Lutas e MMA UFC

Justin Gaethje x Michael Chandler – como aconteceu – Resultado, destaque e reação

JUSTIN GAETHJE X MICHAEL CHANDLER

Com a promessa de ser uma verdadeira carnificina, o combate entre Justin Gaethje e Michael Chandler, válido pelo categoria dos leves, prometia ser o ponto alto do UFC 268, que ocorreu na noite de sábado (6). Só que felizmente, o duelo conseguiu superar as expectativas e pode muito bem ter sido a melhor luta do ano e uma das melhores da história da categoria. Confira em detalhes como foi o confronto.

CONFIRA OS MELHORES MOMENTOS DE JUSTIN GAETHJE X MICHAEL CHANDLER

1º ROUND: CHANDLER ABRE NA VANTAGEM

Apesar de sua clássica postura com as pernas abertas, Chandler mostrou cautela e preparo para defender os chutes de Gaethje e chegou a aplicar os mesmo golpe no rival. Após o primeiro minuto de luta, tivemos a primeira demonstração de como seria o restante do combate.

Com o passar do round, Gaethje encurralou Chandler na grade, mas o ex-campeão do Bellator não se acanhou, e devolveu os ataques com socos pesados, dando início a uma troca de golpes franca. Assim, à medida que o combate prosseguia, os dois pareciam abandonar cada vez mais a estratégia e seguiam na trocação frenética, desferindo golpes potentes um no outro.

No entanto, estava tudo bem esquilibrado, até que uma joelhada voadora de Chandler, seguida de uma sequência de socos, deixou o ex-campeão interino em apuros. Balançado, Gaethje recuou para a grade, e conseguiu acertar um contragolpe que machucou o Michael e abriu um corte no seu supercílio.

Dessa forma, Gaethje cresceu no combate, acertando suas patadas no rosto de Chandler, que conseguiu sair em vantagem, apesar do prejuízo na reta final. Enfim, um 10-9 para o ex-campeão do Bellator no primeiro round.  

2º ROUND: O CONTRA ATAQUE DE GAETHJE

O segundo round começou acirrado, com ambos os atletas desferindo bombas e chutes baixos um contra o outro, para o delírio da torcida presente. Até que um uppercut brutal de Gaethje atingiu Chandler em cheio no queixo, o ex-campeão do Bellator desabou e ficou em apuros, mas conseguiu sobreviver se defendendo na luta agarrada.

Assim que os dois se levantam, e Gaethje continua pressionando e conectando sua pesada mão direita. Aliás, nesse momento, Chandler parece ter aceitado a selvageria do combate e fica de guarda baixa diante de Justin, embora seu rosto se mostrasse cada vez mais avariado.

O ex-campeão interino aproveitou esses momentos para desferir mais chutes baixos, que entravam e começavam a incomodar Chandler cada vez mais. Na reta final do round, ex-campeão do Bellator acertou acidentalmente um dedo no olho do rival, sem perceber, ainda desferiu um soco na sequência, antes que o árbitro parasse o combate. Porém, Gaethje conseguiu retornar, poucos segundos antes do round chegar ao fim. Sem dúvidas, um tranquilo 10-9 para Justin Gaethje.

3º ROUND: O FIM DA GUERRA

Mais cauteloso, Gaethje levantou a guarda e buscou ser mais pontual no último round. Enquanto, Chandler estava tomado pela adrenalina do momento, continuava de guarda baixa e procurando um golpe derradeiro. O ex-campeão do Bellator começou a conectar bons golpes. No entanto, sempre batia de frente com os contra ataques de Justin, que se mostrava mais inteiro na luta.

Sem alternativa, Chandler busca a queda e arremessa o adversário no chão, mas Gaethje se recuperou, reverte a posição e fica nas costas do rival. Buscando a vitória por pontos, Justin seguia atacando e trabalhando no contragolpe, mas sem se expor muito.

Enquanto isso, Chandler abaixava a guarda e chamava o adversário para o in-fight. O ex-campeão do Bellator provoca, chama  a torcida e tenta de tudo para fazer com que Gaethje se exponha. Porém, o ex-campeão interino se manteve calmo e chegou ao soar do gongo com mais um round na conta.

Na pontuação oficial, Justin Gaethje venceu Michael Chandler por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27).

JUSTIN GAETHJE X MICHAEL CHANDLER – E AGORA?

Atual segundo colocado do ranking, Justin Gaethje pode estar a uma vitória de uma nova chance ao título, assim como o russo Islam Makhachev. Sendo assim, um duelo entre os dois para definir o próximo desafiante ao título dos leves, parece ser a melhor opção do americano no momento.

Já, para Michael Chandler, o próximo passo é enfrentar alguém mais atrás do ranking. Logo abaixo de sua posição, quarto lugar no peso-leve, estão Tony Ferguson e Conor McGregor, ex-campeões notórios da categoria que estão sem luta marcada nos próximos meses.

Foto Destaque: Reprodução / UFC

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top