COLUNAS

Anderson Silva – Notícias, estatísticas e salário

Anderson Silva - Notícias, estatísticas e salário

Primeiramente, Anderson Silva é um lutador brasileiro de muay thai, boxe e MMA, considerado um dos maiores lutadores de MMA de todos os tempos. A saber, é ex-campeão dos médios do UFC e detém o recorde de mais tempo como campeão do UFC, com 2.457 dias. Decerto, isso começou em 2006 e terminou em 2013. Assim, está no seleto grupo de brasileiros campeões do UFC.

Dentre inúmeros recordes, detém o de mais vitórias consecutivas no UFC, com 16 triunfos. Segundo o presidente do UFC, Dana White, bem como o comentarista do UFC, Joe Rogan, e vários especialistas em artes marciais mistas (MMA), Spider, como é conhecido, é um dos maiores artistas marciais mistos de todos os tempos. Anderson deixou o UFC em novembro de 2020 e migrou para as lutas de exibição no boxe.

Dessa forma, encerrou sua carreira no MMA com um cartel de 34-11-1. De antemão, Anderson Silva foi responsável pela mudança de patamar do MMA brasileiro. Por certo, devido a sua épica luta com seu compatriota Vitor Belfort, na qual o rival o chamou de mascarado e, durante a pesagem e encarada, Silva colocou uma máscara.

Portanto, isso fez o ânimos se inflamarem e a promoção da luta ganhou o Brasil, que parou para vê-los lutar. De fato, ninguém se decepcionou, uma vez que Anderson nocauteou Belfort com um lindo chute no queixo ainda no 1º round. Além disso, lutas épicas contra o americano Chael Sonnen foram outros marcos no esporte, sendo uma das maiores rivalidades do UFC.

Estatísticas de Anderson Silva no MMA e no Boxe

Cartel no MMA

Total de lutas no MMA: 46

  • Vitórias: 34
    • Nocautes: 23
    • Finalizações: 3
    • Por decisão: 8
  • Derrotas: 11
    • Nocautes: 4
    • Finalizações: 2
    • Por decisão: 4
    • Por desqualificação: 1
    • Sem resultado: 1

Cartel no boxe

Total de lutas no boxe: 4

  • Vitórias: 3
    • Por nocaute: 2
  • Derrotas: 1
    • Por nocaute: 1

Títulos e outras conquistas

Cage Rage Championships

  • Campeonato dos médios do Cage Rage (uma vez, final)
  • Três defesas de título de sucesso

Shooto

  • Campeonato dos médios do Shooto (uma vez)

Ultimate Fighting Championship (UFC)

  • Campeonato dos médios do UFC (uma vez)
  • 10 defesas de título de sucesso
  • Unificou os campeonatos mundiais peso-médio do Pride no UFC
  • Luta da Noite (cinco vezes): Dan Henderson, Forrest Griffin, Chael Sonnen, Michael Bisping e Israel Adesanya
  • Nocaute da noite (sete vezes): Chris Leben, Rich Franklin (2), Nate Marquardt, Forrest Griffin, Vitor Belfort e Chael Sonnen
  • Mais prêmios de “Nocaute da Noite” da história do UFC (7)
  • Finalização da noite (duas vezes): Dan Henderson e Chael Sonnen
  • O maior reinado de título na história do UFC (2.457 dias)
  • Maior sequência de vitórias na história do UFC (16)
  • Mais lutas pelo título dos médios do UFC (13)
  • Mais vitórias em lutas pelo título dos médios do UFC (11)
  • Defesas de título de maior sucesso na divisão dos médios do UFC (10)
  • Maior número de defesas de títulos consecutivos na divisão dos médios do UFC (10)
  • Segunda defesa de título mais consecutiva na história do UFC (10)
  • Mais finalizações na história da divisão dos médios do UFC (11)
  • Mais finalizações em lutas pelo título do UFC (9)
  • Maior número de knockdowns na história do UFC (18)
  • Mais knockdowns em lutas pelo título do UFC (10)
  • Mais nocautes nas lutas pelo título do UFC (7)

