NBA: Klay Thompson diz que ‘não liga’ para Dillon Brooks e provoca Grizzlies

Pedro Rubens Santos | 19/03/2023 - 18:33

A noite de sábado marcou o reencontro entre Memphis Grizzlies e Golden State Warriors, rivalidade aflorada nos últimos tempos graças a uma série de confrontos marcantes, provocações dos dois lados e, especialmente, às controversas atitudes de Dillon Brooks.

O ala dos Grizzlies tem sido uma peça central no clima quente que se instaura em quadra — e fora dela — sempre que as duas equipes se encaram. Nesse último duelo, Memphis levou a melhor e saiu com a vitória em casa por 133 x 119.

Klay Thompson, apesar de estar no lado derrotado, foi um dos destaques da partida. E não por sua atuação abaixo da média (14 pontos e 1 rebote em 32 minutos em quadra), mas sim pela postura nos minutos finais e após o duelo.

Enquanto o placar já apontava para o inevitável triunfo dos Grizzlies, Klay foi visto, no banco, sinalizando o número 4 para os adversários. No currículo, ele tem quatro títulos da NBA com os Warriors. Era uma resposta, segundo Evan Barnes, do ‘Commercial Appeal’, aos ataques de Brooks, que gritava do outro banco: “Vocês são horríveis”.

E não parou por aí. Na saída, ainda sobrou tempo para uma declaração pouco amistosa direcionada ao polêmico rival.

— Eu não ligo para o Dillon Brooks. Quando ele se aposentar, ninguém nunca mais falará sobre ele. Eu prometo — declarou Klay Thompson ao ‘Commercial Appeal’.

Foi uma noite ruim para os Warriors, cujos principais pontuadores vieram do banco. Jonathan Kuminga, com 24 pontos, e Jordan Poole, com 21, foram os únicos a ultrapassar a marca dos 20 pontos pelo lado visitante.

Muito crédito foi dado ao desempenho defensivo de Brooks, um marcador feroz que se orgulha de afetar o psicológico de seus adversários.

Na coletiva de imprensa após a partida, o ala de Memphis aproveitou para responder o gesto de Klay Thompson.

— É um trash talk amigável, mas eu tenho muitos imóveis lá [na mente dos jogadores] em San Francisco.

Um dos momentos mais marcantes do jogo no FedExForum também teve Brooks como protagonista. Após converter dois pontos para os Grizzlies, ainda no primeiro quarto, ele foi diretamente encarar Stephen Curry, astro dos Warriors. Veja a seguir:

Dillon Brooks ainda aproveitou os microfones para enfatizar que não teve muitas horas de sono antes da partida, em nova provocação direcionada ao rival.

— Eles [Warriors] têm o Draymond [Green] que fala muito, têm o Klay [Thompson] que fala muito, então é fácil se preparar para esse jogo. Eu só dormi quatro horas e já estava pronto para jogar.

Com a vitória, o Memphis Grizzlies chegou à 43ª na temporada e segue confortável na terceira posição do Leste, com 43-27. Já o Golden State Warriors, sétimo da mesma conferência, perdeu o 11º jogo seguido fora de casa e viu seu retrospecto cair para 36 triunfos e 36 derrotas.

A má notícia para os atuais campeões da NBA é que os próximos dois compromissos da equipe serão longe de San Francisco. Na segunda-feira, a missão é contra o Rockets, em Houston, e na quarta, diante dos Mavericks, em Dallas.

Ainda que dono de um péssimo desempenho longe de seus domínios, os Warriors estão em boas condições de classificação, ao menos para o play-in. E com os Grizzlies já praticamente garantidos na pós-temporada, cresce a expectativa por uma eventual série de playoffs entre eles.

 

Escrito por Pedro Rubens Santos
Pedro Rubens começou a trabalhar na cobertura de futebol americano no site Torcedores.com e teve uma passagem de três anos pela ESPN, onde atuou também na produção digital. Foi repórter do Quinto Quarto até julho de 2023.