No Huddle – Colin Kaepernick chega a acordo com a NFL e data do jogo no Havaí

André Garda | 21/03/2019 - 21:02

Colin Kaepernick, quarterback da NFL
(Crédito: Instagram/reprodução)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O quarterback Colin Kaepernick e Eric Reid, safety do Carolina Panthers, encerraram seu processo de queixa contra a NFL. De acordo com o ‘Wall Street Journal’, eles irão receber menos de US$ 10 milhões no total. Kaepernick havia iniciado o processo em 2017 sob os acordos do acordo coletivo de trabalho alegando colusão.

– O Los Angeles Rams e o Dallas Cowboys irão se enfrentar em 17 de agosto no Havaí, anunciou a franquia da Califórnia nesta quinta-feira. O jogo será em Honolulu, no Aloha Stadium, que recebeu diversas edições do Pro Bowl antes de ele ser transferido para Orlando.

– Os proprietários da NFL irão considerar expandir os replays para revisar pass interference durante a reunião anual da liga, que começa no domingo e irá até quarta-feira.

– O Tampa Bay Buccaneers fez história ao se tornar a primeira equipe da NFL com duas mulheres como treinadoras na sua comissão técnica. A equipe adicionou Maral Javadifaras como assistente de força e treinadora de condicionamento e Lori Locust como assistente do treinador da linha defensiva.

– Antonio Brown insistiu que não tem rivalidade com o linebacker Vontaze Burfict, seu colega de equipe de Oakland Raiders. “É engraçado como a NFL faz você de vilão com seu próprio companheiro de equipe agora! Coisas aconteceram em campo, mas com todo respeito isso foi em campo”.

– O Atlanta Falcons planeja renegociar o contrato do wide receiver Julio Jones pela segunda temporada consecutiva, disse o general manager Thomas Dimitroff. “Vamos continuar a falar com Julio e seu representante. Tivemos boas conversas com ele. Não há prazo para isso”.

– O general manager John Lynch revelou os planos do San Francisco 49ers nesta offseason. “Em temos do que fizemos (na free agency), isso nos dá flexibilidade (para o draft). Temos ideia de algumas áreas que precisamos melhorar”.

– Will Grier, quarterback de West Virginia, encontrou o Carolina Panthers e o Washington Redskins.

Escrito por André Garda
Amante de esportes em geral e ex-jogador de beisebol. Apesar de preferir o passatempo americano e torcer pelo New York Yankees, me redimo ao acompanhar o sofrido Miami Dolphins na NFL e fico sem time da NBA.