NFL: morre Jim Brown, lenda da liga, ator e ativista pelos direitos civis

Pedro Rubens Santos | 19/05/2023 - 18:28

Morreu nesta sexta-feira (19), aos 87 anos, o ex-jogador e lenda da NFL Jim Brown. Um dos maiores jogadores da história, ele foi running back do Cleveland Browns entre 1957 e 1965, mas fez história também fora dos campos com sua luta em prol dos direitos sociais e até nas telas do cinema.

Jim Brown nasceu em 1936, em St. Simons, na Geórgia. Ele jogou futebol americano universitário pela faculdade de Syracuse e entrou na NFL como a sexta escolha geral do draft de 1957. Foi campeão da liga em 1964, pelos Browns, e eleito três vezes MVP, nos anos de 1957, 1958 e 1965.

O comissário da NFL, Roger Goodell, se pronunciou sobre o falecimento do astro e lembrou a atuação de Brown pela conquista de direitos sociais nos Estados Unidos.

— Jim Brown era um atleta talentoso, um dos mais dominantes jogadores a pisarem em qualquer campo, mas também uma figura cultural que ajudou a promover mudança. Durante seus nove anos de carreira na NFL, que coincidiram com o movimento pelos direitos civis aqui, ele se tornou um modelo para atletas envolvidos em iniciativas sociais fora do esporte. Ele inspirou colegas atletas a fazerem a diferença , especialmente nas comunidades em que viviam.

Além de jogador e ativista, Jim Brown fez sucesso também no cinema. Ele atuou em diversas produções como Marte Ataca!, Os Doze Condenados, O Sobrevivente e Um Domingo Qualquer.

Assim como as demais equipes da NFL, o Cleveland Browns emitiu uma nota lamentando a perda de um dos maiores ídolos de sua história.

— Jim Brown para sempre. Lenda. Líder. Ativista. Visionário. É impossível descrever o profundo amor e gratidão que sentimos por ter ter tido a oportunidade de ser uma pequena peça da incrível vida e legado de Jim. Lamentamos a sua morte, mas celebramos a luz indelével que ele trouxe ao mundo — publicou a franquia pela qual o ex-running back fez história nos campos de futebol americano.