NFL

NFL Draft 2017: confira todas as escolhas

NFL Draft 2017

(Crédito: Instagram/reprodução)

O draft de 2017 da National Football League está começando, com a primeira rodada sendo realizada na noite desta quinta-feira (27), na Filadélfia, e o Quinto Quarto traz a você uma cobertura completa como sempre.

Acompanhe conosco em tempo real os futuros astros da NFL que estão sendo escolhidos nas 32 primeiras posições e saiba mais quem são os novos jogadores profissionais de futebol americano.

Draft NFL 2017: Confira todos os escolhidos da primeira rodada

1 – Cleveland Browns – Myles Garrett – DE – Texas A&M

2 – Chicago Bears (do San Francisco 49ers) – Mitchell Trubisky – QB – North Carolina

3 – San Francisco 49ers (do Chicago Bears) – Solomon Thomas – DE – Stanford

4 – Jacksonville Jaguars – Leonard Fournette – RB – LSU

5 – Tennessee Titans (dos Rams) – Corey Davis – WR – Western Michigan

6 – New York Jets – Jamal Adams – S – LSU

Extremamente agressivo, versátil e com enorme potencial para gerar turnovers, Adams possui habilidade para marcar individualmente, jogar na cobertura ou atuar perto da linha de scrimmage. Para um safety, ele tem uma altura (1,83) quase que padrão, mas seus quase 100 quilos fazem dele um verdadeiro paredão na secundária. Sua explosão física impressiona e ele adora um contato. Um jogador quase pronto para a NFL. Quase porque nada é garantido no draft. Mas olho nele.

7 – Los Angeles Chargers – Mike Williams – WR – Clemson

Com 1,93 e quase 100 quilos, Williams era visto como um recebedor com velocidade mediana. Mas no combine, ele correu as 40 jardas abaixo dos 4,6 segundos e impressionou geral. O próprio Williams garante ser o melhor recebedor do draft e ele pode estar certo. Afinal, ele enfrentou dois dos melhores CBs (Marlon Humphrey e Marshon Lattimore) e não deu chance para seus marcadores. Potencial enorme para chegar e ser titular na NFL. Contra Williams pesam uma certa falta de comprometimento com bloqueios e de persistência na rota.

8 – Carolina Panthers – Christian McCaffrey – RB – Stanford

Os mais maldosos podem chamar McCaffrey de Danny Woodhead melhorado, mas o running back de Stanford tem tudo para ser melhor que o eficiente ex-Patriots e Chargers, justificando sua seleção na primeira rodada. Ele além de carregar a bola, funciona muito bem como recebedor, correndo rotas de um wide receiver. E ele ainda pode retornar chutes e punts. Um canivete suíço em forma de jogador da NFL.

9 – Cincinnati Bengals – John Ross – WR – Washington

O wide receiver John Ross, de Washington, era um dos melhores wide receivers cotados entre os prospectos do draft de 2017 e chega para causar impacto imediato nos Bengals. Ele é um excelente atleta e conta com grande velocidade para superar a marcação dos cornerbacks e possui boa movimentação geral. Entre os pontos fracos estão a estatura que não é das melhores para a posição e um físico que não ajuda tanto na marcação sobre pressão. Mas com certeza é um bom nome.

10 – Kansas City Chiefs (do Buffalo Bills) – Patrick Mahomes II – QB – Texas Tech

Patrick Mahomes II é uma peça para o futuro do Kansas City Chiefs, que já conta com Alex Smith para a posição de quarterback. Com altura considerada ideal, força no braço acima da média e boa velocidade, ele consegue fazer arremessos de diversas posições e tipos. Além disso, ele tem boa habilidade para ganhar tempo e já mostrou liderança como capitão de sua equipe. Por outro lado, muitos consideram que ele precisa melhorar ou começar do zero o seu trabalho de pés, mecânica e movimentação de corpo. Além disso, ele gasta muito tempo no pocket, não percebendo a pressão ao redor, e às vezes ele faz passes que nunca deveriam ter saído de sua mão. Outras críticas são que ele faz uma leitura indecisa e nem sempre confia em seus olhos.

11 – New Orleans Saints – Marshon Lattimore – CB – Ohio State

A noção de espaço e a velocidade com que Lattimore consegue cortar passes o colocaram entre os melhores do Draft. Não à toa, o cornerback ganhou o apelido de “Lattimore Island”, em referência ao grande CB Darrelle Revis, que também consegue jogar quase que sem cobertura, tamanha a habilidade em marcar individualmente e cortar passes próximos da lateral. Ele ainda possui um tackle firme e não se desespera com passes longos. Mas Lattimore pode sofrer bastante com passes curtos, já que não busca o contato nas primeiras jardas.

