NFL

DRAFT NFL 2014: PRIMEIRA RODADA

PRIMEIRA RODADA

 

  1. Houston Texans – Jadeveon Clowney – DE – South Carolina: Clowney é, sem sombra de dúvidas, o melhor atleta do draft desse ano. Com uma combinação rara de força, velocidade, balanço e técnica, o defensive end tem talento para ser um dos melhores na posição já no seu primeiro ano na liga. Com uma facilidade enorme de chegar ao quarterback e inteligência acima da média, Clowney será um pesadelo para as linhas ofensivas adversárias.
  2. St. Louis Rams – Greg Robinson – OT – Auburn: Robinson é muito forte e tem braços muito grandes, característica essencial para um offensive tackle. Precisa corrigir alguns detalhes da técnica de proteção de passes, mas é impecável em relação à proteção de corridas. Usa sua força para afastar a linha defensiva, criar espaçamento para a passagem de running backs e impedir o avanço de blitzes.
  3. Jacksonville Jaguars – Blake Bortles – QB – Central Florida: Bortles é alto e tem um ótimo porte para a NFL. O quarterback é confiante, consegue sair do pocket quando pressionado e tem uma excelente visão de campo. Para se tornar um quarterback de elite na NFL, Bortles precisará melhorar a força e a mecânica de seus lançamentos e aprender a evitar lançar bolas com grandes chances de interceptação.
  4.  Buffalo Bills (trocou com Cleveland Browns por escolha de primeira rodada de 2014 e 2015 e uma de quarta rodada) – Sammy Watkins – WR – Clemson: Considerado o melhor da posição no draft deste ano, Atkins se destaca por sua velocidade. No Combine, o WR correu 40 jardas em 4,43 segundos. Com 1,86 m e e 95 quilos, o jogador também tem muita habilidade com as mãos. Pesam contra Watkins a sua dificuldade em receber passes no meio e seu comportamento extracampo, que já rendeu uma prisão em maio de 2012 por posse de drogas.
  5. Oakland Raiders – Khalil Mack – OLB – Buffalo: Originalmente um jogador de basquete, Mack possui um instinto único para identificar e destruir ataques adversários. Atuando no meio ou pelas pontas, Mack é ótimo tanto na marcação individual, quanto na marcação por zona. Seu alcance pulando na vertical chamou atenção no combine.
  6. Atlanta Falcons – Jake Matthews – OT – Texas A&M: Matthews joga naturalmente e possui uma técnica impecável. É um ótimo protetor de corridas e tem facilidade em criar espaços para a passage do jogo corrido. Usa seus braços longos para controlar e impedir o avanço da defesa adversária. A família Matthews formou grandes jogadores na história da NFL. O pai de Jake, Bruce Matthews, jogou por 18 anos no Houston Oilers/Tennessee Titans e está no Hall da Fama da NFL. Seu primo, Clay Matthews, é um dos melhores linebackers da liga jogando pelo Green Bay Packers.
  7. Tampa Bay Buccaneers –  Mike Evans – WR – Texas A&M: O melhor amigo de Johnny Manziel dentro de campo em Texas A&M acumulou 69 recepções para 1.394 jardas e 12 TDs em 2013. O que impressiona em Evans é o seu tamanho e seu peso. Medindo 1,98 m e pesando 104 kg, o perfil físico do jogador pode ser prejudicial para alguns, mas Evans domina fisicamente os marcadores e pode ganhar vantagem nisso.
  8. Cleveland Browns (troca Minnesota Vikings por nona escolha do draft de 2014 e escolha de número de 145) – Justin Gilbert – CB – Oklahoma State:
    Com uma velocidade impressionante, o cornerback foi finalista do Jim Thorpe Award de 2013, com 42 tackles, sete passes desviados e sete interceptações em 13 jogos. A velocidade e o poder atlético empolgam os donos das franquias.
  9. Minnesota Vikings (escolha vinda do Cleveland Browns) – Anthony Barr – LB – UCLA: Barr possui um grande poder de reposicionamento. Mesmo quando o linebacker está longe da jogada, sua aceleração permite uma recuperação no lance. Os tackles são precisos e, muitas vezes, violentos. Barr possui a fama de “aposentar” quarterbacks
  10. Detroit Lions – Eric Ebron – TE – North Carolina: Eric Ebron é o principal tight end disponível no draft. Seu arranque é sensacional, bem como sua capacidade singular de agarrar arremessos e ganhar jardas após o contato. Em 2013, Ebron bateu o recorde de Vernon Davis, com 62 recepções e 973 jardas. Com 1,95 m e 114 kg, Ebron é um alvo grande e difícil de ser marcado.
