Lutas e MMA

Dia de Matchmaker – UFC 263: Adesanya x Vettori 2

O UFC 263 aconteceu no último sábado (12) e teve duas disputas de cinturão muito esperadas pelo público. O campeão dos médios, Israel Adesanya, consolidou o seu domínio sobre a divisão na luta principal. Enquanto, Brandon Moreno se tornou o primeiro campeão mexicano na história do UFC na co-luta principal. Além disso, Leon Edwards e Nate Diaz se enfrentaram na primeira luta de cinco rounds que não era por um título ou main event. A seguir, nós iremos incorporar nossos espíritos de Sean Shelby e apresentar os próximos passos para 16 atletas do card no Dia de Matchmaker.

Israel Adesanya x Marvin Vettori

Na luta principal, Israel Adesanya derrotou Marvin Vettori por decisão unânime. Por tudo que o italiano falou na pré-luta, a performance foi bem decepcionante. Vettori até derrubou Adesanya no primeiro e terceiro rounds, mas não obteve sucesso e o campeão levantou rapidamente. Na trocação, foi um domínio completo por parte do nigeriano, que controlou a distância e castigou as pernas do desafiante. Israel Adesanya ganhou todos os assaltos para os três juízes laterais.

Adesanya se recupera da derrota para Jan Blachowicz em sua última luta e também defende o título dos médios pela terceira vez. Assim, o próximo passo deve ser uma defesa do cinturão contra Robert Whittaker, que é o principal desafiante da divisão e o próprio Israel já afirmou que é o próximo desafio. A derrota interrompe uma sequência de cinco vitórias de Vettori, além disso adia o sonho de se tornar o primeiro campeão italiano da história do UFC. Então, um confronto contra Paulo Borrachinha seria interessante como o próximo passo.

Deiveson Figueiredo x Brandon Moreno

Na co-luta principal, Brandon Moreno finalizou Deiveson Figueiredo com um mata-leão no terceiro round. Se a primeira luta foi super competitiva, a revanche foi um domínio completo por parte de Brandon Moreno. Deiveson não obteve nenhum sucesso, além de algumas quedas, mas não teve resposta para o mexicano. Moreno estava mais rápido, derrubou o brasileiro com um jab no primeiro round e finalizou o combate com um mata-leão no terceiro assalto.

Brandon Moreno estende a sequência de lutas sem perder para sete e se torna o primeiro campeão mexicano da história do UFC. Assim, o próximo passo deve ser uma defesa de cinturão contra Askar Askarov ou Deiveson Figueiredo, se a organização decidir seguir o caminho de uma trilogia. Essa é a primeira derrota de Deiveson desde de março de 2019. Então, uma trilogia com Brandon Moreno ou um confronto contra o vencedor de Alexandre Pantoja e Brandon Royval são possíveis próximos passos para o brasileiro.

Leon Edwards x Nate Diaz

Entre os meios-médios, Leon Edwards derrotou Nate Diaz por decisão unânime. O confronto alcançou todos os objetivos que o UFC pensou ao casar o combate. Edwards conseguiu uma vitória marcante contra um dos maiores astros da organização e Diaz manteve o status de estrela com a performance. O inglês controlou a luta inteira tanto em pé quanto no chão, mas no último minuto da peleja, Nate quase o nocauteou com um direto de esquerda.

Essa é a décima luta sem derrota consecutiva de Leon Edwards e o triunfo marcante que ele estava atrás. Assim, o próximo passo deve ser uma disputa de cinturão contra o vencedor entre Kamaru Usman e Colby Covington, um combate que ainda deve ser anunciado. Essa é a segunda derrota seguida de Nate Diaz, mas nessa altura da carreira ele não parece se importar. Tudo que envolve Diaz é imprevisível, então dizer o próximo passo é complicado. Então, um confronto contra Jorge Masvidal seria interessante e faria bastante dinheiro.

Demian Maia x Belal Muhammad

Entre os meios-médios, Belal Muhammad derrotou Demian Maia por decisão unânime. Num combate bem monótono, Muhammad seguiu corretamente o livro de come derrotar Demian Maia. Ele defendeu todas as tentativas de queda do brasileiro, controlou a trocação e esperou Demian se exaustar completamente. O paulista até acertou bons golpes, mas o constante gasto de energia com single legs sem sucesso atrapalhou a estratégia.

