NBA Playoffs 2024: Doncic faz triplo-duplo, Mavs viram no fim e chegam à final da Conferência Oeste

Victor Romualdo Francisco | 19/05/2024 - 00:06

Em uma das melhores apresentações de Shai Gilgeous-Alexander, que mostrou ser um verdadeiro protagonista para o Oklahoma City Thunder, o que prevaleceu foi o jogo coletivo do Dallas Mavericks e a estrela de Luka Doncic. Vencendo nos últimos segundos e por apenas um ponto, a equipe do Texas só conseguiu liderar o placar nos minutos finais e contou com cinco jogadores fazendo mais de 10 pontos para avançar à final da Conferência Oeste.

Shai foi o cestinha da partida, com 36 pontos, mas triplo-duplo foi de Luka Doncic. O craque esloveno parece não fazer esforço (e sabemos que faz, já que está lesionado) para conseguir números incríveis em sua carreira. Foram 29 pontos, 10 rebotes e 10 assistências, sendo o terceiro triplo-duplo seguido e o quarto nos playoffs deste ano.

Como foi o jogo decisivo dos playoffs entre Dallas Mavericks, de Doncic, e Oklahoma City Thunder, de Shai

Josh Giddey perdeu o seu posto de titular no Thunder e além de Chet Holmgren, Luguentz Dort era o segundo coadjuvante de Shai Gilgeous-Alexander. Do lado dos anfitriões de Dallas, Luka Doncic começou o jogo bem acompanhando por PJ Washington e o veterano Kyrie Irving.

O primeiro quarto começou com o Thunder marcando forte e abrindo nove pontos na liderança. Mas os rebotes defensivos de Dallas e o stepback de Doncic para três pontos reduziram a vantagem para dois pontos. O primeiro período terminou com uma cesta com o relógio zerando de Jalen Williams de três pontos (30 a 23 Thunder).

Shai começou o segundo quarto inspirado e ampliou a vantagem para onze pontos (38 a 27). A preocupação dos visitantes, no entanto, era que Chet Holmgren tinha apenas 5 pontos e já 3 faltas, indo para o banco.

Irving e Doncic fizeram duas grandes penetrações no garrafão e forçaram o tempo do Thunder. Até o final do segundo quarto, a liderança dos visitantes permaneceu próxima até os dois minutos finais. As mãos certeiras de Shai e Holmgren aceleraram e ampliaram a vantagem para 16 pontos – 64 a 48.

O terceiro quarto começou e a eficiência dos arremessos passou para o time do Texas, que fez a diferença de potnos cair pela metade. O Thunder parou o jogo e mais uma vez os Mavs reduziram a vantagem pelo meio – 77 a 73.

Foi o momento de Shai novamente acelerar o jogo e brilhar para ampliar a vantagem para 12 pontos. A notícia ruim para o Thunder é que Dort, importante na marcação, cometeu a quinta falta e saiu de quadra.

O último quarto começou com o placar em 90 a 83 para a equipe de Oklahoma. Sem Dort, a pressão defensiva do Thunder claramente diminuiu, assim como sua vantagem. Irving fez de três reduziu a liderança para apenas uma cesta e forçou os visitantes a pararem o jogo mais uma vez.

Os seis minutos finais foram eletrizantes, com a torcida da casa empurarrando os Mavs e os visitantes voltando com Dort e Holmgren, além de Shai, em quadra. A primeira virada do jogo veio com Doncic, quando faltava 3 minutos e 40 para of inal (107 a 105), forçando o último tempo dos visitantes.

A vantagem na liderança ficou alternando até o fim, que viu Shai fazendo uma linda ponte aérea para Chet Holmgren. Faltando dois segundos, uma falta foi marcada para os Mavs, com o placar em 116 a 115 para Oklahoma. Com os lances livres de PJ Washington, os Mavs viram a partida e acabam com a série: 117 a 116.

Contra qual time o Dallas Mavericks fará a final da Conferência Oeste da NBA em 2024?

Com a vitória de hoje, o Dallas Mavericks evitou o jogo 7 das semifinais da Conferência Oeste e matou o perigoso e promissor time do Oklahoma City Thunder. Com o 4 a 2, agora, o time de Luka Doncic aguarda a definição do Jogo 7 a ser disputado neste domingo (19) entre Denver Nuggets e Minnesota Timberwolves. A série está empatada em 3 a 3 e a partida final será disputada na casa dos atuais campeões, no Colorado.

Escrito por Victor Romualdo Francisco
Antes de ser coordenador de conteúdo do Quinto Quarto, Victor Francisco atuou por 18 anos em comunicação corporativa. Paralelamente, criou o projeto Salão Oval, maior plataforma de comunicação dedicada ao futebol americano nacional (FABR). Foi campeão brasileiro pelo Corinthians Steamrollers (2011). Narrou e comentou o esporte no BandSports, Fox Sports, Globo Esporte e ESPN. Também atuou como Social Media para a Premier League e FIVB (Federação Internacional de Voleibol).