UFC: Jailton Malhadinho define próximo alvo e mira cinturão em 2024

Matheus Costa | 14/05/2023 - 14:34

Depois de anotar aquela que é provavelmente a maior vitória de sua carreira, Jailton Malhadinho está em plena ascensão na categoria dos pesados. No entanto, antes de falar pedir uma disputa de cinturão, o baiano já tem um alvo definido para sua próxima luta: Tai Tuivasa.

VEJA TAMBÉM:

+ UFC Charlotte: em dia perfeito para brasileiros, Malhadinho garante bônus por performance

++ UFC Charlotte: lutador aplica nocaute brutal em apenas 14 segundos

+++ UFC Charlotte: Malhadinho, Walker, D’Silva e Tainara brilham com vitórias importantes

Após finalizar o ex-desafiante Jairzinho Rozenstruik na luta principal do UFC Charlotte, no último sábado (13), Jailton Malhadinho traçou o nome de Tuivasa como próximo alvo e já sugeriu até mesmo dois locais: Abu Dhabi ou Brasil.

– É claro (que eu já penso em voltar). UFC Abu Dhabi ou UFC Brasil em Outubro. Eu quero o Tai Tuivasa. Ou ele vem para o Brasil para sentir a energia por lá ou então vamos para Abu Dhabi, que eu ouvi falar que é onde ele faz os seus camps de treinamento. Não tem problema, podemos fazer isso. Eu faço um esforço e vou até ele -, afirmou.

Com cinco vitórias em cinco lutas na categoria dos pesados, Jailton Malhadinho foi questionado sobre a ideia de disputar o cinturão contra o campeão Jon Jones. Ele reconheceu que precisa subir mais alguns degraus na divisão, mas que seu sonho é conquistar mais uma ou duas vitórias e disputar o cinturão em 2024.

– Eu encaro isso como uma escada cheia de degraus. Eu estou bem feliz em entrar no top 10 agora e, pelo fim do ano, estar com seis ou sete vitórias. Aí, talvez no próximo ano, lutar pelo cinturão é tudo o que eu sempre sonhei -, completou.

Escrito por Matheus Costa
Matheus Costa é jornalista, repórter e redator com passagens por MMA Brasil, LANCE!, O Dia, Yahoo! e outros. Sua carreira no jornalismo iniciou na cobertura do MMA, depois se expandindo para a cobertura do futebol e dos bastidores de televisão esportiva brasileira. Já cobriu in loco eventos de MMA, futebol, basquete e jiu-jítsu.