12 – Houston Texans (dos Browns via Eagles) – Deshaun Watson – QB – Clemson

Por duas vezes, Deshaun Watson concorreu ao prêmio Heisman e não levou. Mas isso não o abateu, pelo contrário, Watson provou seu valor e conquistou o título nacional para Clemson, que estava a mais de 30 anos sem levantar o caneco. Líder nato, ele sabe como chamar seus companheiros, mantendo a confiança lá em cima; é um vencedor. Pelo seu tamanho (1,91 m e mais de 100 quilos) até que se movimenta muito bem e dificilmente é sackado. Ele não se apavora com o colapso do pocket e tem controle corporal para lançar em movimento. Nada é perfeito e Watson tem brechas em seu jogo. Não há meio termo, ou a jogada é fantástica ou é digna de lamentação. Inconsistência; alguns passes ficam curtos, outros passam longe. É fato que ele é um tremendo QB, resta saber se é para ser um franchise QB.

13 – Arizona Cardinals –Haason Reddick – OLB – Temple

Precisando de pressão no quarterback, Reddick é uma peça que promete confundir ataques e trazer fisicalidade para sua defesa. Ele pode tanto recuar e cobrir rotas como alinhar na linha defensiva para perseguir o quarterback, fazendo dele um jogador sempre desejado em Drafts. O Arizona Cardinals não resistiu.

14 – Philadelphia Eagles (dos Vikings) – Derek Barnett – DE – Tennesee

O defensive end Derek Barnett, de Tennessee, tem uma grande flexibilidade e somou 33 sacks em sua carreira no futebol americano universitário, um recorde da universidade. Em 36 jogos como titular, ele também somou 52 tackles para perda de jardas.

Barnett é considerado um nome para o pass rush e é esforçado, mas muitos veem uma falta de explosão e capacidade atlética. Precisa melhorar essa parte, além do repertório de jogadas, e tem um estilo agressivo que o leva a perder tackles em campo aberto.

15 – Indianapolis Colts – Malik Hooker – S – Ohio State

Sem dúvida alguma, o principal interceptador de bolas longas deste draft é Hooker. O safety consegue cobrir uma boa área e prefere focar na bola ao invés de dar o tackle e quebrar a recepção. Possui uma boa leitura das jogadas e consegue se mover pela defesa nos instantes antes do snap. Ótimo contra o passe, quase ineficaz contra os jogo corrido.

16 – Baltimore Ravens – Marlon Humphrey – CB – Alabama

De todas as qualidades, a que mais chama atenção em Humphrey é sua capacidade de se movimentar acompanhando o corpo do recebedor. Isso permite que o corner sempre esteja um passo à frente do adversário, já que ele é um do mais velozes do draft – 4,40 nas 40 jardas do combine. Ele procura o contato para se orientar em campo, mas nunca deixa de procurar a bola com os olhos. Pelo estilo, Humphrey é muito agressivo nas primeiras jardas. Com a acusação sobre Gareon Conley, Marlon Humphrey é o segundo melhor na posição. Seu maior defeito é quando joga em zona, e também contra passes longos, já que não costuma respeitar rotas.

17 – Washington Redskins – Jonathan Allen –  DE – Alabama

Extremamente rápido ao reagir após o snap. Muito talentoso e preocupado com as técnicas de explosão do quadril e da posição das mãos. Possui ótima estabilidade e consegue jogar no meio e por fora da linha. Allen tem um talento nato para seguir a bola e cobrir pedaços do campo. Começou como linebacker por isso sabe orientar os companheiros e cobrir passes curtos laterais. Os técnicos o adoravam pelo seu esforço em praticar a técnica perfeita em cada movimento. Muitos desconfiam de seu real potencial, já que sempre teve ótimos jogadores ao seu redor em Alabama. Vai ter espaço para se provar em (inserir cidade).

18 – Tennessee Titans – Adoree' Jackson – CB – USC

O cornerback Adoree’ Jackson, de Southern California, é um jogador bastante atlético a possui grande versatilidade, podendo causar impacto imediato no Tennessee Titans, tanto na secundária quanto como retornador de chutes. É bastante conhecido por sua explosão e qualidade nos tackles.

Muitos ainda dizem que Jackson precisa melhor consideravelmente na cobertura de grandes wide receiver, já que muitas vezes ele é superado nas rotas. Ele tem agilidade e velocidade, mas precisa superar uma ligeira falta de porte físico para a posição.