  11. Tennessee Titans – Taylor Lewan – OT – Michigan: Em Michigan, Lewan teve uma ótima carreira universitária jogando em uma divisão com adversários muito fortes, o que prova sua capacidade de encarar defensores furiosos na NFL. O offensive tackle tem agilidade e técnica para impedir o avanço de linebackers em jogadas de passe ou corrida. Apesar do potencial de proteção, precisa melhorar sua explosão pós-contato. Precisa de desenvolvimento e maturidade no jogo, mas tem potencial para se tornar um tackle de destaque na liga.
  12. New York Giants – Odell Beckham Jr. – WR – LSU: Recebedor com grande habilidade em retornos. Na LSU, retornou 68 punts para 557 jardas e dois touchdowns. Tem bons números após a recepção e é rápido em suas rotas.
  13. Saint Louis Rams –Aaron Donald – DT – Pittsburgh: Atleta explosivo e muito rápido. Em combates individuais com offensive tackles, Donald geralmente leva vantagem. Apesar de ser primordialmente um defensive tackle, também jogou na Universidade de Pittsburgh como defensive end e outside linebacker, podendo suprir qualquer uma dessas posições na NFL. Apesar da sua eficiência como pass-rusher, é considerado pequeno para a sua posição, fato que o afasta das primeiras escolhas do draft desse ano.
  14. Chicago Bears – Kyle Fuller – CB – Virginia Tech: Faz parte de uma família de jogadores da NFL e que jogaram em Virginia Tech. Perdeu quatro partidas em sua última temporada na universidade, em que acumulou 24 tackles, 10 passes desviados e duas interceptações.
  15. Pittsburgh Steelers – Ryan Shazier – OLB – Ohio State: Mesmo não tendo participado do NFL Combine, Shazier era figura certa na primeira rodada do draft. É ágil para um linebacker e pode abrir espaços entre a linha ofensiva rapidamente.
  16. Dallas Cowboys –Zack Martin – G – Notre Dame: Martin é muito móvel. Se ajusta com facilidade a jogadas adversárias e impede investidas da defesa com seu jogo de mãos preciso. O offensive tackle sabe se posicionar muito bem para evitar que o impacto adversário o tire da jogada. Sua envergadura é considerada fora do ideal para a posição, fato que pode levar o jogador a atuar como offensive guard na NFL. Martin é considerado um líder e, por anos, foi uma peça fundamental da defesa de Notre Dame.
  17. Baltimore Ravens – C.J. Mosley – LB – Alabama: Um dos jogadores de defesa imperdíveis da primeira rodada de escolhas. Foi elogiado pela lenda dos Ravens e comentarista da ESPN, Ray Lewis. Em 2013, foi eleito o jogador defensivo do ano na SEC após ter jogado todas as 13 partidas da temporada.
  18. New York Jets – Calvin Pryor – S – Louisville: Pryor chamou a atenção da NFL com os lances plásticos e as interceptações fantásticas em Louisville. É extremamente rápido, mas a sua ousadia pode custar caro na secundária dos Jets.
  19. Miami Dolphins – Ja'Wuan James – OT – Tennessee: Chega para suprir a necessidade dos Doplhins de proteção ao quarterback. Tem ótimas mãos e tamanho para a posição. Na NFL precisará melhorar seu trabalho com as pernas para se tornar o OT que Miami espera
  20. New Orlean Saints (trocou com Arizona Cardinals por escolha de primeira rodada em 2014 e uma de terceira rodada) – Brandin Cooks – WR – Oregon State: Mais uma arma para Drew Brees. Foi considerado melhor recebedor universitário do país em 2013 quando quebrou o recorde da divisão PAC-12 de passes recebidos e jardas de recepção
  21. Green Bay Packers – Ha Ha Clinton Dix – S – Alabama: Considerado por muitos o melhor safety da liga, chega para melhorar a secundaria desfalcada dos Packers. Um jogador com alto QI de futebol americano
  22. Cleveland Browns (troca com Philadelphia Eagles por escolha de primeira rodada de 2014 e uma de terceira) – Johnny Manziel – QB – Texas A&M: Johnny Manziel é uma celebridade. O quarterback ganhou muita visibilidade e recebeu o apelido de Johnny Football ao se tornar o primeiro freshman da história a receber o troféu Heisman, concedido ao melhor jogador universitário da temporada. Um dos maiores atributos do quarterback é o jogo corrido. Manziel tem uma facilidade enorme de sair do pocket em jogadas de passe e ganhar muitas jardas com os pés, além de lançar a bola em movimento com grande precisão. Essa é uma tendência que pode trazer um impacto extremamente positivo nas jogadas ofensivas de muitas franquias da NFL.
