Rui Hachimura explica porque escolheu a camisa 28 nos Lakers

Márcio Júnior | 31/07/2023 - 19:25

Rui Hachimura foi uma das peças mais importantes dos Los Angeles Lakers na última pós temporada da NBA. Ao lado de LeBron James e Anthony Davis, o ala ajudou um desacreditado Lakers a chegar nas finais da Conferência Leste.

Se o japonês já estava muito próximo de conquistar o coração do torcedor dos Lakers, depois da explicação do porque ele escolheu vestir a camisa 28 na franquia da California, certamente vai conquistar corações na California.

VEJA TAMBÉM

+ NBA: Técnico rival revela “puxão de orelha” em LeBron James nas Finais da NBA de 2016

++ NBA dá bronca em Lillard por estratégia para fechar ida ao Miami Heat

Hachimura costumava usar a camisa 8 na época do Washington Wizards, além de ser o dia do seu aniversário, “Hachi” em japonês quer dizer oito. Quando chegou aos Lakers, teve que abandonar o número já que ele foi aposentado e, para sempre, pertence ao ídolo Kobe Bryant.

 

Porque Rui Hachimura escolheu a camisa 28 nos Lakers?

Como a camisa 8 não estava disponível, o jogador optou por uma solução simples e honrada: uma homenagem ao ídolo Kobe Bryant e a sua filha, Gianna Bryant. Kobe e Gigi, além de outras sete pessoas, morreram de forma trágica em um acidente de helicóptero, em janeiro de 2020.

Gigi usava a camisa 2 em seus jogos, e Rui nasceu no mês de fevereiro, 2º mês do ano. Além do dia 8 ser o seu aniversário, “Hachi” significar oito em japonês. Então, Hachimura decidiu juntar os números de Kobe e sua filha, e chegou ao 28. Uma coincidência que o ala-pivô dos Lakers mal pôde acreditar.

— Meu aniversário é 8 de fevereiro. Normalmente sou o número oito. ‘Hachi’ significa oito, em japonês, então é por isso que eu queria usar o número 8, mas esse é o número de Kobe e eu sabia que seria difícil. Então eu decidi: é meu aniversário, mas também é o número de Kobe. E o número 2 é o número de sua filha, então eu fiquei tipo: ‘ok, isso vai ter um grande e profundo significado’. Eu simplesmente gostei do número, então é por isso que escolhi — disse Rui Hachimura.

 

Rui Hachimura renova com os Lakers

Mesmo com a varrida nas Finais da NBA, contra o Denver Nuggets, a produção de Hachimura agradou a direção dos Lakers. Logo depois da abertura da free agency, a franquia da California chegou a um acordo de renovação do contrato de US$ 51 milhões (cerca de R$ 247 milhões) com o ala-pivô.

Na pós temporada o jogador se destacou e foi um dos grandes nomes. Em alguns momentos, assumindo responsabilidades e sendo decisivo. Em um desses jogos, na vitória contra o Memphis Grizzlies, na primeira rodada dos playoffs, Rui se tornou o único jogador da história dos Lakers com mais de 25 pontos saindo do banco,

Escrito por Márcio Júnior
Márcio Júnior é baiano formado pela Faculdade Regional da Bahia. Cobriu de carnaval a Copa do Mundo na TVE Bahia, onde venceu o prêmio de reportagem do mês. Apaixonado por futebol, NBA, NFL e games de história. Torcedor do Bahia e Los Angeles Lakers. Passei pela ALBA, Rádio Educadora, Superesportes e Trivela. No Quinto Quarto desde julho de 2023.