19 – Tampa Bay Buccaneers – O.J. Howard – TE – Alabama

Do jeito que a NFL gosta. Um tight end forte, rápido e com mãos firmes. Com 1,98 e 113 kg (Rob Gronkowski tem a mesma altura que Howard e alguns quilos a mais, mas uma dieta reforçada e treino pesado vão mudar isso rapidamente), O.J. – tem nome de craque – pode se alinhar em diferentes posições, tanto pelo meio, como nas pontas como um wide receiver. Sua velocidade nos metros iniciais permite que ele deixe os linebackers comendo poeira e seu tamanho lhe garante vantagem contra as secundárias. Ainda não bloqueia como se deve, nem sabe criar espaços nas primeiras jardas, mas é um abridor de caminhos no jogo corrido.

20 – Denver Broncos – Garett Bolles – OT – Utah

O offensive tackle Garett Bolles, de Utah, era projetado para ser selecionado na primeira rodada e foi isso realmente que aconteceu. Ele, que foi o primeiro atleta de linha ofensiva a ser escolhido no draft deste ano, chega para reforçar imediatamente um dos setores mais carentes do Denver Broncos.

Bolles é considerado um tackle com boa movimentação, apesar de seu grande porte físico e tem grande velocidade inicial, agilidade em movimentos laterais e equilíbrio, devendo servir de forma imediata para conter os pass rushers adversários com eficiência e também como bloqueador para o jogo terrestre. Às vezes comete erros de fundamentos, sobretudo na proteção de jogadas de passe, e isso precisa ser corrigido em nível profissional.

21 – Detroit Lions – Jarrad Davis – LB – Florida

O linebacker Jarrad Davis, de Florida, chega ao Detroit Lions para causar impacto imediato. Dono de uma grande capacidade de leitura do jogo, ele é bastante intenso, rapidamente indo atrás da bola e conseguindo marcar muito bem, constantemente fazendo tackles para perda de jardas. Tem muita explosão física e gás para perseguir quem está com a posse de bola. Entre os pontos fracos citados estão um porte físico menor do que o ideal para um linebacker e resistência questionável em termos de lesões.

22 – Miami Dolphins – Charles Harris – DE – Missouri

O defensive end/outside linebacker Charles Davis, de Missouri, é um bom reforço do Miami Dolphins, que está precisando de talentos para melhorar a qualidade do pass rush. Davis tem velocidade, boa movimentação e agilidade lateral. Não tem o tamanho físico ideal e às vezes apresenta dificuldades para ler os bloqueios, o que dá vantagem para a linha ofensiva adversária.

23 – New York Giants – Evan Engram – TE – Mississippi

O tight end Evan Engram, de Ole Miss, foi uma escolha um tanto quanto surpreendente (no mau sentido) por parte do New York Giants. Ele era projetado para sair apenas na segunda rodada e não é o tipo de tight end típico da NFL.

Engram, contudo, é considerado uma arma ofensiva versátil e parece mais um wide receiver atlético do que um tight end propriamente dito e tem bom equilíbrio.

24 – Oakland Raiders – Gareon Conley – CB – Ohio State

O cornerback Gareon Conley, de Ohio State, acabou conseguindo sair na primeira rodada mesmo depois da acusação de estupro, o que ele nega veementemente. Caso não tome algum tipo de suspensão, é um excepcional reforço para a secundária do Oakland Raiders.

Conley é dono de um bom porte físico para a posição e é um defensor bastante instintivo, com grande capacidade de marcar em cima da bola e, assim, fazer interceptações e defender passes lançados em sua direção. Tem certa dificuldade para marcar quando está de costas para a jogada e não tem a melhor qualidade possível nos tackles.

25 – Cleveland Browns (do Houston Texans) – Jabrill Peppers – S – Michigan

Apesar de ter testado para amostra diluída de urina, Jabrill Peppers é um jogador instintivo, com muita consciência sobre o que está fazendo, tem boa aceleração e explosão e muda bem de direção. Sua agilidade e aceleração permitem que ele consiga se infiltrar bem no pocket e sua habilidade permite que ele jogue também como cornerback, caso necessário. Apesar de ter apenas uma interceptação na carreira, Peppers acompanha bem a bola mostrando excelente visão e boa habilidade com as mãos.

Por outro lado, ele não tem muita experiência jogando em coberturas profundas e algumas pessoas acreditam que ele não tem volume suficiente para jogar perto da linha de scrimmage. Além disso, sua agressividade permite que recebedores espertos consigam achar espaços para fazer cortes e ele não vai tão bem quando enfrenta o bloqueio, sendo melhor quando lê a linha defensiva e encontra seus buracos.

