfred Khashakyan e Rick Bandejas antes de conquistar o título diante de Juan Archuleta. Ele também nocauteou Kyoki Horiguchi em dezembro de 2021 para a primeira defesa de cinturão. Em seu cartel, são 22 triunfos e cinco reveses.  

Além de Patrício Pitbull, veteranos fazem outra luta pelo título 

Patrício Pitbull faz a segunda luta mais importante do card, que conta com dois veteranos em disputa pelo ouro dos meio-pesados (até 120,2 kg) para fechar o card.  

O cubano Yoel Romero, conhecido por sua trajetória no UFC, tenta pela primeira vez o título diante de Vadim Nemkov, russo que tem chamado a atenção pelo domínio contra seus adversários e entra no cage em busca da quinta defesa de cinturão.