Essa é a sexta luta consecutiva sem derrota para Belal Muhammad, que finalmente consegue uma vitória contra um oponente dos rankings. Assim, o próximo passo deve ser um confronto contra Li Jingliang ou Neil Magny. Essa é a segunda derrota seguida de Demian Maia. O brasileiro já tinha confirmado que essa seria a sua provável última luta. Então, Demian deve pendurar as luvas e nós o desejamos uma boa aposentadoria.

Paul Craig x Jamahal Hill

Entre os meios-pesados, Paul Craig derrotou Jamahal Hill por nocaute técnico no primeiro round. Um dos maiores exemplos de má atuação por parte de um árbitro central dos últimos anos. Paul Craig desde o início do combate deixou bem claro o objetivo de levar o Hill para o chão. Assim que puxou o americano para a guarda, o escocês imediatamente começou a atacar com finalizações. Logo Craig encaixou uma chave de braço que quebrou o braço de Jamahal Hill, mas o árbitrou incrivelmente não interrompeu. Mesmo com o aviso da lesão, o confronto continuou até ser interrompido depois alguns golpes por parte de Paul Craig.

Essa é a quinta luta sem derrota para Paul Craig, que aos poucos sobe o ranking da divisão. Assim, o próximo passo deve ser um confronto contra Ryan Spann ou Nikita Krylov. Essa foi a primeira derrota da carreira de Jamahal Hill. Então, um combate contra Devin Clark ou Khalil Rountree seria interessante como próximo passo para Hill.

Drew Dober x Brad Riddell

Entre os leves, Brad Riddell derrotou Drew Dober por decisão unânime. Na melhor luta da noite, Riddell e Dober decidiram entrar numa trocação franca por três rounds. Ambos estavam tentando arrancar a cabeça um do outro e ambos se machucaram. Riddell teve a missão mais difícil, pois ele sentiu cedo no combate e teve que subir a montanha no resto do confronto. Com golpes precisos e boas quedas, Brad Riddell conseguiu reverter o começo ruim e venceu a decisão.

Essa é a sétima vitória seguida de Brad Riddell, a quarta no UFC. Assim, o próximo passo deve ser um confronto contra Arman Tsarukyan ou Grant Dawson. Essa é a segunda derrota seguida de Drew Dober, que perdeu um pouco do momento que possuía há um tempo atrás. Então, um combate contra Magomed Mustafaev ou Leonardo Santos seria interessante como próximo passo.

Lauren Murphy x Joanne Calderwood

No peso mosca, Lauren Murphy derrotou Joanne Calderwood por decisão dividida. Uma luta difícil de definir a vencedora. Ambas atletas tiveram uma boa performance e poderiam ter levado a decisão. Murphy venceu claramente o segundo round com um ótima queda e ground & pound, enquanto Calderwood ganhou o terceiro assalto com bons golpes na trocação e aproveitando o cansaço da americana. O primeiro round é o que decide e as duas lutadoras acertaram bons socos e chutes. No final, não é um roubo a Lauren Murphy ter vencido.

Essa é a quinta vitória seguida de Lauren Murphy, que a consolida como a provável próxima desafiante ao título. Assim, o próximo passo deve ser uma disputa de cinturão contra Valentina Shevchenko. Essa é a terceira derrota nas últimas cinco lutas de Joanne Calderwood. Então, um confronto contra Viviane Araújo ou Roxanne Modafferi seria interessante.

Movsar Evloev x Hakeem Dawodu

Entre os penas, Movsar Evloev derrotou Hakeem Dawodu por decisão unânime. Um duelo entre duas das maiores promessas da divisão, Evloev mostrou todo o seu domínio no grappling. Nos dois primeiros rounds foi total controle do russo, que derrubou o canadense quando quis e não o deixou levantar. No último assalto, Dawodu voltou melhor e acertou bons golpes. Hakeem chegou a machucar Movsar Evloev, mas um double leg do russo interrompeu a chance de vitória do canadense.

Essa é a quinta vitória seguida de Movsar Evloev no UFC e ele continua invicto como profissional no MMA. Assim, o próximo passo deve ser um confronto contra Bryce Mitchell ou Sodiq Yusuff. A derrota interrompe uma sequência de cinco triunfos de Hakeem Dawodu. Então, um combate contra Andre Fili ou Daniel Pineda seria interessante como próximo passo.

Próximos Passos

Em suma, esse foi o Dia de Matchmaker para 16 atletas do card do UFC 263. Enfim, o UFC retorna no próximo sábado (19) com o UFC Vegas 29: Zumbi Coreano x Ige.

Foto destaque: Reprodução/ MMA Fighting

Comments

Popular

To Top