26 – Atlanta Falcons (do Seattle Seahawks) – Takkarist McKinley – LB – UCLA

Um atleta com explosão e velocidade para o pass rush e com braços longos, o que ajuda a evitar o bloqueio, McKinley muda de direção com muita fluidez e consegue chegar no quarterback. Além disso, ele tem boa visão para perseguir o signal caller, tem mãos que são muito boas desviando os bloqueios e mostra habilidade de olhar a bola mesmo ainda estando no bloqueio, o que permite que ele consiga desviar a bola.

Por outro lado, falta volume para ele conseguir se sustentar como defensive end em tempo integral e ele ainda precisa ganhar mais corpo. McKinley também apresenta certa limitação na movimentação das pernas e cai de produção quando fica cansado.

27 – Buffalo Bills (dos Kansas City Chiefs) – Tre'Davious White – CB – LSU

O cornerback Tre’Davious White, de LSU, chega para reforçar a secundária do Buffalo Bills, sobretudo depois da saída de Stephon Gilmore, que acertou com o New England Patriots durante a free agency. White foi titular em 24 jogos em dois anos no Baton Rouge, incluindo 13 em 2014, e ficou entre os líderes do time com duas interceptações. Tre’Davious White não é dos mais rápidos, mas tem agilidade nos pés e bom instinto para perseguir a bola, sendo considerado um prospecto com provável grande futuro no futebol americano profissional.

28 – Dallas Cowboys – Vidaunte ‘Taco' Charlton – DE – Michigan

O defensive end Taco Charlton, de Michigan, é um dos melhores prospectos entre pass rushers do draft deste ano e chega para reforçar o setor no Dallas Cowboys. Tem porte físico avantajado e boa agilidade, mas chega cercado sob algumas dúvidas por ter apenas uma temporada como titular em tempo integral no college.

29 – Cleveland Browns (do Green Bay Packers) – David Njoku – TE – Miami

Com boa explosão de partida e aceleração instantânea para a sua velocidade máxima em suas rotas. Njoko é muito dinâmico após a recepção. Além disso, ele é um bloqueador médico, que consegue proteger o pocket. Como pontos negativos, ele ainda está desenvolvendo o seu corpo e falta polidez em como ele corre suas rotas. No geral, ainda precisa melhorar o seu jogo.

30 – Pittsburgh Steelers – T.J. Watt – LB – Wisconsin

O outside linebacker T.J. Watt, de Wisconsin, é conhecido por muitos como irmão de J.J. Watt, astro do Houston Texans, e ele chega para melhorar o pass rush do Pittsburgh Steelers de maneira imediata. Watt tem um tamanho avantajado e boas mãos para fugir dos bloqueios, também tendo uma grande movimentação dos pés que o torna difícil de ser bloqueado.

Não é considerado o pass rusher naturalmente explosivo e tem algumas falhas na transição de movimentos, precisando ser ‘polido’ para atuar em nível profissional. Também possui um histórico de lesões e cirurgias no joelho que pode preocupar.

31 – San Francisco 49ers (do Seattle Seahawks via Atlanta Falcons) – Reuben Foster – LB – Alabama

Não queira bater de frente contra Reuben. Ele, definitivamente, possui a trombada mais forte deste draft. Mas não pense que ele sai dando tackle pra todo lado de forma desembestada. Sua paciência e precisão são suas melhores armas. Reuben sabe a hora de explodir. Correr pelo meio contra ele é quase uma perda de tempo, mas ele tem boa movimentação para cobrir passes laterais e até para perseguir QBs. Muito se fala de sua falta de comprometimento e acomodação.

32 – New Orleans Saints (dos Patriots) – Ryan Ramczyk – OT – Wisconsin

Com tremenda agilidade para fazer bloqueios no segundo nível, Ramczyk é um jogador com bastante força e que consegue empurrar a marcação. Além disso, ele demonstra impressionante coordenação e consegue aliviar a pressão adversária. Por outro lado, ele está se recuperando de lesão no quadril, é relativamente inexperiente contra competidores de alto nível e às vezes deixa muito espaço entre ele e o guard, já que se projeta mais para o lado esquerdo. Ramczyk também é criticado por não ser um jogador com “fogo” dentro de si enquanto joga e a preguiça pode fazer sua técnica piorar.

