Lutas e MMA UFC

Jose Aldo se aposenta do MMA e é liberado de seu contrato com o UFC

Jose Aldo se aposenta do MMA e é liberado de seu contrato com o UFC

A lendária carreira de Jose Aldo chegou ao fim. No último domingo (18) o site Combate noticiou que o bicampeão peso pena do UFC, Jose Aldo, anunciou sua aposentadoria do MMA após chegar a um acordo com o UFC, liberado de seu contrato.

Aldo termina sua carreira com um cartel de 31 vitórias e oito derrotas, e com o título de maior peso pena de todos os tempos, bem como um dos melhores lutadores peso por peso a passar pelo UFC.

A notícia vem cerca de um mês após Aldo ser derrotado por decisão unânime pelo russo Merab Dvalishvili, no UFC 278, a derrota quebrou uma sequência de três vitórias do brasileiro na categoria peso galo.

O Rei do Rio fez sua estreou no MMA profissional em 2004, abrindo um cartel de 10-1 até assinar com o evento World Extreme Cagefighting em 2008. Com apenas 23 anos, Aldo conquistou o título do WEC contra Mike Brown em 2009. Aldo manteve seu título até a fusão do WEC com o UFC em 2011, quando foi promovido imediatamente para campeão inaugural peso pena do UFC. Defendeu seu título sete vezes consecutivas, sendo ainda um recorde no UFC, até perdê-lo para Conor Mcgregor no UFC 194.

Em 2019, Aldo desceu para a divisão dos pesos galo, onde disputou o título vago da categoria após perder para o compatriota Marlon Moraes, perdendo para o ex-campeão Petr Yan. Aldo se recuperou em seguida abrindo uma sequência de três vitórias contra Marlon Vera, Pedro Munhoz e Rob Font.

A carreira de José Aldo Junior também é marcada por grandes lutas e grandes rivalidades contra alguns dos melhores lutadores peso pena da história como Uriah Faber, Chad Mendes, Cub Swanson, Chan Sung Jung.

Reação da comunidade do MMA

Após o anúncio da aposentadoria, toda a comunidade do MMA incluindo amigos, companheiros de treino e rivais de Aldo celebraram sua decisão de se retirar. Através do Twitter, os ex-campeões e ex rivais de Aldo Max Holloway, Frankie Edgar, e o atual campeão das penas Alexander Volkanovski desejaram sorte a Aldo em sua retirada. O ex-campeão dos galos, Petr Yan, também celebrou a retirada do Rei do Rio.

No Brasil, nomes como Deiveson Figueiredo, atual campeão das moscas, Renato Moicano, Thiago Santos, Raoni Barcellos e até veteranos como Fabio Maldonado, e os irmãos Antônio Rodrigo e Rogerio Nogueira homenagearam Aldo através das redes sociais.

 (Foto: Reprodução/Alex Goodlett)

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top