Luto na NFL: a comoção com a morte de ex-jogador aos 31 anos

Igor Ribeiro | 19/04/2023 - 11:30

A NFL está de luto. Na última terça-feira (18), o ex-defensivo Chris Smith, que atuou por oito temporadas na liga, morreu aos 31 anos. A informação foi confirmada por seu agente, Drew Rosenhaus, nas redes sociais. 

A causa da morte de Smith não foi divulgada pela imprensa norte-americana. O ex-jogador foi selecionado pelo Jacksonville Jaguars como quinta escolha no Draft de 2014. Também atuou por Cincinnati Bengals, Cleveland Brown, Las Vegas Raiders, Carolina Panthers e Baltimore Ravens.  

— Descanse em paz, Chris. Minhas condolências a todos os seus familiares, amigos e entes queridos. Nós sentiremos sua falta —, escreveu o agente. 

Chris Smith passou por uma grande tragédia em sua vida pessoal, durante a temporada de 2019. A namorada do ex-jogador, Petara Cordero, foi vítima de um acidente de trânsito e faleceu aos 26 anos.  

Ela era passageira no carro do atleta e saiu do veículo para conferir um dos pneus que apresentava defeito, mas acabou atropelada por uma motorista de outro carro no acostamento. O caso aconteceu cerca de um mês após terem uma filha. 

Luto na NFL: a comoção nas redes sociais 

Nas redes sociais, houve uma comoção por parte dos ex-companheiros de equipe. David Njoky, que fez parceria com o jogador no Cleveland Browns, destacou sua alma gentil e o colocou como herói de Salisbury, Carolina do Norte – sua cidade natal.  

— Herói da cidade natal e irmão de todos. Uma alma tão gentil. Isso é de partir o coração — 

Ex-quarterback do Raiders, Derek Carr, também fez questão de mandar suas condolências à família e compartilhou uma foto de ambos, enquanto jogavam juntos. Na publicação, ele declarou que amava seu amigo.  

Em 72 jogos da NFL na carreira, ele teve 80 tackles e 11 sacks. Sua última equipe na liga foi o Houston Texans, em 2021. Porém, Chris havia assinado, em março, com o Seattle Sea Dragons para competir na XFL – liga alternativa de futebol americano. 

Escrito por Igor Ribeiro
Igor Ribeiro é especialista em lutas e MMA e começou a carreira na área como redator e repórter do site Super Lutas, até se tornar coordenador. Foi reporter do Quinto Quarto até julho de 2023.