Segunda rodada

1 (33) – Packers (dos Browns) – Kevin King – CB – Washington

2 (34) – Jacksonville Jaguars (dos Seahawks via 49ers) – Cam Robinson – OT – Alabama

3 (35) – Seattle Seahawks (dos Jaguars) – Malik McDowell – DT – Michigan State

4 (36) – Arizona Cardinals (dos Bears) – Budda Baker – S – Washington

5 (37) – Buffalo Bills (dos Rams) – Zay Jones – WR – East Carolina

6 (38) – Los Angeles Chargers – Forrest Lamp – OG – Western Kentucky

7 (39) – New York Jets – Marcus Maye – S – Florida

8 (40) – Carolina Panthers – Curtis Samuel – WR – Ohio State

9 (41) – Minnesota Vikings (dos Bengals) – Dalvin Cook – RB – Florida State

10 (42) – New Orleans Saints – Marcus Williams – S – Utah

11 (43) – Philadelphia Eagles – Sidney Jones – CB – Washington

12 (44) – Los Angeles Rams (dos Bills) – Gerald Everett – TE – South Alabama

13 (45) – Chicago Bears (dos Cardinals) – Adam Shaheen – TE – Ashland

14 (46) – Indianapolis Colts – Quincy Wilson – CB – Florida

15 (47) – Baltimore Ravens – Tyus Bowser – OLB – Houston

16 (48) – Cincinnati Bengals (dos Vikings) – Joe Mixon – RB – Oklahoma

17 (49) – Washington Redskins – Ryan Anderson – OLB – Alabama

18 (50) – Tampa Bay Buccaneers – Justin Evans – S – Texas A&M

19 (51) – Denver Broncos – DeMarcus Walker – DE – Florida State

20 (52) – Cleveland Browns (dos Titans) – DeShone Kizer – QB – Notre Dame

21 (53) – Detroit Lions – Teez Tabor – CB – Florida

22 (54) – Miami Dolphins – Raekwon McMillan – LB – Ohio State

23 (55) – New York Giants – Dalvin Tomlinson – DT – Alabama

24 (56) – Oakland Raiders – Obi Melifonwu – S – Connecticut

25 (57) – Houston Texans – Zach Cunningham – LB – Vanderbilt

26 (58) – Seattle Seahawks – Ethan Pocic – C – LSU

27 (59) – Kansas City Chiefs – Tanoh Kpassagnon – DE – Villanova

28 (60) – Dallas Cowboys – Chidobe Awuzie – CB – Colorado

29 (61) – Green Bay Packers – Josh Jones – S – N.C. State

30 (62) – Pittsburgh Steelers – JuJu Smith-Schuster – WR – USC

31 (63) – Buffalo Bills (dos Falcons) – Dion Dawkins – OG – Temple

32 (64) – Carolina Panthers (dos Patriots) – Taylor Moton – OG – Western Michigan

Terceira rodada

1 (65) – Cleveland Browns – Larry Ogunjobi – DT – North Carolina Charlotte

2 (66) – San Francisco 49ers – Ahkello Witherspoon – CB – Colorado

3 (67) – New Orleans Saints (dos 49ers via Bears) – Alvin Kamara – RB – Tennessee

4 (68) – Jacksonville Jaguars – Dawuane Smoot – DE – Illinois

5 (69) – Los Angeles Rams – Cooper Kubb – WR – Eastern Washington

6 (70) – Minnesota Vikings (dos Jets) – Pat Elflein – C – Ohio State

7 (71) – Los Angeles Chargers – Dan Feeney – OG – Indiana

8 (72) – Tennessee Titans (dos Patriots via Panthers) – Taywan Taylor – WR – Western Kentucky

9 (73) – Cincinnati Bengals – Jordan Willis – OLB – Kansas State

10 (74) – Baltimore Ravens (dos Eagles) – Chris Wormley – DE – Michigan

11 (75) – Atlanta Falcons (dos Bills) – Duke Riley – LB – LSU

12 (76) – New Orleans Saints – Alex Anzalone – LB – Florida

13 (77) – Carolina Panthers (dos Cardinals) – Daeshon Hall – DE – Texas A&M

14 (78) – Baltimore Ravens – Tim Williams – OLB – Alabama

15 (79) – New York Jets (dos Vikings) – ArDarius Stewart – WR – Alabama

16 (80) – Indianapolis Colts – Tarell Basham – DE – Ohio

17 (81) – Washington Redskins – Fabian Moreau – CB – UCLA

18 (82) – Denver Broncos – Carlos Henderson – WR – Louisiana Tech

19 (83) – New England Patriots (dos Titans) – Derek Rivers – DE – Youngstown State

20 (84) – Tampa Bay Buccaneers – Chris Godwin – WR – Penn State

21 (85) – New England Patriots (dos Lions) – Antonio Garcia – OT – Troy

22 (86) – Kansas City Chiefs (dos Vikings via Dolphins) – Kareem Hunt – RB – Toledo

23 (87) – New York Giants – Davis Webb – QB – California

24 (88) – Oakland Raiders – Eddie Vanderdoes – DT – UCLA

25 (89) – Houston Texans – D'Onta Foreman – RB – Texas

26 (90) – Seattle Seahawks – Shaquill Griffin – DB – Central Florida

27 (91) – Los Angeles Rams (dos Bills via Chiefs) – John Johnson – S – Boston College