ESPN.com

  • Nocaute do ano de 2011 vs. Vitor Belfort em 5 de fevereiro

Inside MMA

  • Prêmio Bazzie de KO de 2011 contra Vitor Belfort em 5 de fevereiro

MMA Live

  • Luta do ano de 2010 contra Chael Sonnen em 7 de agosto

Sherdog

  • Beatdown of the Year de 2009 vs. Forrest Griffin em 8 de agosto
  • Primeira equipe de violência total de 2011
  • Hall da Fama de Artes Marciais Mistas

Prêmio Spike Guys ‘Choice

  • Homem Mais Perigoso de 2008

Sports Illustrated

  • Lutador do Ano de 2008

World MMA Awards

  • Lutador do ano de 2008
  • Luta do ano de 2010 contra Chael Sonnen em 7 de agosto
  • Nocaute do ano de 2011 vs. Vitor Belfort em 5 de fevereiro

Boletim Informativo do Observador de Wrestling

  • Most Outstanding Fighter (2012)
  • MMA Most Valuable Fighter (2012)

Salário de Anderson Silva no MMA e Boxe

Antes de tudo, de acordo com o site The Sports Daily, Anderson Silva acumulou, apenas com as bolsas de lutas e variados bônus de desempenho um total de US 8.73 milhões (R$ 49.1 milhões). Entretanto, sua maior bolsa no UFC foi de US$ 820 mil (R$ 4.62 milhões), no UFC 208, contra o americano Derek Brunson.

Por certo, Silva deve ter um patrimônio líquido bem maior que este, afinal, já foi patrocinado por diversas marcas, como Corinthians (time de futebol), NikeBurger King. Além disso, durante um período de sua carreira, foi agenciado pela empresa de marketing esportivo 9INE, do ex-jogador de futebol Ronaldo Nazário, o Fenômeno, o que, de fato, deve ter lhe rendido boas quantias monetárias.

Atualmente, no boxe, Anderson já ganhou mais dinheiro em suas três mais recentes lutas do que em metade de sua carreira no UFC. Decerto, contra Julio César Chavez Jr, Spider arrecadou US$ 500 mil (R$ 2.81 milhões) de bolsa mais US$ 100 mil (R$ 563 mil) pelo adversário não ter batido o peso. Além disso, ainda recebeu uma fatia dos lucros de pay-per-view, que não foi divulgada.

Assim, considerando apenas os 600 mil dólares divulgados, o brasileiro recebeu essa quantia pela primeira vez, desde que estreou no UFC em junho de 2006, apenas em julho de 2013, justamente na luta contra americano Chris Weidman, quando perdeu o cinturão. Por fim, ainda tem todas as cotas de pay-per-view, tanto no boxe quanto no MMA.

Últimas notícias de Anderson Silva

Filmografia

Primeiramente, vale ressaltar que Anderson Silva, estando ou não lutando, sempre foi muito ativo no mundo do show business. Assim, participou do filme Nunca se render, no papel do Aranha. No mesmo ano fez o papel do Rei Anaconda, em Corrente do inferno. Estrelou, em 2011, do documentário Anderson Silva: Como Água, premiado como Melhor Direção no Tribeca Film Festival.

Ainda mais, o Spider tem dois créditos na carreira de ator nos filmes “Jogo Mortal” e “Hell’s Chain”. Além disso, também fez participação no filme Até que a Sorte nos Separe 2, bem como dublou a animação Minhocas. Em 2014, fez o filme Tapped Out, sendo ele mesmo. No mesmo ano deu vida a Mateus, em Monday Nights at Seven.

Em 2015, estreia e assina como co-produtor do “Spider Life Show”, um reality show online que mostra os bastidores de sua vida com a família, treinos, negócios e lazer. Por outro lado, em 2017, foi himself host no reality show Ultimate Beastmaster. Por fim, em 2019, foi um assassino em The Invincible Dragon.

Ademais, o atleta pode estrelar uma série da Paramount+, com uma autobiografia. Por fim, concentrado na carreira de boxe, o lutador já falou da ideia de enfrentar a lenda da modalidade, o americano Floyd Mayweather, invicto na carreira.

Foto destaque: Divulgação/Quinto Quarto

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top