JJ Redick responde críticas de Pat Beverley: ‘câmeras na arena têm olhos melhores do que os seus’

Marcelo Cartaxo | 21/02/2024 - 20:55

O ex-jogador do New Orleans Pelicans e Los Angeles Clippers, JJ Redick – hoje apresentador e comentarista na ESPN norte-americana – tem “discutido” com o jogador do Milwaukee Bucks Patrick Beverley nos últimos dias, e o golpe da vez envolveu estatísticas pessoais de Reddick.

Irritado com os comentários recente de Patrick Beverley em seu podcast, Redick publicou nas redes sociais estatísticas das semifinais de conferência de 2015, quando os Clippers de JJ enfrentaram os Rockets de James Harden.

Em muitas situações, Redick era o defensor primário de Harden, jogador que mostrava estar entrando em um dos melhores anos de sua carreira.

Pat Beverley disse que Redick havia sido “incendiado” enfrentando James Harden. O termo diz respeito ao fato de que, de acordo com Beverley, JJ Redick teria tido grande dificuldade enfrentando o “Barba”, mas o comentarista decidiu rebater a fala do jogador dos Bucks com alguns números:

  • Enfrentando Harden, de 58 arremessos tentados pelo então astro do Houston Rockets apenas 21 foram convertidos.
  • Quando James Harden estava isolado contra JJ Redick e o tinha como defensor primário, o aproveitamento no arremesso de Harden foi inferior à um ponto (0.94) por jogadas de “iso” em 37 situações como esta.

Além disso, JJ segurou Harden para 37.5% de aproveitamento em arremessos de quadra, diminuindo os 42.9% que tinha o principal jogador dos Rockets naquela temporada.

Como a briga entre JJ Redick e Patrick Beverley chegou neste nível?

Recentemente no programa First Take, JJ Redick comentava sobre a situação vivida pelo Milwaukee Bucks, time que decidiu demitir seu técnico no meio da temporada (Adrian Griffin) para tentar expandir seus horizontes. No fim trouxeram outro técnico, mais experiente, Doc Rivers.

O atual treinador dos Bucks após mais de um mês comandando a franquia fez algumas entrevistas em que abriu o jogo dizendo que não entendeu o motivo da franquia que foi campeã há três anos atrás contratá-lo. Em seguida, comentou sobre a fase vivida pelos jogadores de modo que não foi bem visto pela mídia, e mais recentemente falou sobre Kawhi Leonard, estrela dos Clippers.

Reddick jogou para Doc Rivers em seus tempos como um Clipper, e as falas que foram direcionadas ao treinador durante o programa exibido na terça-feira (20) não agradou alguns jogadores, dentre eles Beverley. O comentarista disse que o treinador sempre encontra “desculpas” para o que acontece com os times que treina, e nunca assume a responsabilidade pelos seus atos.

— É sempre uma desculpa. Sempre jogando sua equipe debaixo do ônibus… nunca há responsabilidade com esse cara. — Disse Redick.

Patrick Beverley logo em seguida saiu em defesa de seu treinador, afirmando que JJ Redick não é agradecido pelo o que Rivers fez pelo jogador.

— “Esse cara”, o Doc, na verdade salvou sua carreira. Te escalou quando mais ninguém queria, e você se aposenta, vai para a televisão e diz isso? — Comentou Beverley sobre a fala de JJ Redick.

Desde então, as duas personalidades tem rebatido um ao outro através das redes sociais, o principal meio de propagação das de suas falas em podcasts e programas ao vivo. Reddick chegou a rebater a fala de Beverley, dizendo que recebeu proposta de outro time para receber o mesmo que ganhava nos Clippers e a titularidade.

Escrito por Marcelo Cartaxo
Marcelo Cartaxo é um estudante de jornalismo na Universidade Veiga de Almeida, cujo interesse e paixão pelo jornalismo esportivo o levaram a acumular experiências em várias plataformas renomadas. Sua trajetória inclui colaborações notáveis em veículos como Premier League Brasil, Minha Torcida, Esportelandia, Futebol na Veia e ShaftScore.