28 (92) – Dallas Cowboys – Jourdan Lewis – CB – Michigan

29 (93) – Green Bay Packers – Montravius Adams – DT – Auburn

30 (94) – Pittsburgh Steelers – Cameron Sutton – CB – Tennessee

31 (95) – Seattle Seahawks (dos Falcons) – Delano Hill – SS – Michigan

32 (96) – Detroit Lions (dos Patriots) – Kenny Golladay – WR – Northern Illinois

33 (97) – Miami Dolphins* – Cordrea Tankersley – CB – Clemson

34 (98) – Arizona Cardinals (dos Panthers)* – Chad Williams – WR – Grambling State

35 (99) – Philadelphia Eagles (dos Ravens)* – Rasul Douglas – CB – West Virginia

36 (100) – Tennessee Titans (dos Rams)* – Jonnu Smith – TE – Florida International

37 (101) – Denver Broncos* – Brendan Langley – CB – Lamar

38 (102) – Seattle Seahawks* – Nazair Jones – DT – North Carolina

39 (103) – New Orleans Saints (dos Patriots via Browns)* – Trey Hendrickson – DE – Florida Atlantic

40 (104) – San Francisco 49ers (dos Vikings via Chiefs)* – C.J. Beathard – QB – Iowa

41 (105) – Pittsburgh Steelers* – James Conner – RB – Pittsburgh

42 (106) – Seattle Seahawks* – Amara Darboh – WR – Michigan

43 (107) – Tampa Bay Buccaneers (dos Jets)* – Kendell Beckwith – LB – LSU

*escolha compensatória

Quarta rodada

1 (108) – Green Bay Packers (dos Browns) – Vince Beigel – OLB- Wisconsin

2 (109) – Minnesota Vikings – Jaleel Johnson – DT – Iowa

3 (110) – Jacksonville Jaguars – Dede Westbrook – WR – Oklahoma

4 (111) – Seattle Seahawks – Tedric Thompson – S – Colorado

5 (112) – Chicago Bears – Eddie Jackson – S – Alabama

6 (113) – Los Angeles Chargers – Rayshawn Jenkins – S – Miami

7 (114) – Washington Redskins – Samaje Perine – RB – Oklahoma

8 (115) – Arizona Cardinals – Dorian Johnson – OG – Pittsburgh

9 (116) – Cincinnati Bengals – Carl Lawson – DE – Auburn

10 (117) – Los Angeles Rams – Josh Reynolds – WR – Texas A&M

11 (118) – Philadelphia Eagles – Mack Hollins – WR – North Carolina

12 (119)  – Chicago Bears – Tarik Cohen – RB – North Carolina A&T

13 (120) – Minnesota Vikings – Ben Gedeon – ILB – Michigan

14 (121) – San Francisco 49ers – Joe Williams – RB – Utah

15 (122) – Baltimore Ravens – Nico Siragusa – OG – San Diego State

16 (123) – Washington Redskins – Montae Nicholson – S – Michigan State

17 (124) – Detroit Lions – Jalen Reeves-Maybin – OLB – Tennessee

18 (125) – Los Angeles Rams – Samson Ebukam – OLB – Eastern Washington

19 (126) – Cleveland Browns – Howard Wilson – CB – Houston

20 (127) – Detroit Lions – Michael Roberts – TE – Toledo

21 (128) – Cincinnati Bengals – Josh Malone – WR – Tennessee

22 (129) – Oakland Raiders – David Sharpe – OG – Florida

23 (130) – Houston Texans – Julien Davenport – OT – Bucknell

24 (131) – New England Patriots – Deatrich Wise Jr. – DE – Arkansas

25 (132) – Philadelphia Eagles – Donnel Pumphrey – RB – San Diego State

26 (133) – Dallas Cowboys – Ryan Switzer – WR – North Carolina

27 (134) – Green Bay Packers – Jamaal Williams – BYU – RB

28 (135) – Pittsburgh Steelers – Joshua Dobbs – Tennessee – QB

29 (136) – Atlanta Falcons – Sean Harlow – Oregon State – Center

30 (137) – Indianapolis Colts – Zach Banner – OT – USC

31 (138) – Cincinnati Bengals – Ryan Clasgow – DT – Michigan

32 (139) – Kansas City Chiefs – Jehu Chesson – WR – Michigan

33 (140)  – New York Giants – Wayne Gallman – RB – Clemson

34 (141) – New York Jets – Chad Hansen – WR – California

35 (142) – Houston Texans – Carlos Watkins – DT – Clemson

36 (143) – Indianapolis Colts – Marlon Mack – RB – South Florida

