NFL

Michael Oher diz que filme sobre sua história afetou sua carreira

(Crédito: divulgação/Tennessee Titans)

(Crédito: divulgação/Tennessee Titans)

O filme “Um Sonho Possível” foi um sucesso de crítica e bilheteria. Mas uma pessoa em especial não gostou: o próprio personagem do filme, Michael Oher.

O jogador, atualmente no Carolina Panthers, disse que a película afetou sua carreira, fazendo com que as pessoas o olhassem pelo que viram no filme, e não pelo que ele faz dentro de campo.

Leia nossa coluna Redzone, cheia de opinião sobre a NFL

O assunto veio a tona depois que o jogador se envolveu em pequena disputa com o defensive end dos Panthers, Kony Ealy, e questionaram se isso aconteceu porque Oher quer provar seu valor após duas temporada ruins no Baltimore Ravens e Tennessee Titans.

“Eu não estou tentando provar nada,” disse Oher. “As pessoas olham pra mim e tiram conclusões a partir do filme. Eles não enxergam a habilidade e o tipo de jogador que sou. Por isso que sou subvalorizado, por coisas que fiz fora de campo.”

“Esse tipo de coisa, me chamando de decepção, dizendo se posso jogar ou não… Isso não tem nada a ver com o que faço dentro de campo. É por isso que não gosto daquele filme.”

O jogador foi escolha de primeira rodada dos Ravens em 2009, e foi titular da equipe na campanha do Super Bowl em 2012. Após isso, Oher teve temporada ruins, e começou a rodar a NFL. Saiu dos Ravens, ficou um ano nos Titans, e em 2015 tenta reviver a carreira nos Panthers, aonde assinou contrato de dois anos valendo US$7 milhões

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top