COLUNAS

A geração 2000 do MMA russo: Ataev, Valerievich, Oleinik e Fedor

A geração 2000 do MMA russo: Ataev, Valerievich, Oleinik e Fedor

O maior evento de MMA do mundo, o UFC, contou recentemente com dois campeões russos: Khabib Nurmagomedov Petr Yan. Mas, antes deles, teve alguém que colocou a Rússia no mapa do maior evento de lutas da atualidade: Oleg TaktarovMas o novo século trouxe a geração 2000 com bons nomes para o MMA russo, como: Fedor Emelianenko, Bozigit Ataev, Sergey Valerievich e Aleksei Oleinik. A coluna Desbravando Lendas explica. 

Por: Eric Filardi, de São Paulo.

A geração 2000 do MMA russo

Bozigit Ataev

Ataev, conhecido por um feroz chute de calcanhar e com seu estilo Sambo, estreou no RINGS, na Lituânia. Passou por outros eventos, mas sempre voltando ao Rings, chegando a um cartel de 13-0. Sua primeira derrota foi para o holandês Alistair Overeem, no Pride. Mas, aos 40 anos, segue lutando, tendo 20-5 no cartel e vindo de duas derrotas seguidas no PFL.

Sergei Kharitonov

Tendo uma rica experiência de boxe, Kharitonov dá preferência à técnica de boxe. Começou no Kickboxing, no K-1, fechando sua trajetória entre 2009 e 2014 com 6-4. No MMA, chegou a 6-0, conquistando o título do torneio Brilliant 2. Bem como venceu o torneio TORM 8.

Então veio sua primeira derrota, para Martin Malkhasyan. Voltou a ter três vitória seguidas, inclusive batendo o brasileiro Murilo Ninja Rua, antes de perder para o brasileiro Minotauro na semifinal do PRIDE. Venceu quatro vezes, passando pelos brasileiro Pedro Rizzo e Fabrício Werdum, antes de perder para Overeem e Alexsander Emelianenko.

Sergey  disputou a semifinal do Strikeforce em 2011, perdendo para Josh Barnett. Entre altos e baixos, passou pelo Bellator e chegou ao, vencendo o brasileiro Fernando Rodrigues Jr. e ganhando o título dos pesados do evento em 23 de fevereiro de 2020. Na sequência venceu o Parus FC, antes de voltar ao Bellator em 20 de agosto de 2021, onde perdeu para o francês Cheike Kongo por finalização.

Aleksei Oleinik

Por fim, Oleinik, especialista em sode guruma jime (Ezekiel Choke), já foi campeão do Minamoto Cup, M-1, IAFC, KSW, MMA Cup, ProFC, WCMMA e atualmente está no UFC. São 15 lutas no maior evento do mundo, com 8-7, além de cinco prêmio de Desempenho da Noite.

Assim, com um impressionante cartel de 59-16-1, enfrentou importantes nomes do MMA como: Chael Sonnen e Overeem (derrotas), e Mirko Cro Cop, Travis Browne, Mark Hunt e Fabrício Werdum (vitórias). Inclusive, vinha de duas vitória consecutivas, a última justamente sobre Werdum, antes de embalar três derrotas, contra Derrick Lewis, Chris Daukaus e Sergey Spivak.

Foto destaque: Reprodução/Jason Silva/USA TODAY Sports

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top