37 (144) – Indianapolis Colts – Grover Stewart – DT – Albany State

Quinta rodada

1 (145) – Denver Broncos – Jake Butt – TE – Michigan

2 (146) – San Francisco 49ers – George Kittle – TE – Iowa

3 (147) – Chicago Bears – Jordan Morgan – OG – Kutztown

4 (148) – Jacksonville Jaguars – Blair Brown – ILB – Ohio

5 (149) – Atlanta Falcons – Damontae Kazee – CB – San Diego State

6 (150) – New York Jets – Jordan Leggett – TE – Clemson

7 (151) – Los Angeles Chargers – Desmond King – CB – Iowa

8 (152) – Carolina Panthers – Corn Elder – CB – Miami

9 (153) – Cincinatti Bengals – Jake Elliott – Kicker – Memphis

10 (154) – Washington Redskins – Jeremy Sprinkle – TE – Arkansas

11 (155) – Tennessee Titans – Jayon Brown – OLB – UCLA

12 (156) – Atlanta Falcons – Brian Hill – RB – Wyoming

13 (157) – Arizona Cardinals – Will Holden – OT – Vanderbilt

14 (158) – Indianapolis Colts – Nate Hairston – CB – Temple

15 (159) – Baltimore Ravens – Jermaine Eluemunor – OT – Texas A&M

16 (160) – Cleveland Browns – Roderick Johnson – OT – Florida State

17 (161) – Indianapolis Colts – Anthony Walker Jr. – Northwestern – ILB

18 (162) – Tampa Bay Buccaneers –  Jeremy McNichols – RB –  Boise State

19 (163) – Buffalo Bills – Matt Milano – OLB – Boston College

20 (164) – Miami Dolphins – Isaac Asiata – OG – Utah

21 (165) – Detroit Lions – Jamal Agnew – CB – San Diego

22 (166) – Philadelphia Eagles – Shelton Gibson – WR – West Virginia

23 (167) – New York Giants – Avery Moss – DE – Youngstown State

24 (168) – Oakland Raiders – Marquel Lee – CB – Wake Forest

25 (169) – Houston Texans – Treston Decoud – CB – Oregon State

26 (170) – Minnesota Vikings – Rodney Adams – WR – South Florida

27 (171) – Buffalo Bills – Nathan Peterman – QB – Pittsburgh

28 (172) – Denver Broncos – Isaiah McKenzie – WR – Georgia

29 (173) – Pittsburgh Steelers – Brian Allen – CB – Utah

30 (174) – Atlanta Falcons – Eric Saubert – TE – Drake

31 (175) – Green Bay Packers – Deangelo Yancey – WR – Purdue

32 (176) – Cincinnati Bengals – J.J. Dielman – Center – Utah

33 (177) – San Francisco 49ers – Trent Taylor – WR – Louisana Tech

34 (178) – Miami Dolphins – Davon Godchaux – DT – LSU

35 (179) – Arizona Cardinals – T.J. Logan – RB – North Carolina

36 (180) – Minnesota Vikings – Danny Isidora – OG – Miami

37 (181) – New York Jets – Dylan Donahue – DE – West Georgia

38 (182) – Green Bay Packers – Aaron Jones – RB – UTEP

39 (183) – Kansas City Chiefs – Ukeme Eligwe – ILB – Georgia Southern

40 (184) – Philadelphia Eagles – Nathan Gerry – Safety – Nebraska

Sexta rodada

1 (185) – Cleveland Browns – Caleb Brantley – DT – Florida

2 (186) – Baltimore Ravens – Chuck Clark – S – Virginia Tech

3 (187) – Seattle Seahawks – Mike Tyson – S – Cincinatti

4 (188) – New York Jets – Elijah McGuire – RB – Louisana Lafayette

5 (189) – Baltimore Ravens – Tanzel Smart – DT –  Tulane

6 (190) – Los Angeles Chargers – Sam Tevi – OT – Utah

7 (191) – Dallas Cowboys – Xavier Woods – S – Louisiana Tech

8 (192) – Carolina Panthers – Alexander Armah – DE – West Georgia

9 (193) – Cincinnati Bengals – Jordan Evans – ILB – Oklahoma

10 (194) – Miami Dolphins – Vincent Taylor – DT – Oklahoma State

11 (195) – Buffalo Bills – Tanner Vallejo – OLB – Boise State

12 (196) – New Orleans Saints – Al-Quadin Muhammad – DE – Miami

13 (197) – New York Jets – Jeremy Clark – CB – Michigan

14 (198) – San Francisco 49ers – D.J. Jones – DT – Ole Miss

15 (199) – Washington Redskins – Chase Roullier – Center – Wyoming