  23. Kansas City Chiefs – Dee Ford – DE – Auburn: se diferencia pela habilidade de explosão após o snap e pelo contínuo esforço dentro de campo. Apesar de ser consideravelmente magro para a posição, tem facilidade em se antecipar ao offensive tackle e chegar ao quarterback pelos lados. Ford foi impedido de participar do NFL Combine devido a um problema nas costas, fato que pode prejudicar seu draft stock.
  24. Cincinnati Bengals – Darqueze Dennard – CB – Michigan State: Melhor defensive back de 2013, era cotado para sair no top 15. Não participou do combine devido a uma lesão na perna esquerda. Tem como principal qualidade a marcação homem a homem e boa antecipação na marcação
  25. San Diego Chargers – Jason Verrett – CB – TCU: Em TCU, liderou a Big 12 em interceptações, sendo eleito o jogador defensivo do ano. A sua estatura, 1,75 m, é vista como o principal problema do jogador. Terá que jogar muito para superar a sua altura.
  26. Philadelphia Eagles (vinda do Cleveland Browns) – Marcus Smith – DE – Louisville: Ótimo pass rusher, boas mãos e pernas, um grande atleta. Considerado o jogador defensiva do ano pela conferência atlética americana. Peca pela falta de força. Era cotado para sair entre o terceiro e quarto round
  27. Arizona Cardinals (Vinda do New Orleans Saints) – Deone Bucannon – SS – Washington State:
    Com 1,86m e 96 kg, Bucannon segue a tendência de defensores altos e fortes. Ótimo contra o jogo corrido, Bucannon não é de desviar e sempre procura o contato. Além de atuar como safety, Bucannon se destaca no time de especialistas.
  28. Carolina Panthers – Kelvin Benjamin – WR – Florida State: Grande alvo na end zone por ser um jogador muito alto. Chega para ajudar Cam Newton com seu corpo de recebedores desfalcado. Teve seu foco no futebol americano questionado várias vezes, chegou a recusar um workout particular com uma time da NFL.
  29. New England Patriots – Dominique Easley – DT – Florida: Easley possui um tempo de reação invejável. Suas mãos são rápidas e dificultam os bloqueios. Mesmo não sendo muito alto (1,89 m), Easley consegue ler bem os olhos do quarterback, bloqueando os lançamentos. Sua fraqueza está na condição física.
  30. San Francisco 49ers – Jimmie Ward – SS – Northern Illinois: Os 49ers repetem a dose do ano passado e selecionam outro DB na primeira rodada. É rápido, intenso e enérgico. Agressivo contra a corrida, porém é fraco para a posição. Em um time que enfrenta Marshawn Lynch duas vezes por ano, pode ser um problema
  31. Denver Broncos – Bradley Roby – CB – Ohio State: Contrariando a tendência de uma secundária mais alta, Roby compensa a falta de altura com leitura de jogo e agressividade. O cornerback possui uma enorme velocidade de reação, bem como uma grande capacidade de mudar de rota sem tirar os olhos da bola.
  32. Minnesota Vikings (trocou com Seahawks por uma escolha de segunda rodada e outra de terceira) –  Teddy Bridgewater – QB – Louisville: Por algumas semanas após o Super Bowl XLVIII, Bridgewater foi cotado por muitos analistas como a provável primeira escolha do draft de 2014. Quando foi convidado para o NFL Combine, em fevereiro, o jogador optou por não fazer alguns exercícios, como a corrida de 40 jardas e lançamentos demonstrativos. A situação do quarterback piorou após seu péssimo desempenho no Pro Day de Louisville, universidade onde jogava.Apesar da queda de expectativas o quarterback joga muito bem quando pressionado e possui uma mecânica de lançamento bem desenvolvida. Em 2013, Bridgewater lançou para 31 touchdowns e apenas quatro interceptações, completando mais de 70% dos passes.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top