NFL

Após ver filme ‘Concussion’, Revis afirma: “me pegou de jeito”

(Crédito: Sony/divulgação)

(Crédito: Sony/divulgação)

Recentemente, o cornerback Darrelle Revis, uma das estrelas do New York Jets, perdeu duas partidas devido a uma concussão. E, neste meio de semana, o defensor compareceu à estreia do polêmico filme ‘Concussion’, estrelado por Will Smith, que interpreta o papel do Dr. Bennet Omalu, o responsável pela descoberta da encefalopatia traumática crônica (CTE, em inglês) e por trazer a doença à tona no mundo da NFL. Depois de assistir ao filme, Revis se disse bastante impactado pelo conteúdo.

“Faz você pensar sobre outras coisas, mas ao mesmo tempo, eu acredito que ainda tenho muito futebol americano para jogar. Mas você nunca sabe essas coisas. Isso é algo sério”, declarou Revis na última quinta-feira (17), segundo o site ‘Newsday’.

O camisa 24 dos Jets também comentou as cenas que contam a história de Mike Webster, ex-center do Pittsburgh Steelers e membro do Hall da Fama do Futebol Americano Profissional (PFHOF), que faleceu aos 50 anos de idade e se tornou o primeiro jogador da National Football League a ser diagnosticado com a CTE.

“Me pegou de jeito. Ele tomando pancadas por 77 mil vezes na cabeça, ele (atuava) em uma posição diferente, mas ainda assim. E essas coisas estão acontecendo mais tarde na vida. Eu estou bem agora, mas dizem que 28% dos jogadores terão CTE. Esse é um número grande”, prosseguiu.

Darrelle Revis já foi diagnosticado com duas concussões e descreveu os sintomas do trauma. “Você fica com uma nebulosidade e você apenas não se sente como você mesmo. É quase como se você estivesse doente e não se sentisse bem, como tendo um vírus ou algo do tipo. Uma vez que você tem uma concussão, você ouve coisas, mas não compreende. Você conversa com os médicos e os ouve, mas há muitas coisas envolvidas. Então você apenas precisa passar por todo o procedimento e esperar seu cérebro voltar ao normal, porque você não está em um bom lugar”, descreveu.

Mesmo com todos os riscos inerentes à profissão de jogador profissional de futebol americano, Darrelle Revis não se arrepende de sua opção de carreira e também nega que viva com medo de ter encefalopatia traumática crônica.

“Há muitas coisas que você tem que deixar de lado para viver neste emprego. Eu não vou levar de forma diferente com isso do que eu fiz com qualquer outra lesão que tive. Eu acho que somos pessoas com muita força de vontade para atuar neste esporte, em termos de lesões ou tolerância à dor. E você apenas tenta lutar contra essas coisas para jogar o esporte que você ama”, afirmou. “Eu acho que há uma solução para isso. Se nos ajudarem, ficaremos bem”.

O cornerback dos Jets, inclusive, sugeriu capacetes melhores, com um “melhor enchimento”.

“Isso vai nos ajudar, os profissionais, vai ajudar na faculdade e vai ajudar as crianças. Você não deseja que um garoto de oito anos tenha uma concussão. É loucura”, finalizou Revis.

O filme ‘Concussion', que chegará ao Brasil com o título ‘Um Homem Entre Gigantes', deve estrear no país no dia 3 de março de 2016.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top