16 (200) – New York Giants – Adam Bisnowaty – OG – Pittsburgh

17 (201) – Minnesota Vikings – Bucky Hodges – TE – Virginia Tech

18 (202) – San Francisco 49ers – Pita Taumoepenu – DE – Utah

19 (203) – Denver Broncos – De'Angelo Henderson – RB – Coastal Carolina

20 (204) – New York Jets – Derrick Jones – CB – Ole Miss

21 (205) – Detroit Lions – Jeremiah Ledbetter – DE – Arkansas

22 (206) – Los Angeles Rams – Sam Rogers – FB – Virginia Tech

23 (207) – Cincinatti Bengals – Brandon Wilson – CB – Houston

24 (208) –  Arizona Cardinals – Rudy Ford – Safety – Auburn

25 (209) – Washington Redskins – Robert Davis – WR – Georgia State

26 (210) – Seattle Seahawks – Justin Senior – OT – Mississippi State

27 (211) –  New England Patriots – Conor McDermott – OT – UCLA

28 (212) – Green Bay Packers – Kofi Amichia – OT – South Florida

29 (213) – Pittsburgh Steelers – Colin Holba – Long Snapper – Louisville

30 (214) – Philadelphia Eagles – Elijah Qualls – DT – Washington

31 (215) – Detroit Lions – Brad Kaaya – QB – Miami

32 (216) – Dallas Cowboys – Marquez White – CB – Florida State

33 (217) – Tennessee Titans – Corey Levin – OG – Chattanooga

34 (218) – Kansas City Chiefs – Leon McQuay III – Safety – USC

Sétima rodada

1 (219) – Minnesota Vikings – Stacy Coley – WR – Miami

2 (220) – Minnesota Vikings – Ifeadi Odenigbo – DE – Northwestern

3 (221) – Oakland Raiders – Shalom Luani – Safety – Washington State

4 (222) – Jacksonville Jaguars – Jalen Myrick – CB – Minnesota

5 (223) – Tampa Bay Buccaneers – Stevie Tu'lkolovatu – DT – USC

6 (224) – Cleveland Browns – Zane Gonzalez – Kicker – Arizona State

7 (225) – Los Angeles Chargers – Isaac Rochell – DE – Notre Dame

8 (226) – Seattle Seahawks – David Moore – WR – East Central

9 (227) – Tennessee Titans – Josh Carraway – OLB – TCU

10 (228) – Dallas Cowboys – Joey Ivie – DT – Florida

11 (229) – San Francisco 49ers – Adrian Colbert – Safety – Miami

12 (230) – Washington Redskins – Josh Harvey-Clemons – Safety – Louisville

13 (231) – Oakland Raiders – Jylan Ware – OT – Alabama State

14 (232) – Minnesota Vikings – Elijah Lee – OLB – Kansas State

15 (233) – Carolina Panthers – Harrison Butler – Kicker – Georgia Tech

16 (234) – Los Angeles Rams – Ejuan Price – OLB – Pittsburgh Steelers

17 (235) – Washington Redskins – John Holsey – CB – Auburn

18 (236) – Tennessee Titans – Brad Seaton – OT – Villanova

19 (237) – Miami Dolphins – Isaiah Ford – WR – Virginia Tech

20 (238) – Green Bay Packers – Devante Mays – RB – Utah State

21 (239) – Dallas Cowboys – Noah Brown – WR – Ohio State

22 (240) – Jacksonville Jaguars – Marquez Williams – FB – Miami

23 (241) – Tennessee Titans – Khalfrani Muhammad – RB – California

24 (242) – Oakland Raiders – Elijah Hood – RB – North Carolina

25 (243) – Houston Texans – Kyle Fuller – Center – Baylor

26 (244) – Oakland Raiders – Treyvon Hester – DT – Toledo

27 (245) – Minnesota Vikings – Jack Tocho – CB – NC State

28 (246) – Dallas Cowboys – Jordan Carrell – DT – Colorado

29 (247) – Green Bay Packers – Malachi Dupree – WR – LSU

30 (248) – Pittsburgh Steelers – Keion Adams – DE – Western Michigan

31 (249) – Seattle Seahawks – Christopher Carson – RB – Oklahoma State

32 (250) – Detroit Lions – Pat O'Connor – DE – Eastern Michigan

33 (251) – Cincinnati Bengals – Mason Schreck – TE – Buffalo

34 (252) – Cleveland Browns – Matthew Dayes – RB – NC State

35 (253) – Denver Broncos – Chad Kelly – QB – Ole Miss

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top