MLB

No jogo mais longo da história dos playoffs, Muncy decide e Dodgers respiram na World Series

Los Angeles Dodgers

(Crédito: Twitter/reprodução)

Em uma verdadeira maratona de 18 entradas, o Los Angeles Dodgers venceu o Boston Red Sox por 3 a 2 e conseguiu ganhar um respiro na World Series. Com o resultado no Dodger Stadium nesta sexta-feira, o time da Califórnia conseguiu o seu primeiro triunfo na série, que está 2 a 1 para a franquia de Massachusetts.

O jogo foi marcado por diversos recordes. Ele foi o mais longo na história da World Series e dos playoffs com 18 innings e 7 horas e 20 minutos. Cada equipe utilizou 23 jogadores e no total foram 46 atletas, mais uma marca de pós-temporada, assim como o número de arremessadores usados pelos times (9). Além disso, o Boston Red Sox anotou 19 strikeouts.

Também vale mencionar que Nathan Eovaldi, que seria o titular no jogo 4 fez mais arremessos do que o arremessador titular Rick Porcello. O walk-off de Max Muncy foi o quarto da história dos Dodgers na World Series, o primeiro desde Kirk Gibson em 1988.

Atuação dominante

Walker Buehler foi totalmente dominante contra o fortíssimo ataque do Boston Red Sox. Ele arremessou sete entradas e cedeu apenas duas rebatidas e conseguiu sete strikeouts.

Abrindo o placar

Rick Porcello vinha jogando bem e entregou 4,2 entradas, no entanto, ele jogou uma bola ruim e Joc Pederson mandou a bola para o outro lado no muro no terceiro inning. Quando o outfielder voltou ao bastão, Eduardo Rodriguez entrou em ação para ele não voltar a enfrentar Porcello.

Jansen não funcionou

Kenley Jansen entrou para jogar as últimas duas entradas e garantir a vitória. Contudo, com dois eliminados no oitavo inning, Jackie Bradley Jr. conseguiu o home run e empatou a partida, que iria para as entradas extras.

Momentos tensos

Na nona entrada, com dois eliminados, o Los Angeles Dodgers teve uma situação de bases cheias. Craig Kimbrel conseguiu sair do buraco que David Price tinha colocado sua equipe ao eliminar Brian Dozier em pop out.

Já no décimo inning, o Boston Red Sox tinha jogadores nas esquinas e Eduardo Nunez mandou bola alta no outfield. Cody Bellinger conseguiu a eliminação e fez excelente arremesso para o home plate para evitar que o time visitante virasse a partida.

Corrida da virada

Com Scott Alexander arremessando, Brock Holt chegou em base com walk e roubou a segunda base. Eduardo Nunez conseguiu rebatida simples dentro do infield e um erro no arremesso do pitcher para a primeira base permitiu que Holt cruzasse o home plate.

Empate insano

Nathan Eovaldi, que estava indo para a sua segunda entrada como reliever, começou cedendo um walk para Max Muncy em lance polêmico porque o primeira base teria ido para o swing que daria o strikeout. Em seguida, ele tomou um pequeno susto em fly out de Manny Machado pois a bola parecia ir longe. Com contagem cheia, Cody Bellinger fez pop out e Eduardo Nunez pegou a bola antes de cair em cima da torcida.

Por causa desse lance, Max Muncy avançou para a segunda base. Yasiel Puig conseguiu rebatida rasteira e Ian Kinsler errou o arremesso para primeira base, permitindo o empate.

Fim da maratona

Na 18ª entrada, com Eovaldi em sua sexta entrada, Max Muncy mandou a bola para o outro lado do muro com dois eliminados.

Comments
To Top