Entrevistas

Exclusivo: Popó comenta sobre preparação e bastidores do duelo contra Pelé Landy

Exclusivo: Popó comenta sobre preparação e bastidores de duelo contra Pelé Landy

Acelino “Popó” Freitas é uma das lendas do boxe brasileiro, tetracampeão mundial o lutador foi um verdadeira referência para as novas gerações dos esportes de combates do Brasil a fora. Contudo, Popó retornou as suas atividades como lutador em janeiro, contra Whindersson Nunes. Assim sendo, o lutador tem um novo desafio, dia 25 de setembro, no Fight Music Show, contra Pelé Landy. Porém, mesmo com a correria da preparação para combate, a lenda do esporte tirou um tempo para falar com a equipe do Quinto Quarto.

A princípio, Popó comentou sobre a questão da envergadura de Pelé Landy. O lutador tem vantagem na longa distância. Contudo, o boxeador demostrou tranquilidade com a diferença de estatura entre os dois.

Sobre a envergadura, eu já lutei com lutadores maiores. Quando eu pesava 59kg, eu lutei com 61 kg contra Diego Corrales, tinha 1,80, a envergadura bem maior e a luta foi muito boa. Já lutei com adversário maior e nunca foi problema em termo de envergadura“, frisou o boxeador que seguiu dizendo quais são suas armas para vencer Landy.

E completou:

Na verdade o boxe! Como sou especialista no boxe e 32 anos de luta a gente tem vários golpes, vários meios de nocaute. Já tive nocaute com gancho no fígado, com cruzado de esquerda, cruzado de direita, direto com uppercut. As mãos é que não vai faltar para bater, porque a gente vai sério! Porque mês que vem eu tenho uma luta muito boa, muito bacana para mim e não posso me machucar“, afirmou Popó.

Em determinado momento Popó comentou sobre a questão da trocação na luta. Vale lembrar que ambos os lutadores são strikers: “Eu gostaria, que Pelé viesse para cima, eu na curta distância! Poucas vezes eu briguei na curta distância, acho que seria uma trocação boa. Meu medo é cabeçada, cotovelada, mas fora isso ai eu estou tranquilo. Se vier para trocação a gente vai também“, comentou Acelino Freitas, antes de citar como se sente lutando com alguém com maior estrutura física.

Você fala da envergadura dele, da estrutura física acho que isso não importa não. A gente está bem acho que a inteligência no ringue é o que prevalece. Eu já vi sansão matar Golias! Então, estatura para mim é tranquilo“, enfatizou.

Na sequência, o boxeador comentou de como está sendo a preparação para o combate do dia 25 de setembro:

Camp está muito bom, nós estamos encerrando nosso camp aqui em Salvador sexta-feira. Sexta-feira a noite vamos para Curitiba no local do evento, fazer as divulgações e o treinamento lá e a gente vai para luta“, frisou antes de comentar se tem alguma surpresa para luta: “Muita movimentação, sequência de mão e vamos fazer bonito! Mas bonito do que fez com Whindersson Nunes“, finalizou.

Foto destaque: Divulgação

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top