NBA

Visando uma reformulação completa, Bucks divulgam logo da próxima temporada

(Foto; Reprodução/Twitter)

(Foto; Reprodução/Twitter)

A reconstrução do Milwaukee Bucks finalmente está surtindo efeito. Depois de quatro anos fora dos playoffs, a equipe se classificou em sexto lugar na Conferência Leste, com 41 triunfos e 41 derrotas (50% de aproveitamento), à frente do Boston Celtics e do Brooklyn Nets. Para acompanhar a nova fase, a equipe pretende complementar a reformulação com uma mudança do logo na próxima temporada. A ideia foi divulgada pela franquia de Wisconsin no início da semana.

A imagem do cervo (Buck) olhando pra frente, do logo original, foi mantida, mas atualizada para algo que os designers descreveram como um cervo “mais feroz e agressivo”. O animal ainda é maior e mais velho do que o anterior, como se demonstrasse crescimento e maturidade.

“O novo Buck está apenas olhando para a frente, uma figura impositiva, determinada e focada no caminho à sua frente”, explicou a franquia ao divulgar o novo brasão no Twitter.

O verde ainda é a cor dominante, assim como no primeiro e segundo. O primeiro é o do cervo, enquanto o segundo é composto por uma bola de basquete e uma imagem de um “M’ estilizado. No entanto, o vermelho está fora da nova atualização. Foi substituído por um creme, cor que tem raiz na história da região por causa de um tijolo encontrado nas antigas construções da cidade de Milwaukee.

Os Bucks também introduziram tons de azul a um terceiro logo, caracterizando a geografia nos arredores de Wisconsin. De acordo com a equipe, o azul remete à importância dos Grande Lagos na região. Os novos logos foram revelador durante uma festa de lançamento no Bradley Center na noite de segunda-feira, na vitória da equipe sobre o Philadelphia 76ers.

“Como criar três logos que não apenas honrem nosso passado, mas também nos empurre para uma nova era e o novo futuro dos Bucks no basquete”, explicou Alex Lasry, vice-presidente de estratégia e operações da equipe, ao falar sobre o processo de design, que unem os elementos de Milwaukee e Wisconsin da qual a população local se orgulha.

O novo look é parte da reforma que começou em abril de 2014, quando os empresários Wesley Edens e Marc Lasry adquiriram a equipe de Herb Kohl pelo valor de 398 milhões de euros. Fundado em 1968, o Milwaukee só faturou o título da maior liga de basquete do mundo uma única vez, na temporada 1970-1971.

Wizards também divulgam novo logo

(Foto: Reprodução/Twitter)

(Foto: Reprodução/Twitter)

Na quarta-feira, foi a vez do Washigton Wizards revelar os novos logos da temporada 2015-16. O novo design foge completamente de qualquer alusão a um mágico (Wizard) e lembra muito mais um escudo de futebol do que qualquer outa coisa.

A estrela combinando com o Monumento de Washington dá uma boa aparência ao conjunto. O “dc” remete à capital norte-americana, e há uma pequena mão que se alonga do “dc” e tenta alcançar uma bola de basquete. As cores continuam as da bandeira dos Estados Unidos: azul, vermelho e branco, com variações em P&B, assim como tem sido nas últimas temporadas. É óbvio que o dono Ted Leonsis quer recriar a marca.

Os Wizards se classificaram para os playoffs em quinto lugar no Leste, com uma campanha de 46 vitórias e 36 derrotas, com 56,1% de aproveitamento.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top