NBA: Curry fez discurso decisivo antes de performance histórica de 50 pontos

Samir Mello | 02/05/2023 - 17:00

O Sacramento Kings pressionou os atuais campeões da NBA até o limite. Porém, no decisivo Jogo 7, realizado no último domingo (30/4), o Golden State Warriors mostrou porque são uma dinastia e seu principal jogador, Stephen Curry, entregou uma performance lendária para manter o seu time nos playoffs.

Curry entregou a primeira atuação de 50 pontos na história dos Jogos 7 na NBA, sendo, de longe, o principal foco da equipe durante a partida. No entanto, a atuação decisiva do camisa 30 começou um dia ante de os times entrarem em quadra.

No sábado, durante uma sessão para analisar vídeos do adversário, Curry pediu a palavra. ‘Eu não falo muito, mas eu tenho algo a dizer’, começou. Segundo os presentes, as palavras seguintes ressoaram com ainda mais intensidade, justamente por Curry não ser o cara mais afeito a grandes discursos, preferindo conversas mais intimistas e liderar pelo exemplo.

De acordo com reportagem de Shams Charania e Marcus Thompson II, Curry afirmou que acreditava em seu time e que eles tinham tudo o que era necessário para vencer. Ele pediu pela mesma confiança em troca, afirmando que ele os lideraria para a vitória se todos se comprometessem com a causa.

Curry também implorou para que sentimentos negativos fossem colocados de lado – mensagem provavelmente dirigida a Jordan Poole e Jonathan Kuminga, que estariam infelizes com seus minutos em quadra. Por último, Curry afirmou que quem estivesse pronto para as férias, que não entrasse no ônibus para Sacramento, mas quem permanecesse, e entrasse no ônibus, ele iria liderá-los para a vitória.

Curry terminou o discurso e perguntou se alguém gostaria de acrescentar algo. O silêncio só foi quebrado por Draymond Green. “É isso, campeão. Ninguém tem nada. É isso. O que mais pode ser dito?”, disse, empolgado.